Maior estádio da Libéria convertido em hospital para infectados com Ébola

European Commission DG ECHO / FLickr

Combate ao Ébola em África

Combate ao Ébola em África

Em parceria com a ONU, a FIFA vai transformar o maior estádio de futebol da Libéria num grande centro de tratamento para combater a epidemia de Ébola que se alastra pelo país africano.

O estádio Antoinette Tubman, na capital, Monróvia, tinha sido doado à associação de futebol liberiana pela entidade máxima do futebol mundial, que também irá doar recursos para a luta contra o Ébola neste e noutros países africanos.

Actualmente, todas as atividades relacionadas com futebol estão suspensas na Libéria como meio de prevenção de novos contágios pelo vírus. Tratando-se de um desporto de alto contato, o futebol possui um alto risco de infecção.

“O comprometimento de associações desportivas neste combate ao vírus é muito bem-vindo e crucial”, disse Wilfried Lemke, conselheiro especial do secretariado-geral da ONU.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), todas as camas de hospitais na Libéria estão ocupadas.

Mais de 2,4 mil pessoas já morreram por causa do vírus nos últimos meses, a maior parte delas na Libéria, Serra Leoa e Guiné, e estima-se que 4,7 mil pessoas foram infectadas.

No entanto, a OMS diz que o número de pessoas infectadas é provavelmente muito superior às estimativas de hoje.

Médicos cubanos

Segundo a OMS, o número de pessoas  infectadas pelo Ébola cresce mais rápido do que a capacidade de atendê-los.

Para ajudar no combate à doença, Cuba anunciou que irá enviar 165 profissionais de saúde, entre eles médicos, enfermeiros e especialistas no controlo de infecções, à Serra Leoa para ajudar a conter o Ébola. Estes profissionais irão permanecer no país durante seis meses.

“Se vamos à guerra contra o Ébola, precisamos de recursos para esta luta”, disse Margaret Chan, diretora da OMS.

“Cuba é famosa mundialmente pela ótima formação dada a médicos e enfermeiros e por ajudar países em desenvolvimento.”

No âmbito de um programa global, médicos cubanos são enviados a diversos países do mundo, sendo esta ajuda médica uma parte central das relações internacionais cubanas.

Um dos maiores esforços do género trata-se de um programa de cirurgias oftamológicas na Venezuela, onde milhares de cirurgias às cataratas foram já realizadas.

Centenas de médicos cubanos foram igualmente enviados ao Haiti em 2010 depois do terramoto.

No Brasil, médicos cubanos participam do programa federal Mais Médicos, apresentado pelo governo Dilma Rousseff como uma saída para a escassez de profissionais em vários pontos do país.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas conseguiram manter tecido cerebral de cobaias vivo durante semanas

Cientistas japoneses conseguiram manter partes de tecido cerebral de cobaias vivas e viáveis durante 25 dias, isoladas numa cultura, graças a um novo método. De acordo com o Science Alert, a chave para o sucesso foi …

Arqueólogos descobrem 25 sítios que comprovam presença militar romana no Norte e na Galiza

Investigadores portugueses e galegos descobriram 25 novos sítios no Norte de Portugal e na Galiza que “comprovam arqueologicamente” a presença militar romana nos dois territórios, correspondendo a maioria dos locais a “acampamentos militares”, revelou hoje …

EUA poderão manter alguns efetivos na Síria para proteger poços de petróleo

Os EUA planeiam deixar alguns efetivos no nordeste da Síria para proteger instalações petrolíferas e garantir o combate contra um possível ressurgimento do grupo extremista Estado Islâmico (EI), disse hoje o secretário de Defesa dos …

Polícias realizam manifestação conjunta em Lisboa a 21 de novembro

Elementos da PSP e da GNR realizam a 21 de novembro, em Lisboa, uma manifestação conjunta para exigirem ao novo Governo "a resolução rápida" dos problemas que ficaram por resolver na anterior legislatura. Com o lema …

Sérvia punida por racismo no jogo com Portugal

A UEFA condenou nesta segunda-feira a Sérvia a disputar o próximo jogo da fase de qualificação para o Euro 2020 à porta fechada, por manifestações racistas na partida com Portugal, disputada em Belgrado, que terminou …

Juve Leo lança críticas à direção: Um clube sem rumo e que precisa de bodes expiatórios

Depois de o Sporting rescindir os protocolos com a Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI devido à "escalada de violência" recente, a Juve Leo reagiu em comunicado com duras críticas à direção de …

Um terço dos fogos deste ano tiveram como causa queima e queimadas

Um terço dos incêndios florestais registados este ano e investigados tiveram como causa queimadas e queimas, revela o último relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). O relatório provisório de incêndios rurais, …

De Nova Iorque a Sydney em 19 horas. Avião da Qantas bate recorde

O primeiro voo comercial direto entre as cidades de Nova Iorque e Sydney, com mais de 19 horas, terminou, este domingo, na cidade australiana. O teste realizado pela companhia aérea Qantas faz parte do Project Sunrise, …

Marcelo ficou "muito impressionado" pela destruição do furacão Lorenzo nos Açores

O Presidente da República visitou, este domingo, o porto das Lajes das Flores, que ficou destruído após a passagem do furacão Lorenzo pelos Açores, mostrando-se "muito impressionado" pela destruição "massiva". "Muito impressionado com aquilo que foi …

Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da formação espalhados pela Europa

O Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da sua formação a atuarem nas ligas europeias e o emblema português mais representado nas 'big 5', segundo o observatório de futebol do Centro Internacional de …