Membro da La Manada escreve carta: “Não sou violador nem abusador”

Kai Foersterling / EPA

Milhares de pessoas protestaram em várias cidades espanholas contra a sentença do caso “La Manada”

Cinco homens foram condenados a nove anos de prisão por abuso sexual de uma jovem de 18 anos, em 2016, nas festas de São Firmino em Pamplona, quando a procuradoria espanhola pedia uma pena de 22 anos mas por agressão sexual.

Antonio Miguel Guerrero, de 28 anos, é um dos condenados do grupo apelidado La Manada. Ele e os seus quatro amigos pelo abuso sexual de uma jovem de 18 anos durante as festas espanholas de São Firmino em 2016.

Este tornou-se um caso mediático quando os cinco arguidos foram condenados a nove anos de prisão por abuso sexual e ficaram obrigados ao pagamento de uma indemnização de 50 mil euros à vítima – 10 mil cada um, depois de a procuradoria os ter acusado de agressão sexual.

No entanto, os juízes do tribunal de Navarra pensam que não se tratou de agressão sexual, mas sim de abuso sexual, porque a vítima não ofereceu resistência.

Agora, depois de protestos em todo o território espanhol em defesa da vítima, que justificou a atitude “passiva ou neutra”, por estar em estado de choque, um dos condenados quebrou o silêncio.

Antonio Miguel Guerrero escreveu uma carta ao jornal “La Tribuna de Cartagena”, que divulgou dados e imagens da vítima e publicou um polémico artigo com o nome “Eu não acredito em ti”, e que foi divulgada pela espanhola telecinco, na qual se refere à jovem como “vítima”, sempre com aspas, que utiliza igualmente na palavra “violadores”.

Não sou nenhum violador nem abusador, não odeio as mulheres e não cuspo fogo pela boca. Amanhã pode acontecer ao teu irmão, ao teu pai, ao teu filho ou até a ti e aí vais arrepender-te de ter apoiado #yositecreo”, afirmou o condenado, referindo-se ao movimento de apoio à rapariga criado nas redes sociais.

O ex-polícia espanhol adianta que a leitura da sentença do caso foi transmitida como se se tratasse do “discurso de Natal do Rei” e que, quando os cinco arguidos foram absolvidos do crime de agressão sexual, a população de Espanha fez várias perguntas: “Será que nenhum dos juízes vê televisão?, Nenhum tem redes sociais?, Nenhum leu os artigos do jornal El Español?”, a publicação espanhola que tem sido uma das principais vozes contra os arguidos.

“A todas estas pessoas posso garantir que, pelo menos a um dos três magistrados, importa-lhe bastante pouco o que se diz na televisão e nas redes sociais. São juízes e a sua missão é transmitir justiça, não caçar bruxas”, diz Antonio Miguel Guerrero, acrescentando que as mesmas pessoas que pedem penas mais pesadas para a La Manada são as que defendem “uma segunda oportunidade para Ana Julia Quezada e ‘El Chicle'”.

No último parágrafo, o ex-agente da Guardia Civil revela que tem a certeza de que vão escrever “artigos e comentários” sobre a carta para “conseguir aplausos fáceis”. Ainda assim, Antonio Miguel Guerrero garante: “Ainda confio na justiça e na sua independência”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Planetas anormalmente gigantes detetados a orbitar uma estrela jovem

Investigadores identificaram uma jovem estrela com quatro planetas do tamanho de Júpiter e de Saturno em órbita, a primeira vez que tantos enormes planetas foram detetados num sistema tão jovem. O sistema também quebrou o recorde …

Diminuição de insetos tem efeitos "inimagináveis" para os seres humanos

A diminuição do número de insetos é um problema muito mais grave do que se julgava. Nova investigação afirma que essa diminuição põe em causa cadeia alimentar e traz "consequências inimagináveis para os seres humanos". O …

Cientistas confirmam que os eletrões são perfeitamente redondos

Com uma precisão sem precedentes, cientistas mediram a forma da carga de um eletrão confirmando que é extremamente redonda. O resultado apoia o Modelo Padrão das Partículas Física e força a revisão de várias teorias …

Morte de Khashoggi foi um "erro monumental". Riade diz não saber do corpo

Em entrevista à Fox News, o ministro dos Negócios Estrangeiros saudita, Adel al-Jubeir, afirmou neste domingo não saber onde se encontra o corpo do jornalista Jamal Khashoggi, considerando que a sua morte foi um "erro monumental". …

Médicos voltam a integrar Conselho Nacional de Saúde após renúncia do presidente

A Ordem dos Médicos decidiu voltar a integrar o Conselho Nacional de Saúde, após a renúncia ao cargo do atual presidente do organismo, disse à agência Lusa o bastonário. De acordo com Miguel Guimarães, o Conselho …

Numa vila turca, os muçulmanos têm rezado na direção errada durante décadas

Os muçulmanos de uma pequena aldeia no oeste da Turquia foram obrigados a ajustar as suas orações, depois de descobrirem que estavam a rezar na direção errada durante décadas.  A descoberta partiu do imã Isa Kaya, …

Há um superaglomerado de galáxias escondido no Universo primitivo

É a maior estrutura astronómica alguma vez conhecida do antigo Universo. As evidências sugerem que a sua massa seja equivalente às maiores estruturas encontradas no Universo atual. A equipa de investigadores, liderada por Olga Cucciati, do …

Trump anuncia saída dos EUA de tratado nuclear com a Rússia

Os Estados Unidos vão retirar-se de um tratado sobre armas nucleares assinado com a Rússia durante a Guerra Fria, anunciou hoje o presidente norte-americano, Donald Trump, acusando Moscovo de violar o acordo “há muitos anos”. “A …

Os portugueses têm menos filhos do que gostariam

A diretora da representação do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) disse que em Portugal a fertilidade desejada está bastante abaixo da realizada, tendo o país uma taxa de fecundidade baixa. Mónica Ferro, que neste …

"Piranha" da era dos dinossauros aterrorizou os mares do Jurássico

Uma nova espécie de peixe, semelhante a uma piranha e que viveu há 150 milhões, no tempo dos dinossauros, é descrita na edição desta sexta-feira da revista científica Current Biology. O peixe ósseo tinha dentes como …