Macron despede colaborador que agrediu manifestante

Etienne Laurent / EPA

O Presidente francês, Emmanuel Macron, (ao centro) com o segurança Alexandre Benalla (à direita)

O Presidente francês viu-se obrigado a despedir o colaborador que tinha sido filmado a agredir um manifestaste no 1º de maio, alegando terem surgido “dados novos” sobre o caso.

Segundo o Público, o colaborador de Emmanuel Macron que foi filmado a agredir um manifestante no 1º de maio foi despedido e está em prisão preventiva. O gabinete presidencial anunciou esta decisão, alegando que “surgiram dados novos” sobre o caso.

Três membros da polícia também foram suspensos por terem removido partes do vídeo de vigilância da Praça da Contrescarpe, onde aconteceram as agressões, para os entregar a Benalla. Serão estes os “dados novos” mencionados pelo Eliseu, avança o jornal.

O caso foi denunciado, esta quarta-feira, pelo jornal Le Monde, com um vídeo do colaborador do Presidente francês, Alexandre Benalla, a atacar um jovem no chão durante uma manifestação por ocasião do Dia do Trabalhador.

A justiça francesa anunciou a abertura de uma investigação preliminar depois da transmissão daquelas imagens, não só pelas agressões mas também pelo facto de o colaborador se ter equipado com “um capacete com uma viseira da polícia, embora não seja polícia”.

Benalla foi responsável pela segurança de Macron durante a campanha presidencial de 2017, antes de ser nomeado “encarregado de missão” no Elysee, a Presidência francesa, como assistente chefe do Gabinete Adjunto do Presidente François-Xavier Lauch.

O caso gerou polémica, com a oposição a pedir “sanções mais duras” contra o segurança porque, embora tenha recebido “a mais séria sanção já pronunciada contra um alto funcionário que trabalha no Elysee”, a verdade é que só foi suspenso temporariamente, de 4 a 19 de maio, sem direito a vencimento.

Benalla também já tinha sido visto noutras ocasiões a agarrar e a retirar jornalistas à força de eventos públicos em que Macron participou.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Escócia aprova plano para dar tampões e pensos grátis a todas as mulheres

O Parlamento escocês aprovou, esta terça-feira, um projeto de lei para disponibilizar gratuitamente produtos de higiene feminina a todas as mulheres. A Escócia será o primeiro país a avançar com uma medida deste tipo. O plano …

Bruxelas regista lentidão no desenvolvimento da ferrovia e dos portos portugueses

A Comissão Europeia fez hoje várias observações sobre a lentidão do desenvolvimento de projetos na ferrovia e nos portos portugueses, num relatório elaborado no âmbito do pacote de inverno do semestre europeu. Abordando os setores ferroviário …

Há dois anos, o Governo deu luz verde a doutoramentos nos politécnicos (mas ainda não mudou a lei)

O Governo deu luz verde aos doutoramentos nos politécnicos e, por isso, criou em 2018 uma lei para mudar o panorama. Contudo, esta só funciona se a Lei de Bases mudar. Em 2018, o Conselho de …

Neymar recusa treinar depois de não ser convocado

O futebolista brasileiro Neymar, que joga atualmente no PSG, recusou-se a treinar no dia seguinte a não ter sido convocado para o jogo frente ao Dijon, para a Taça de França, revelou esta quarta-feira o …

"Poesia de emergência". Espanhóis criam número de telefone para quem quiser ouvir poemas

O projeto "Poesia de Emergência" nasceu no início de 2018 e tem mais de uma centena de voluntários que recitam poemas próprios autores conhecidos. Basta ligar para um número.   A ideia, que já tem voluntários em …

Vitalino Canas: "Andei 40 anos a preparar-me para ser juiz do Tribunal Constitucional"

O ex-secretário de Estado Vitalino Canas assumiu hoje, no parlamento, que esteve nos últimos “40 anos” a preparar-se para “ser juiz do Tribunal Constitucional”, e salientou que se for eleito não será porta-voz “de nenhum …

Lei que proíbe eutanásia "comercial" considerada inconstitucional por tribunal alemão

O Tribunal Constitucional da Alemanha considerou esta quarta-feira inconstitucional uma lei de 2015 que proíbe o suicídio assistido "organizado" por médicos ou associações. A lei privou doentes em fase terminal do "direito de escolher [a sua] …

Relatório policial acusa adeptos portistas de racismo contra jogador do Moreirense

O FC Porto está a ser alvo de um processo disciplinar por acusações de racismo contra um jogador guineense do Moreirense, numa partida disputada dia 10 de janeiro. Depois de toda a polémica a envolver Marega, …

Montijo: Lei que permite veto dos municípios ao aeroporto é "desajustada e desproporcional

O ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, defendeu hoje, em Lisboa que a lei que permite aos municípios vetar a construção do aeroporto do Montijo é “desajustada e desproporcional”, pelo que deve ser alterada. “O debate …

Multimilionários chineses são quase 800. Já superaram os norte-americanos

O número de novos multimilionários chineses cresceu a um nível recorde até 31 de janeiro, ultrapassando os Estados Unidos (EUA). Apesar do surto do novo coronavírus, que tem afetado a economia chinesa, há empresas que …