Mestrado de Direito da Universidade de Coimbra exige média mais alta a brasileiros

O mestrado de Direito da Universidade de Coimbra impõe regras de acesso mais apertadas a estudantes que tenham feito uma licenciatura no Brasil.

De acordo com o Público, o mestrado de Direito da Universidade de Coimbra impõe regras mais exigentes a quem tirou a licenciatura no Brasil.

Desta forma, quem se licenciou em universidades brasileiras precisa de uma média equivalente a 16 valores para concorrer a este mestrado, enquanto os restantes estudantes – portugueses e estrangeiros – podem concorrer com média de 13 valores.

A Universidade de Coimbra justificou a discrepância ao Público dizendo que se trata apenas de uma questão de conversão dos dois sistemas de classificação, que são diferentes.

Podem candidatar-se ao mestrado todos os titulares de grau de licenciado em Direito com nota final de licenciatura de, no mínimo, 13 valores. Esta nota é também exigida a quem tenha feito um curso de Direito noutro país europeu, de acordo com os princípios do Acordo de Bolonha.

Em relação aos estudantes estrangeiros, fora da Europa, a faculdade diz que podem aceder ao mestrado os “titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado pelo Conselho Científico da Faculdade de Direito” e os “detentores de um currículo escolar, científico ou profissional, que seja reconhecido como atestando capacidade para realização deste ciclo de estudos pelo Conselho Científico”, sendo pedida uma média de 13 valores.

A exceção são os “titulares de um grau académico superior em Direito obtido no Brasil”, em que é exigida uma nota mínima final de 8 valores “sem arredondamentos”. A nota de 8 valores é o equivalente a 16 valores na escala usada em Portugal.

Rui de Figueiredo Marcos, diretor da faculdade de Direito de Coimbra, disse ao diário que não se trata de “discriminação de candidatos em razão da nacionalidade”, mas sim de “avaliar diplomas que, na sua origem, têm uma escala diferenciada”.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Podcast evita morte de um condenado (seis vezes)

Curtis Flowers foi julgado seis vezes pelo mesmo promotor de justiça. Um programa de investigação mudou o seu destino. O promotor continua a acreditar que Curtis é culpado. A própria equipa responsável pelo 60 Minutes, programa …

EUA venderam álbum único dos Wu-Tang Clan (que pertencia a Martin Shkreli)

O álbum do grupo Wu-Tang Clan, confiscado em 2018 ao antigo gestor de fundos Martin Shkreli, também conhecido como "o empresário mais odiado do mundo", foi agora vendido pelo Governo norte-americano. Num comunicado divulgado esta terça-feira, …

Bezos ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA para entrar na corrida da próxima viagem à Lua

O empresário norte-americano ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA numa tentativa de reacender a batalha espacial entre a sua empresa, a Blue Origin, e a do "rival" Elon Musk, a SpaceX. De acordo com …

Clientes com certificado digital válido impedidos de entrar em restaurantes

Estão a ser reportados vários casos de clientes que, ao apresentarem o certificado digital para poderem entrar num restaurante, não conseguem fazê-lo porque o documento está a ser considerado inválido pelos dispositivos eletrónicos. Segundo a rádio …

Covid-19 trouxe "paranoia" ao mercado

Diretor do Norwich City, da Premier League, acha que os responsáveis por alguns clubes não sabem bem o que estão a fazer nos últimos tempos. O Norwich City iria jogar contra o Coventry City, num encontro …

Israel cria "task force" para reverter boicote da Ben & Jerry's na Cisjordânia

Israel criou uma task force para pressionar a empresa de gelados norte-americana Ben & Jerry's e a sua proprietária, Unilever, a reverterem a decisão de boicotar a ocupação israelita na Cisjordânia. "Precisamos de aproveitar os 18 …

Violência armada. 430 mortos na última semana nos EUA e 2021 pode ser dos piores anos de sempre

Só na semana passada registaram-se cerca de 430 mortos e mais de 1000 feridos associados a tiroteios, num ano que está a ser marcado pelo aumento da violência armada nos Estados Unidos. O ano passado foi …

Principais indicadores da crise climática estão a atingir "ponto de inflexão", revela estudo

Um novo estudo sobre os sinais vitais do planeta revelou que muitos dos principais indicadores da crise climática estão a piorar e a aproximar-se ou ultrapassar os pontos de inflexão, à medida que as temperaturas …

Biden acusa a Rússia de tentar intervir nas eleições de 2022 para o Congresso

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, acusou na terça-feira o seu homólogo russo, Vladimir Putin, de tentar interferir nas eleições para o Congresso de 2022, espalhando "desinformação". "Veja o que a Rússia já está …

Polícias rejeitam proposta do MAI para o subsídio de risco e prometem novos protestos

Os sindicatos da PSP e as associações socioprofissionais da GNR rejeitaram, esta quarta-feira, a proposta apresentada pelo Governo para o subsídio de risco e prometem novos protestos até que seja atribuído "um valor justo". "Saímos completamente …