Um grupo de macacos do Panamá entrou na Idade da Pedra

Eric Kilby / Flickr

Macaco-prego-de-cara-branca, espécie nativa da América Central e do Sul

Um grupo de investigadores descobriu que uma população de macacos-prego-de-cara-branca do Panamá entrou na Idade da Pedra. Os animais começaram a usar ferramentas de pedra para conseguir partir nozes e marisco, tornando-se o quarto tipo de primatas a fazê-lo, depois de nós, humanos. 

De acordo com um novo estudo, disponibilizado em pré-publicação no BioArXiv no início de julho, o grupo de macacos habita a ilha de Jicarón, uma pequena ilha na costa do Panamá pertencente ao Parque Nacional de Coiba. Existem três ilhas no parque e todas têm esta espécie animal.

Os macacos de Jicarón começaram a usar ferramentas – mas nem todos. Apenas os machos de uma determinada região da ilha recorreram a estas ferramentas. “Ficámos surpresos com o facto deste comportamento parecer estar associado a uma determinada localização geográfica“, disse Brendan Barrett, autor principal do estudo e investigador do Instituto Max Planck de Ornitologia.

Estes comportamentos foram relatados pela primeira vez no parque em 2004, quando a co-autora da pesquisa, Alicia Ibáñez, observou os macacos a usar ferramentas de pedra.

Em março de 2017, os pesquisadores voltaram à região e colocaram “armadilhas” que continham câmaras de vídeo em todas as ilhas, de forma a capturar os macacos no momento em que utilizavam a ferramentas.

A equipa viu então os macacos machos a partir cocos, caranguejos e caracóis. No entanto, os investigadores não conseguiram explicar o por que do comportamento não ser difundido para os outros grupos na ilha. Apesar disso, a equipa notou que os macacos se movem em grupos e, por isso, a inovação deve espalhar-se.

Os investigadores sugerem que é possível que a entrada na Idade da Pedra tenha uma componente casual, em vez de ser fruto da evolução dos primatas. Por exemplo, é possível que um individuo da população de macacos fosse mais inteligente do que os restantes e começasse a usar ferramentas, que foram depois copiadas por outros.

E, tendo em conta que as opções alimentares destes primatas são limitadas, a utilização de ferramentas pode aumentar as suas hipóteses de sobrevivência.

A equipa espera que sejam realizadas mais pesquisas sobre a espécie, de forma a melhor compreender o que está a acontecer com estes macacos do Panamá.

Os macacos-de-cara-branca são a segunda espécie americana a entrar na Idade da Pedra. Outro grupo de macacos, encontrado na América do Sul, também usa ferramentas de pedra e pode estar a fazê-lo há 700 anos. As outras duas espécies são macacos na Tailândia e chimpanzés na África Ocidental.

ZAP // IFLScience

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

    • Quer dizer então que as semelhanças com o ser humano são maiores ainda! Sobretudo nos meios criativos e artísticos.

RESPONDER

Diretor do Polígrafo apanhado no caso Máfia do Sangue. Jornalista admite ter sido "negligente"

Durante vários anos, o diretor do jornal Polígrafo, Fernando Esteves, acumulou a função de jornalista e editor de política na Sábado com uma quota numa empresa que, entre outras matérias, tinha no seu objeto social …

Benfica, FC Porto e Sporting têm dívida superior a mil milhões de euros

No total, Benfica, FC Porto e Sporting terminaram a época passada com um passivo de 1,118 mil milhões de euros — menos 27 milhões de euros comparativamente à temporada de 2017/18. Os "três grandes" do futebol …

Tribunal de Contas chumba contrato para manter cabines telefónicas

O Tribunal de Contas chumbou o acordo do Governo com a Meo para prolongar o contrato que mantém a funcionar as 8.222 cabines telefónicas no país. A extensão do contrato custaria 2,5 milhões de euros ao …

Vaiado em Boticas, Galamba diz que foi obrigado a dar concessão de exploração de lítio

Depois de ter sido recebido com protestos em Boticas, devido à exploração do lítio, o secretário de Estado Adjunto e da Energia, João Galamba, assegurou que o Governo foi obrigado a dar a concessão, em …

Juventus quer esquecer drama com Ronaldo, mas colegas esperam pedido de desculpas

A Juventus vai reunir-se com Cristiano Ronaldo para resolver a situação da forma mais pacífica possível. Os colegas de equipa esperam um pedido de desculpas do português. A novela de Cristiano Ronaldo no último jogo da …

A cidade do futuro está a chegar. Volocopter promete táxis voadores já em 2022

A empresa alemã Volocopter prometeu na Web Summit que os seus táxis aéreos estarão a operar de forma comercial dentro de dois ou três anos. Em declarações ao ZAP, Alexander Zosel, co-fundador da empresa, disse …

João Mário dispensado dos trabalhos da seleção por lesão

O médio, um dos 25 convocados para os duelos de Portugal com Lituânia e Luxemburgo, de apuramento para o Euro 2020, foi dispensado da seleção nacional, esta segunda-feira, devido a problemas físicos. De acordo com uma …

12 mil anos de história genética mostram que todos os caminhos vão (mesmo) dar a Roma

Afinal, pode haver alguma verdade no famoso provérbio que diz que "todos os caminhos vão a Roma". Essa é a conclusão de investigadores que descobriram a rica história genética da área. No auge do Império Romano, …

Nuno Manta Santos anuncia saída do Marítimo

Nuno Manta Santos deixou de ser o treinador do Marítimo, anunciou, esta segunda-feira, o técnico na sua página do Facebook, deixando a equipa insular no 14.º lugar da I Liga portuguesa de futebol. A saída do …

Marcelo nota "salto" nas relações com Itália mas deixa um desafio à comunidade portuguesa

Esta segunda-feira, em Roma, o Presidente da República considerou que houve "um salto humano" nas relações luso-italianas e um "estreitamento" em termos culturais, económicos e políticos, mas pediu à comunidade portuguesa para "ir mais longe". "Agora …