Luz solar afeta a saúde mental mais do que qualquer outro fator climático

Nick Kenrick / Flickr

-

A ideia que a luz solar é importante não é exatamente nova, mas de acordo com um estudo recente da Universidade Brigham Young (BYU), nos EUA, a quantidade de tempo entre o nascer e o pôr do sol é a variável climática que mais importa quando se trata da nossa saúde mental.

O estudo teve em conta as variáveis meteorológicas, tais como o frio do vento, as chuvas, a irradiação solar, a velocidade do vento e a temperatura, e revelou que a saúde mental piora entre a população durante as épocas do ano com horas reduzidas de luz solar, mas melhora durante o verão.

“As pessoas têm a ideia que há um maior sofrimento num dia chuvoso, ou num dia mais poluído, mas nós não vimos isso. Nós observamos a irradiação solar, ou a quantidade de luz solar que realmente atinge o chão”, explica Mark Beecher, professor clínico e psicólogo licenciado na BYU.

“Tentamos ter em conta os dias nublados, dias chuvosos e poluição, mas a única coisa realmente significativa foi a quantidade de tempo entre o nascer e o pôr do sol”, confirma o investigador.

De acordo com os cientistas, esta situação aplica-se à população clínica em geral e não apenas a pessoas diagnosticadas com Transtorno Afetivo Sazonal.

Com esta informação, os terapeutas devem ter noção de que os meses de inverno são uma época em que há uma maior procura pelos seus serviços. Com menos horas de sol, os clientes estão particularmente vulneráveis à angústia emocional.

O estudo, publicado no Journal of Affective Disorders, começou com uma conversa casual que despertou a curiosidade profissional de Beecher.

“O Mark e eu somos amigos e vizinhos há anos, e muitas vezes apanhamos o mesmo autocarro”, conta Lawrence Rees, professor de física da BYU.

“Um dia houve uma tempestade, e perguntei ao Mark se ele tem mais clientes nestes dias. Ele disse que não tinha certeza e que era difícil obter dados precisos”, destacou.

Como Lawrence Rees tinha acesso a dados meteorológicos na área de Provo, cidade do estado de Utah, nos EUA, e Beecher tinha acesso a dados de saúde emocional de clientes da mesma zona, os dois professores decidiram reunir os seus dados e realizar uma investigação.

“Percebemos que tínhamos acesso a um bom conjunto de dados que muitas pessoas não têm acesso. E o Rees disse-me: Bem, eu tenho dados meteorológicos, e eu disse: Eu tenho dados clínicos. Vamos juntá-los!”, explica Beecher.

À equipa de investigadores juntou-se Dennis Eggett, professor de estatística da BYU, que desenvolveu o plano para analisar os dados e realizou todas as análises estatísticas sobre o projeto.

ZAP / Hypescience

PARTILHAR

RESPONDER

Hospitais privados dizem não ter recusado colaborar com SNS e querem plano da tutela

Os hospitais privados rejeitam que tenham recusado colaborar com o Serviço Nacional de Saúde e dizem que se mantêm disponíveis e a aguardar uma proposta concreta do Ministério da Saúde, para se poderem reorganizar. Numa resposta …

"Não devemos o silêncio ao presidente". Autor de artigo crítico sobre Trump revela identidade

Um antigo dirigente do Governo dos Estados Unidos revelou que foi o autor, em 2018, de uma coluna de opinião anónima e depois de um livro, em que denunciava o comportamento de Donald Trump. "Não devemos …

Região de Madrid confinada nos próximos dois fins de semana

O Governo regional de Madrid decidiu confinar a população da região nos próximos dois fins de semana, que são prolongados até segunda-feira devido a dois feriados, como forma de luta contra a pandemia de Covid-19. A …

Bolsonaro mudou legislação e compra de armas disparou. Registou-se um aumento de assassinatos

O comércio de armas disparou em quase dois anos, ou seja, desde que Bolsonaro chegou ao Governo e fez mudanças na legislação que seguem o modelo norte-americano. Estão na mão de radicais, alerta especialista. A compra …

Ilhas Marshall registam os dois primeiros casos desde o início da pandemia

As Ilhas Marshall, um dos últimos países do mundo poupados até aqui ao novo coronavírus, registaram os dois primeiros casos de covid-19 desde o início da pandemia, anunciou, esta quarta-feira, o Governo do arquipélago …

Parlamento espanhol prolonga estado de emergência por mais seis meses

O parlamento espanhol aprovou hoje em Madrid a prorrogação do estado de emergência para lutar contra a pandemia de covid-19 durante seis meses, até 09 de maio de 2021. A medida que já está em vigor, …

BCE avisa que recuperação económica "está a perder força mais rapidamente do que o previsto"

A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, alertou esta quinta-feira que a recuperação económica está a perder força mais rapidamente do que aquilo que era previsto devido à aceleração da pandemia em vários …

CP permite reembolso dos bilhetes entre sexta e terça-feira. Rede Expressos cancela viagens

A CP irá reembolsar os utentes que pedirem devolução de dinheiro por bilhetes de viagens entre 30 de outubro e 3 de novembro, tendo em conta as restrições de movimentações entre concelhos, adiantou fonte oficial …

Marcelo Rebelo de Sousa não descarta novo estado de emergência

Marcelo Rebelo de Sousa abriu esta quinta-feira a porta à declaração de um novo estado de emergência em Portugal. O presidente admite fazer uma declaração ao país na próxima semana. O presidente da República não descarta …

Antissemitismo. Jeremy Corbyn suspenso do Partido Trabalhista

O Partido Trabalhista suspendeu hoje o seu antigo líder Jeremy Corbyn na sequência de um relatório que condenou a principal força da oposição no Reino Unido por "atos ilegais de assédio e discriminação" antissemita. Reagindo ao …