Ministério das Finanças dá luz verde a obras no centro pediátrico do Hospital São João

José Coelho / Lusa

Hospital de São João, Porto

Os ministros da Saúde e das Finanças assinaram um despacho que autoriza a administração do Hospital São João, no Porto, a lançar concurso para o projeto do novo centro pediátrico.

O Governo autorizou os administradores do Centro Hospitalar Universitário de São João a lançar um concurso para o projeto do novo Centro Pediátrico, que funciona desde 2008 em instalações provisórias.

Adalberto Campos Fernandes e Mário Centeno sublinham, no despacho publicado esta quarta-feira em Diário da República, ser urgente “garantir a melhoria da eficiência e das condições de conforto e privacidade para as crianças e pais“, que há cerca de uma década são atendidos em contentores.

O efeito é imediato, avança o Diário de Notícias. Assim, o Hospital São João pode agora lançar o concurso para “a conceção e projeto para as novas instalações do centro pediátrico”, que incluirá todas as valências, desde a neonatologia à oncologia.

O objetivo é melhorar e aumentar a capacidade da prestação de cuidados, uma situação que tem sido muito criticada nos últimos tempos. O ministro da Saúde teve de vir responder publicamente pela situação, mas o ministro das Finanças ainda não tinha decidido avançar com as obras.

Depois de uma enorme chuva de críticas, o despacho foi aprovado e publicado. O concurso para as obras na oncologia pediátrica poderão ter finalmente um projeto, mas o início das obras ainda não te prazo. Ainda assim, o primeiro passo já foi dado.

No despacho, o Governo lembra que em junho foram inauguradas as novas instalações do centro ambulatório pediátrico, que já fazem parte da conceção deste novo centro, e que integram o hospital de dia de oncologia pediátrica e a consulta externa do serviço de pediatria.

Além disso, o Governo adianta que as obras já realizadas representam um esforço financeiro de dez milhões de euros, não referindo a verbo que será disponibilizada para o resto do projeto.

O “Lugar para o Joãozinho” é, segundo o Observador, um projeto ambicioso que chegou a prever a construção de cinco pisos com mais de 10 mil metros quadrados, uma zona de lazer e uma escola para as crianças e jovens doentes. Há 10 anos, as crianças internadas foram colocadas em contentores para as obras avançarem, mas tal não aconteceu.

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas estão a plantar mesas de xadrez de corais para restaurar recifes - e contam com a ajuda de garrafas de Coca-Cola

Nas últimas três décadas, os recifes de coral têm sofrido uma grande tensão e consequente destruição, devido ao impacto das alterações climáticas. Agora, os cientistas querem minimizar os danos e já encontraram uma solução. O objetivo …

Belenenses 0-4 Sporting | Melhor o resultado que a lesão

O Sporting, da I Liga, venceu hoje o Belenenses, do Campeonato de Portugal, por 4-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, garantindo o apuramento para a próxima fase da competição. No …

Sintrense 0-5 FC Porto | Dragões goleiam e seguem em frente na Taça

O FC Porto, da I Liga, venceu hoje o Sintrense, do Campeonato de Portugal, por 5-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, e segue em frente na competição. A jogar em …

Nova tecnologia usa calor dos estacionamentos subterrâneos para aquecer apartamentos

A startup Enerdrape, que funciona dentro da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, desenvolveu uma tecnologia que aproveita o calor emanado pelo solo no aquecimento de apartamentos. Quase 60% do aquecimento utilizado nos edifícios residenciais …

Pela primeira vez, um drone transportou os pulmões de um dador em segurança. Voo demorou seis minutos

Pela primeira vez na história da medicina, um drone aéreo transportou os pulmões de um dador com rapidez e segurança entre dois hospitais. O voo, que durou apenas seis minutos, ocorreu no passado dia 25 de …

Grupo de hackers clonou a voz de empresário para roubar 35 milhões de dólares do banco

Um grupo de hackers clonou a voz do diretor de uma empresa, conseguindo assim roubar mais de 35 milhões de dólares de um banco nos Emirados Árabes Unidos. No início do ano passado, o gerente de …

Portugueses comem duas vezes mais do que o recomendando

Os portugueses consumiram, em média, duas vezes mais calorias do que o recomendando para um adulto entre 2016 e 2020, ano em que a pandemia provocou uma redução do consumo de alimentos diário, mas ainda …

Aos 95 anos, a rainha Isabel II terá de abdicar da sua bebida favorita

A monarca foi aconselhada pelos médicos a abdicar do seu habitual martini de fim de dia, em antecipação a uma fase de agenda especialmente preenchida. Com 95 anos, a rainha Isabel II tem tido uma semana …

Médicos vão avaliar estado mental do atacante da Noruega

A investigação ao ataque com arco e flecha que na quarta-feira fez cinco mortos na Noruega reforçou, até agora, a tese de um ato devido a doença, anunciou hoje a polícia norueguesa. “A hipótese que foi …

Há mais de 100 anos, o Hawai teve uma monarquia - mas a força da princesa Ka'iulani não chegou para a preservar

Antes de morrer, com apenas 23 anos, a princesa Victoria Ka'iulani foi a última herdeira da coroa havaiana. A jovem era uma das últimas esperanças em manter a monarquia viva, mas nem a sua determinação …