Manifestantes enfurecidos contestam o histórico aperto de mãos entre a China e Taiwan

Ritchie B. Tongo / EPA

Manifestantes protestam contra a visita a Taiwan do presidente da China

Centenas de manifestantes enfurecidos concentraram-se hoje junto ao gabinete do presidente de Taiwan, Ma Ying-jeou, condenando o histórico aperto de mão ao líder da China, numa cimeira que aumentou os receios de que o rival gigante possa engolir a ilha democrática.

Os presidentes chinês, Xi Jinping, e taiwanês, Ma Ying-Jeou, deram hoje um aperto de mão histórico em Singapura, no arranque da primeira cimeira desde a separação da China continental e de Taiwan, há 66 anos, após uma guerra civil.

Os dois sorriram e acenaram perante uma sala repleta de jornalistas num hotel em Singapura, antes de se retirarem para darem início a conversações privadas.

Esta é a primeira reunião entre os líderes dos dois territórios desde 1949.

Os manifestantes revoltados tentaram invadir o parlamento durante a noite e 27 foram hoje presos no aeroporto, acusando Taiwan de se estar a vender a Pequim, que está empenhado em expandir sua influência.

Mais tarde, cerca de 500 manifestantes, representando vários grupos, incluindo agricultores, ativistas de direitos humanos e ambientalistas, insurgiram-se contra o encontro informal que decorreu num hotel de Singapura e onde Ma disse ao líder chinês que os dois “já se sentiam como velhos amigos”.

Wallace Woon / EPA

Os presidentes taiwanês, Ma Ying-Jeou, echinês, Xi Jinping, um aperto de mão histórico em Singapura

Os presidentes taiwanês, Ma Ying-Jeou, echinês, Xi Jinping, um aperto de mão histórico em Singapura

“Como é que ele pôde… sem qualquer negociação ir encontrar-se com o líder do nosso inimigo? Eu acredito que isto está ao nível da traição”, disse o vice-presidente da Associação de Professores Universitários de Taiwan, Lin Hsiu-Hsin.

Os protestantes ficaram enfurecidos com os comentários de Xi de que os dois lados são “uma família” que nunca poderá ser separada, numa alusão à posição imutável de que Taiwan é uma província separada aguardando a reunificação.

Xi Jinping disse que nós pertencemos a uma China. Conseguem aceitar isto?“, gritou entre a multidão Lee Ken-cheng, do partido ambientalista e cético a Pequim.

“Não”, gritaram os manifestantes.

Também em Singapura, há relatos de que três membros da União (anti-China) de Solidariedade de Taiwan (TSU) foram escoltados de um alojamentopela polícia.

Uma porta-voz da união anti-China em Taipé disse que o candidato Hsiao Ya-tan foi “levado pela polícia”, juntamente com dois dos seus assistentes.

No aeroporto de Songshan em Taipé, onde Ma fez um breve discurso aos jornalistas antes de embarcar no seu voo de regresso, os manifestantes tentaram queimar imagens dos dois líderes com ‘slogans’, apelidando Xi de “ditador chinês” e Ma de “traidor”.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Navio australiano filma meteoro a desintegrar-se no céu da Tasmânia

O navio de pesquisa científica da CSIRO capturou imagens surpreendentes de um meteoro a desintegrar-se no oceano, muito perto da Tasmânia. Na quarta-feira, o navio de pesquisa científica da CSIRO capturou um meteoro a desintegrar-se no …

Afinal, o Espaço não é assim tão escuro. Há brilho de origem desconhecida

Uma equipa de cientistas usou a New Horizons para medir a luminosidade do Espaço profundo e os resultados surpreenderam-na. Há muito tempo que os cientistas tentam perceber qual a luminosidade do Espaço, se lhe retirarmos todas …

Meteorito atinge casa de homem indonésio e transforma-o em milionário

O caso insólito aconteceu em Kolang, na Sumatra do Norte, Indonésia. Um fabricante de caixões de 33 anos encontrou um meteorito no seu jardim, depois deste atingir o telhado da sua casa em agosto. O protagonista …

Há 20 anos que ninguém sabe do paradeiro de dois cadernos de Charles Darwin

Dois dos cadernos do naturalista Charles Darwin, um dos quais com o rascunho da “Árvore da Vida” (1837), estão desaparecidos há cerca de 20 anos e terão sido muito provavelmente roubados, anunciou esta terça-feira a …

Cientistas reconstruiram explosão de Beirute através das redes sociais

Cientistas forenses recorreram a imagens partilhadas nas redes sociais para reconstruirem a explosão de Beirute, em agosto, que matou 191 pessoas. A 4 de agosto, uma série de explosões causadas por 2.750 toneladas de nitrato de …

Professor alemão do ensino básico é suspeito de canibalismo e homicídio

Depois de uma pilha de ossos ter sido encontrada por transeuntes no parque de Berlim, as autoridades alemãs descobriram que se tratava de uma vítima de canibalismo. As pistas conduziram-nas, mais tarde, à casa do …

Marselha 0-2 FC Porto | Dragão vence e abre porta dos "oitavos"

Basta apenas um ponto para que o FC Porto carimbe uma vaga nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões. Na noite desta quarta-feira, os “dragões” venceram o Marseille por 2-0 – com os contributos de Zaidu …

Mais de 100 mil crianças morreram com VIH e 320 mil ficaram infetadas. A pandemia pode piorar o cenário

De acordo com um relatório da UNICEF, a cada 100 segundos uma criança ou jovem com menos de 20 anos foi infetado pelo VIH no ano passado. Com os novos dados, o número total de …

Animação mostra como foram construídas as pontes do século XIV

Construir uma ponte sobre a água parece uma tarefa complicada e a verdade é que, apesar dos inúmeros avanços tecnológicos, os fundamentos pouco alteraram desde os tempos medievais. A Ponte Carlos tem 618 anos, mas não …

Médicos sem Fronteiras deixam hospital da Venezuela devido a restrições

A Médicos sem Fronteiras (MSF) vai se retirar de uma colaboração com um hospital venezuelano que visa tratar pacientes com covid-19 devido a restrições na entrada de especialistas no país, informou a organização na terça-feira. A …