Micróbios que comem plástico podem ser a solução para limpar os oceanos

Há muito plástico nos oceanos – e a culpa é nossa. Mas há algo inesperado que nos poderá ajudar a reverter este terrível problema ambiental: micróbios marinhos que comem plástico.

Numa nova investigação, uma equipa internacional de cientistas estudou a forma como as comunidades de micróbios se acumulam nos plásticos poluidores dos oceanos e contribuem para a sua degradação – um mecanismo biológico natural que poderíamos explorar.

Quando o plástico entra nos oceanos, é desgastado devido a uma série de fatores não biológicos, incluindo radiação ultravioleta, temperaturas flutuantes e forças de abrasão na água do oceano.

Estes processos ambientais iniciam a devolução do material em fragmentos de microplásticos e nanoplásticos cada vez menores – mas os fatores de tensão não agem sozinhos.

“A degradação abiótica precede e estimula a biodegradação, já que os grupos carbonílicos são gerados na superfície”, explicaram os investigadores, liderados pelo engenheiro ambiental Evdokia Syranidou, da Universidade Técnica de Creta, na Grécia. “Portanto, uma ampla gama de organismos pode estabelecer-se na superfície desgastada, usando-a como substrato e como fonte de carbono.”

Para estudar o quão eficiente será esta mastigação microbiana em relação a partir ainda mais os plásticos, os cientistas recolheram amostras de detritos de polietileno (PE) e poliestireno (PS) naturalmente desgastados em duas praias da Grécia. Tendo sido lavados e cortados em pequenos pedaços, os fragmentos de plástico foram mergulhados numa solução salina que agia como uma procuração da água do oceano.

Os plásticos foram expostos a dois tipos diferentes de comunidades microbianas: organismos que ocorrem naturalmente no oceano e cepas bio-aumentadas ajustadas para formar biofilmes mais fortes em superfícies plásticas. Após cinco meses de exposição microbiana, as peças de plástico foram pesadas, revelando que os organismos nativos tinham conseguido reduzir o peso do PS em até 11% e do PE em até 7%.

De acordo com o estudo publicado na revista Journal of Hazardous Materials, a cepa não comeu tanto plástico, embora a equipa tenha observado que “parece mais eficiente em aderir às peças desgastadas e desenvolver uma comunidade de biofilme” de maior abundância.

Os resultados mais bem-sucedidos vieram de uma experiência que usou “micróbios aclimatados” – organismos já expostos aos plásticos numa simulação anterior. Noutras palavras, parece que as criaturas podem desenvolver um gosto pelos plásticos e comer mais com o tempo.

Além de mastigar o plástico, a exposição microbiana também resultou em mudanças químicas na superfície dos materiais, produzindo grupos carbonílicos e ligações duplas, e revelando processos como a cisão de cadeias que afetavam o plástico no nível molecular.

Esta não é a primeira vez que os cientistas examinaram o poder dos micróbios para ajudar a lidar com problemas de plástico. Durante anos, os cientistas investigaram a forma como os organismos poderiam comer os nossos resíduos de plástico. Cada avanço que fazemos pode ajudar nos esforços de limpeza – mesmo que a maior solução seja resolver o problema na fonte.

Até que isso aconteça, contudo, temos muito a ganhar ao aprender sobre mastigação microbiana e a descobrir uma maneira de aproveitá-la.

PARTILHAR

RESPONDER

Juiz-Anti-Confinamento

"Pelos castelos de Portugal" em protestos ilegais, juiz anti-confinamento não pode ser detido

O juiz Rui Fonseca e Castro, que se tornou conhecido pela postura anti-confinamento tem reunido vários apoiantes em protestos sem máscaras e sem distanciamento social. Mas apesar da detenção de alguns desses apoiantes, o magistrado …

Navalny. Ministros europeus analisam situação de opositor russo

Os ministros dos Negócios Estrangeiros europeus vão analisar a situação de Alexei Navalny, opositor à Presidência russa cujo estado de saúde se agravou devido à greve de fome que iniciou na prisão, anunciou este domingo …

Espanha aprova lei para proteger as crianças contra a violência. Decisão é pioneira a nível mundial

Espanha está a pouco mais de um mês de dar um passo importante em prol da defesa dos direitos sociais dos cidadãos. O Congresso dos Deputados aprovou na passada quinta-feira o projeto de lei de …

Linhas do tempo da monarquia. Pela primeira vez, Portugal vai ter um Plano Ferroviário

Pela primeira vez, Portugal vai ter um Plano Ferroviário Nacional (PFN). Esta segunda-feira, é dado o pontapé de saída para o debate nacional sobre a ferrovia. Em declarações à TSF, o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno …

Sporting volta à carga por Yaremchuk, mas tem concorrência de Paulo Fonseca

Roman Yaremchuk volta a entrar na equação do Sporting. O avançado ucraniano leva 20 golos esta temporada e pode ser reforço para a próxima temporada. O Sporting CP não desiste de procurar opções para o ataque, …

Atraso de três meses do Governo terá facilitado venda de barragens da EDP

O Ministério do Ambiente demorou quase três meses a pedir uma avaliação do negócio das seis barragens da EDP à Engie, o que terá facilitado o processo de venda. Em 30 de julho de 2020, a …

Marques Mendes acredita que Sócrates tem ajudado a extrema-direita a crescer

Segundo Luís Marques Mendes, José Sócrates "tem dado um contributo enorme, enorme, enorme para o crescimento da extrema-direita em Portugal". No seu habitual espaço de comentário no Jornal da Noite da SIC, Luís Marques Mendes defendeu …

Rio impôs candidatos a Leiria e Castelo Branco (e causou desconforto no PSD)

Em Leiria e Castelo Branco as estruturas locais do PSD mostraram-se descontentes com as escolhas de Rui Rio para a corrida às autárquicas e imputam os resultados de outubro à direção nacional do partido. Ainda no …

José Mourinho despedido do Tottenham

José Mourinho foi despedido do comando técnico do Tottenham. Os maus resultados da equipa ditaram a saída do treinador. A notícia é avançada esta segunda-feira pelo portal britânico The Athletic. O lugar do português já há …

Começou a "fotografia perfeita da população". Já pode responder aos Censos pela Internet

Os Censos 2021, a maior operação estatística nacional, já arrancou. Com as cartas com os códigos que os recenseadores distribuíram pelas casas dos portugueses, já é possível responder ao inquérito pela Internet. Os Censos são o …