Médicos Sem Fronteiras fecham hospital bombardeado no Afeganistão

doctorswithoutborders.org

Fogo na ala de traumatologia do Hospital da MSF bombardeado em Kunduz,

Fogo consome a ala de traumatologia do Hospital da MSF bombardeado em Kunduz,

A organização Médicos Sem Fronteiras anunciou que encerrou a sua atividade na cidade afegã de Kunduz, depois do bombardeamento da aviação norte-americana a um seu hospital, e exigiu uma investigação independente.

Segundo a organização, 22 pessoas foram mortas, algumas das quais morreram queimadas nas camas, devido ao bombardeamento, que durou mais de uma hora, mesmo depois de Estados Unidos e as autoridades afegãs terem sido informados de que o hospital havia sido atingido, noticia a AFP.

O hospital dos MSF era a única instalação médica em toda a região nordeste do Afeganistão, com capacidade para lidar com grandes ferimentos de guerra e o seu encerramento, ainda que temporariamente, poderá ter um impacto devastador sobre os civis.

“O hospital dos MSF deixou de funcionar. Todos os pacientes críticos foram encaminhados para outros centros de saúde. Ninguém dos MSF está a trabalhar no hospital”, disse à AFP, Kate Stegeman, porta-voz da organização internacional.

Stegeman disse que não estava em condições de confirmar se o centro de traumatologia seria reaberto.

Os MSF condenam os “odiosos” atentados, que foram uma resposta da força da NATO, lideradas pelos Estados Unidos no Afeganistão.

“Presumindo que foi cometido um crime de guerra, os MSF pedem que uma investigação completa e transparente sobre o sucedido, a ser efetuada por um organismo internacional independente”, disse o diretor-geral dos MSF, Christopher Stokes.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Açambarcamento de medicamentos por Portugal? "É um total absurdo", diz Infarmed

O Infarmed - Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde reagiu à acusação feita por uma organização belga, que dizia que Portugal está a fazer um armazenamento excessivo de medicamentos essenciais para o tratamento …

Descoberto âmbar com 40 milhões de anos com duas moscas a acasalar

Há 40 milhões de anos, no supercontinente Gonduana, duas moscas que se encontravam a acasalar viram-se, inesperadamente, numa situação complicada. De alguma forma, este par de moscas de pernas longas (Dolichopodidae) ficou preso na seiva pegajosa …

40 marinheiros do porta-aviões Charles de Gaulle com sintomas de covid-19

Quarenta marinheiros do porta-aviões francês Charles de Gaulle apresentaram recentemente "sintomas compatíveis" com os da infeção pelo novo coronavírus e estão sob "observação médica reforçada", anunciou o Ministério da Defesa. "A partir de hoje, uma equipa …

Medidas para as prisões, apoios às empresas, suspensão de tarifas. Parlamento discute mais de 100 iniciativas

Medidas excecionais para prisões e banca, mais apoios às empresas ou à cultura ou a suspensão de propinas e das tarifas de gás e luz são alguns dos temas que vão passar esta quarta-feira pelo …

Trump tem "interesse financeiro" em farmacêutica que produz hidroxicloroquina (a sua "cura" para a Covid-19)

Donald Trump falou da hidroxicloroquina como uma potencial "cura milagrosa" para a Covid-19, apesar das recomendações contrárias de especialistas e da falta de estudos científicos válidos que confirmem os benefícios da substância. O The New …

Restos de bombas atómicas revelam longa vida dos tubarões-baleia

Cientistas estão a determinar a esperança de vida do maior peixe dos oceanos com a ajuda de testes de bombas atómicas realizados durante a Guerra Fria, entre os anos 50 e 60. Em perigo de extinção, …

Telescópio russo apanha o despertar de um buraco negro

O telescópio russo ART-XC do observatório espacial Spektr-RG detetou uma fonte brilhante de raios-X no centro da Via Láctea, que acabou por revelar ser o "despertar" do buraco negro 4U 1755-338. A descoberta ocorreu no passado …

O cometa interestelar 2I/Borisov partiu-se em dois

O cometa interestelar 2I/Borisov, o primeiro do seu tipo a ser descoberto em agosto do ano passado, começou a dividir-se em duas partes na semana passada. As imagens contínuas do telescópio espacial Hubble do objeto interestelar …

Estudo estima 471 mortes em Portugal até agosto (e que o pico foi atingido a 3 de abril)

De acordo com as estimativas do estudo, cerca de 151.680 pessoas vão morrer na Europa durante a "primeira vaga" da doença. Um estudo divulgado esta terça-feira nos Estados Unidos estima que a covid-19 venha a provocar …

Mais de metade da população mundial está fechada em casa

Mais de metade da população mundial (52%) está atualmente confinada nas suas casas por ordem das autoridades para combater a propagação da doença covid-19. Segundo um balanço feito pela agência France Fresse (AFP), mais de quatro …