Membros eleitos do Conselho de Redação da RTP demitem-se e prometem eleições

Itisa / wikimedia

Sede da RTP (foto: Itisa / wikimedia)

Sede da RTP (foto: Itisa / wikimedia)

Os membros eleitos do Conselho de Redação da RTP apresentaram hoje a demissão do órgão a que pertencem e comprometem-se a realizar eleições num prazo de 30 dias, escrevem numa nota interna a que a Lusa teve acesso.

A nota é subscrita pelos nove membros eleitos do Conselho de Redação (CR) da RTP, e não apenas pelos três membros eleitos pela redação do Porto, como a Lusa noticiou anteriormente.

“Dada a situação de impasse a que o atual Conselho de Redação chegou, e porque não temos dúvidas da necessidade cada vez mais premente de um Conselho de Redação forte e em pleno exercício de funções, entendemos que não nos resta outra alternativa que não a de apresentar da nossa demissão”, refere a mensagem, enviada por email para jornalistas da estação pública, com conhecimento ao diretor de informação, Paulo Ferreira.

Para os subscritores da mensagem, a sua demissão permite “a eleição de novo órgão, com capacidade de efetivamente representar e defender os interesses, quer da redação, quer da RTP”.

Nesse sentido, os membros eleitos informam que se constituem “desde já como Comissão Eleitoral”, comprometendo-se a organizar, no prazo máximo de 30 dias, o lançamento de nova consulta eleitoral.

“Até à eleição do novo Conselho de Redação, os atuais membros eleitos asseguram, nos termos dos estatutos, o funcionamento do órgão”, acrescentam ainda.

O documento é assinado por Ana Luísa Rodrigues, Ana Sofia Rodrigues, José Carrilho, Luís Baila, Marta Jorge, Paulo Maio Gomes, Paulo Martins, Rita Ramos e Rui Sá, membros eleitos do Conselho de Redação (CR) da RTP.

No início do mês, os sindicatos afetos à RTP, com exceção do Sindicato de Jornalistas, enviaram ao regulador dos media, a Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC), uma queixa contra o Diretor de Informação da estação.

Além da queixa, foi também enviada à ERC uma exposição feita por um dos membros do Conselho de Redação da RTP.

Em causa estariam declarações de Paulo Ferreira, citadas no jornal Dinheiro Vivo, segundo o qual este lamentava que as pessoas que rescindiram voluntariamente com a RTP tivessem sido, frequentemente, “as mais talentosas”, enquanto as que ficam “acabam por ser, muitas vezes, as menos capazes”.

Num esclarecimento enviado depois à redação, a que a Lusa teve acesso, Paulo Ferreira afirmou não se rever nas declarações que lhe eram atribuídas, “nem em algumas interpretações que as mesmas poderiam originar por estarem fora do contexto”.

“É totalmente abusivo e destituído de qualquer senso pretender que, em momento algum, coloquei em causa a competência e qualificação dos trabalhadores da RTP, que sublinho interna e externamente com frequência, em referências individuais e coletivas”, afirma no esclarecimento.

No início do mês de novembro, o Conselho de Redação da RTP já tinha esclarecido que a exposição feita por um dos seus elementos à ERC, sobre o diretor de Informação da televisão pública, Paulo Ferreira, era “uma posição pessoal”, criticando o envio dessa exposição à redação, através do endereço eletrónico institucional do CR.

Em comunicado enviado à redação da RTP, o CR esclarecia que a exposição não vinculava o órgão.

Já em outubro, a redação da RTP/TV retirou a confiança na Direção de Informação, acusando-a de elaborar “listas de mobilidade” que temia serem usadas para fazer despedimentos, o que foi negado pela Direção de Informação.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

O Bosão de Higgs foi apanhado a fazer algo inesperado

Uma equipa de cientistas do Laboratório Europeu de Física de Partículas (CERN) observou o Bosão de Higgs, a fazer algo inesperado: à medida que caía, esta parecia decompor-se numa combinação inesperada de partículas. De acordo com …

Feitos de estrelas. Os nossos ossos são compostos por estrelas que explodiram

Uma nova investigação concluiu que metade do cálcio do nosso Universo é oriundo de uma supernova rica em cálcio, que explodiu há milhões de anos. O novo estudo, cujos resultados foram esta semana publicados na revista …

"Monarquia criminosa". Parlamento declara Catalunha republicana e não reconhece o rei

O Parlamento catalão aprovou esta sexta-feira uma resolução na qual declara que “a Catalunha é republicana e, portanto, não reconhece nem quer ter um rei”, rotulando a monarquia de “criminosa”. A resolução foi aprovada em sessão …

Novo método deteta metais tóxicos em alimentos e água em apenas algumas horas

Uma equipa de cientistas da Universidade de Joanesburgo, na África do Sul, desenvolveu um método sensível para detetar níveis perigosos de metais pesados em alguns alimentos e água. Os vestígios de metais como chumbo (Pb), arsénico …

Meghan Markle vence primeira batalha judicial contra jornal britânico

A Duquesa de Sussex conseguiu que o Tribunal Superior de Londres optasse por manter anónima a identidade das suas cinco amigas, como parte da ação legal que está a ser levada a cabo. O 39º aniversário …

Cientistas obrigados a rebatizar dezenas de genes humanos. A culpa é do Excel

Só no ano passado, os cientistas viram-se obrigados a mudar os nomes de 27 genes humanos por causa de um erro de leitura do Microsoft Excel. Tal como explica o portal The Verge, que avança …

"Vai continuar a queimar". Covid-19 é mais parecida com um fogo florestal do que com ondas e picos

Com o surgimento do novo coronavírus no mundo, vários especialistas previam que este iria surgir em ondas e picos. Agora a visão de futuro é outra e os especialistas dizem que a pandemia se compara …

Mudanças climáticas podem vir a causar mais mortes do que a covid-19, alerta Bill Gates

  As mudanças climáticas podem custar muito mais vidas nas próximas décadas do que a pandemia do novo coronavírus (covid-19). O alerta é do co-fundador da Microsoft, Bill Gates, que, através de uma reflexão no seu …

Descoberta a primeira disrupção gigante nas nuvens de Vénus

Uma equipa internacional de cientistas, que incluiu um investigador do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), descobriu a "primeira disrupção gigante" nas nuvens de Vénus que tem fustigado as zonas profundas da atmosfera …

TVI aposta em estúdio a Norte. Nuno Santos quer Informação mais ao estilo da SIC Notícias do que da CMTV

O diretor-geral da TVI, Nuno Santos, afirmou, em entrevista ao jornal Público, que a estação de Queluz de Baixo vai apostar num estúdio no Norte, revelando ainda que pretende mudar a Informação do canal mais …