Marisa Matias foi aos Açores alertar para o crescimento da extrema-direita

Tiago Petinga / Lusa

A candidata pelo Bloco de Esquerda à Presidência da República, Marisa Matias

Marisa Matias, candidata à Presidência da República, aterrou nos Açores e não fugiu ao assunto: falou do governo regional e do Chega, alertando para o crescimento da extrema-direita e apontando o dedo a Marcelo Rebelo de Sousa.

No quarto dia de campanha, Marisa Matias foi aos Açores. Depois de referir que a situação política recém-formada na região veio acentuar as fragilidades, disse aos jornalistas que não daria luz verde a um executivo apoiado pelo Chega, à semelhança do que tem vindo a defender.

“Na primeira vez que temos um Governo a depender da extrema-direita, a primeira ação é retirar apoios a quem mais precisa, a maioria dessas pessoas afetadas são crianças”, justificou, acrescentando que, a seu ver, um Presidente “deve fazer tudo o que está ao seu alcance para evitar programas de Governo que incidam sobre retirar apoios sociais aos mais pobres dos pobres quando o seu papel é protegê-los”.

“Se provas fossem necessárias de porque é que não se pode deixar crescer e naturalizar a extrema-direita e validar esse tipo de soluções é esta”, atirou Marisa, citada pelo Observador, lançando uma farpa a Marcelo Rebelo de Sousa.

Relativamente à figura do Representante da República nos Açores, a candidata defendeu que as funções do cargo “têm de se manter” para que continue a ser possível dar posse ao Governo regional e proceder à fiscalização preventiva e sucessiva das leis no arquipélago.

De acordo com o Expresso, Marisa Matias visitou duas ilhas nos dois arquipélagos do país. Depois de ter aterrado em São Miguel na quarta-feira, vinda da Madeira, a candidata reuniu-se com a UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta e com um representante da União Audiovisual nos Açores, que tem liderado as ajudas aos profissionais da cultura.

Lembrando que os Açores estão no top da violência contra as mulheres, Marisa sublinhou que se trata de um “problema transversal” que tem sido “agravado” em tempos de pandemia.

Neste sentido, defendeu, é preciso haver um Presidente da República com um “papel ativo”, que seja um “agente promotor da igualdade, da proteção, do combate à pobreza, às desigualdades”.

Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O perigo está na extrema esquerda.
    Porque será que não alertou para o perigo da extrema esquerda?
    Que grande noção de democracia: o que não é igual a nós, não deve existir! Ou então: nós somos os únicos ditadores que podem existir!
    Boa!

  2. Marisa Matias foi aos Açores fazer figura de tonta. Ainda por cima, nem sequer pagou a sua própria viagem, portanto, ainda tem menos credibilidade. 😉

  3. Olha quem fala! Uma candidata da extrema esquerda a criticar o da extrema direita! Por isso se diz que os opostos se atraem. Será que tanto ódio ainda vai dar em amor??

RESPONDER

Itália vai processar Pfizer e AstraZeneca devido a atrasos nas vacinas. UE pede "transparência"

A Itália vai processar a Pfizer Inc e a AstraZeneca devido aos atrasos na entrega das vacinas contra a covid-19 e para garantir os fornecimentos – não para obter compensações, disse neste domingo o ministro …

Declínio cognitivo relacionado com a idade pode ser reversível

Cientistas conseguiram reverter em ratos o declínio cognitivo causado pelo envelhecimento. O objetivo dos investigadores é que as farmacêuticas baseiem-se neste estudo para criar um composto que possa ser administrado em humanos. As células específicas do …

Afluência às urnas é menor (mas há mais votantes). Abstenção deverá ficar entre os 56 e 60%

A afluência às urnas às 16:00 nas presidenciais de hoje em Portugal, 35,4%, é a segunda mais baixa desde as eleições de 2006, ano em que este número passou a ser divulgado pela administração eleitoral. Esta …

Reino Unido já vacinou quase 6 milhões. Alemanha aumenta controlo nas fronteiras

O Reino Unido já administrou a primeira das duas doses da vacina contra o novo coronavírus em cerca de seis milhões de pessoas, quando o número de mortes no país devido à pandemia está perto …

Polícia desmantela rede de tráfico internacional de armas (e descobre santuário dedicado a Hitler)

Em dezembro, as autoridades espanholas conseguiram desmantelar uma rede ilegal de armas que operava em toda a Europa, e acabou por capturar os traficantes. O que a polícia não esperava era encontrar um armazém cheio …

Diminuição da esperança média de vida é "consequência inevitável" da pandemia

A esperança média de vida em Portugal vai necessariamente diminuir em consequência da pandemia de covid-19, defendeu um especialista, explicando que isso decorre do efeito combinado da morte de idosos, mas também de jovens em …

Novo estudo explica a importância de esterilizar os gatos antes da adolescência

Um novo estudo sugere que a idade de esterilização dos gatos deve ser antecipada de seis para quatro meses, com o objetivo de prevenir ninhadas indesejadas de gatinhos, que muitas das vezes acabam por ser …

Publicidade do Pingo Doce a promoções viola a lei do confinamento

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica está a avaliar incumprimento que visa aumentar clientes em loja durante o fim de semana. Os supermercados da Jerónimo Martins estão a publicitar promoções numa altura em que …

A tomada de posse de Joe Biden deixou os apoiantes do QAnon sem rumo

Com a tomada de posse de Joe Biden como 46.º Presidente dos Estados Unidos, esta quarta-feira, a frustração começou a infiltrar-se entre os apoiantes do QAnon. O QAnon é um movimento nascido, em 2017, no seio …

Pela quarta vez em quase 50 anos, gelo cobriu o deserto do Saara

Na terça-feira passada, um dos lugares mais secos do mundo acordou com uma geada sobrenatural. Foi apenas a quarta vez em quase 50 anos. No deserto do Saara, no noroeste da Argélia, nos arredores da cidade …