Lula da Silva e um dos seus irmãos acusados de corrupção passiva

A defesa de Lula diz que a operação Lava Jato “repete as mesmas e descabidas acusações já apresentadas noutras ações penais”.

O ex-Presidente brasileiro Lula da Silva e o seu irmão José Ferreira da Silva – conhecido como Frei Chico – foram acusados pelo Ministério Público de corrupção passiva continuada, no âmbito de mais um processo da operação Lava Jato, foi anunciado.

Também os donos da construtora Odebrecht, Emilio e Marcelo Odebrecht, e o ex-diretor da empresa Alexandrino de Salles Ramos Alencar foram acusados, mas por corrupção ativa continuada.

Segundo a acusação, entre 2003 e 2015, Frei Chico, sindicalista com carreira no setor do petróleo, recebeu 1,131 milhões de reais (250 mil euros) através de pagamentos mensais que variaram entre três mil e cinco mil reais (660 e 1100 euros), valor que fazia parte de um “pacote de vantagens indevidas oferecidas a Lula em troca de diversos benefícios obtidos pela Odebrecht junto do Governo federal”.

Segundo os procuradores, Frei Chico iniciou uma relação com a Odebrecht ainda nos anos 1990, quando estava em curso o Programa Nacional de Desestatização da companhia, que sofreu forte resistência dos trabalhadores do setor petroleiro.

A Procuradoria afirma que “como a Odebrecht participava no setor, e vinha tendo problemas com sindicatos, o então presidente da companhia, Emilio Odebrecht, procurou uma aproximação com Lula, tendo este sugerido que contratasse Frei Chico como consultor para intermediar um diálogo entre a Odebrecht e os trabalhadores”.

“Também participava nessas reuniões o ex-executivo da companhia Alexandrino Alencar. Frei Chico, neste contexto, foi contratado e passou a ser remunerado por uma consultoria efetivamente prestada para a Odebrecht junto do meio sindical”, afirma a Lava Jato.

Em 2002, com a eleição presidencial de Lula, a Odebrecht decidiu rescindir o contrato da consultoria prestada por Frei Chico, até porque, na época, a privatização do setor petroquímico já tinha sido consolidada e os serviços por ele prestados não eram mais necessários.

Contudo, a empresa decidiu manter o pagamento de uma “mesada” ao irmão do então chefe de Estado Lula da Silva, visando manter uma relação favorável aos interesses da companhia.

Os pagamentos começaram em janeiro de 2003, no valor de três mil reais, em junho de 2007 passaram a ser feitos a cada três meses, com o envio de 15 mil reais, e cessaram somente em meados de 2015, com a prisão de Alexandrino Alencar no âmbito da Lava Jato.

O Ministério Público aponta que, ao contrário do que acontecia com a remuneração pela consultoria prestada por Frei Chico até 2001, a “mesada” que começou a receber em 2002 era feita de forma oculta, por meio do “Setor de Operações Estruturadas” da Odebrecht, responsável por processar os pagamentos de subornos feitos pela empresa.

A acusação acrescenta que estes novos pagamentos “eram tratados de forma especial, porque, embora houvesse ordens da empresa para que diretores não transportassem valores, Frei Chico recebia pagamentos pessoalmente das mãos de Alexandrino, para não haver risco de exposição de Lula, beneficiário indireto dessas verbas“.

Em comunicado enviado à imprensa, a defesa de Lula argumenta que a operação Lava Jato “repete as mesmas e descabidas acusações já apresentadas noutras ações penais contra o ex-Presidente”.

“Lula jamais ofereceu ao Grupo Odebrech qualquer ‘pacote de vantagens indevidas’, tanto é que a denúncia não descreve e muito menos comprova qualquer ato ilegal praticado pelo ex-Presidente. (…) Lula também jamais pediu qualquer vantagem indevida para si ou para qualquer de seus familiares”, disse o advogado Cristiano Zanin Martins.

Lançada em 2014, a Lava Jato, maior operação contra a corrupção no Brasil, trouxe a público um gigantesco esquema corrupto de empresas públicas, implicando dezenas de altos responsáveis políticos e económicos, e levando à prisão de muitos deles, como Lula da Silva.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Em Sydney, as cacatuas aprenderam a assaltar caixotes do lixo. A técnica já é popular

A técnica é simples: agarrar a tampa do caixote do lixo com o bico, abri-la, e em seguida arrastar as patas de modo a colocar a tampa para trás. Em Sidney, este é o método …

Bolsonaro já ameaçou um golpe militar. Brasileiros temem agora que esteja a planear um

Há mais de duas décadas, Jair Bolsonaro ameaçou que faria um gole militar se fosse Presidente. Agora, os brasileiros temem que ele cumpra com a sua "promessa". Numa entrevista televisiva de 1999, o então deputado Jair …

Descoberta de naufrágios da Segunda Guerra pode estimular turismo subaquático em Itália

Quem visitar o sul de Itália no futuro poderá vir a contar com uma nova atividade. A recente descoberta de quarenta naufrágios na costa da ilha de Lampedusa poderá dar origem a uma nova oportunidade …

Costa diz que recuperação económica tem de ser feita "com os olhos postos no futuro"

O primeiro-ministro salientou, este domingo, que a recuperação económica do país "tem de ser feita com os olhos postos no futuro", considerando essencial assegurar condições às novas gerações para se autonomizarem. "A recuperação económica tem de …

Centenas de vendedores de rua na Índia são milionários em segredo

O Fisco indiano descobriu que centenas de vendedores de rua são milionários em segredo. Estes comerciantes foram apanhados a fugir aos impostos. Quando pensamos em milionários, provavelmente imaginamos uma pessoa com uma grande mansão, carros desportivos …

Portugal com mais oito mortes e 2625 novos casos de covid-19

Portugal registou, este domingo, mais oito mortes e 2625 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 2625 novos …

"Cabrita transformou-se numa espécie de ministro sempre em pé", diz líder do CDS

O líder do CDS-PP disse, este sábado, que o país já não confia no ministro da Administração Interna, a quem apelidou de "ministro sempre em pé", adiantando que já se fazem apostas sobre quando será …

A arma que matou o famoso pistoleiro do Velho Oeste "Billy the Kid" vai a leilão

O revólver que matou um dos homens procurados mais famosos do Velho Oeste, há mais de um século, vai a leilão no próximo mês. William "Billy the Kid" Bonney, pseudónimo de William Henry McCarty, foi um …

Milhares protestam em França e Itália contra novas medidas anti-covid

Milhares de pessoas manifestaram-se, este sábado, em várias cidades de França e Itália contra as medidas para controlar a pandemia, sobretudo contra a obrigatoriedade do uso do "passe sanitário" para entrar em espaços públicos. Com gritos …

O holograma de Whitney Houston vai dar um concerto em Las Vegas

No outono, poderá desfrutar de um concerto de Whitney Houston em Las Vegas. A diva será reencarnada, áudio e visualmente, no espetáculo An Evening With Whitney: The Whitney Houston Hologram Concert. Segundo a Forbes, o holograma …