Luís Neves substitui Almeida Rodrigues na direção da PJ

PJ / Facebook

O diretor nacional da PJ deixa a seu pedido de exercer funções a 15 de junho, sendo substituído pelo atual diretor da Unidade Nacional de Contra Terrorismo.

”Considerando o largo tempo que desempenhou aquelas funções, muitas vezes com sacrifício para os seus legítimos interesses pessoais e da sua família, entendeu Almeida Rodrigues ter chegado o momento de deixar aquele cargo, pelo que solicitou a não renovação da sua comissão de serviço, cuja cessação ocorre no dia 15 de junho de 2018, abrindo assim espaço para uma nova liderança da PJ, solicitação a que o Governo atendeu”, refere o Ministério da Justiça, em comunicado.

Almeida Rodrigues exerce funções de diretor nacional da Polícia Judiciária desde maio de 2008 e anteriormente foi diretor nacional adjunto, contando com 12 anos de experiência enquanto dirigente de topo deste órgão de polícia criminal.

O Ministério, que elogia o trabalho e a dedicação do ainda diretor nacional da Judiciária, refere que Almeida Rodrigues foi o dirigente máximo da PJ que mais tempo permaneceu em funções.

O Ministério dirigido por Francisca Van Dunem adianta ainda que para o cargo de diretor nacional da Polícia Judiciária está indicado Luís Neves, que em 2007 foi nomeado diretor da Direção Central de Combate ao Banditismo e desde 2009 que assume o comando da Unidade Nacional de Contra Terrorismo.

Contactado pela Lusa, Luís Neves não quis fazer qualquer comentário sobre a nomeação.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Santa Maria ganha 40 camas para os cuidados intensivos

A maior unidade hospitalar do país reforçou capacidade dos Cuidados Intensivos para os doentes infetados, passando das atuais 80 camas para cerca de 120. O Hospital Santa Maria, em Lisboa, vai quadruplicar a sua capacidade …

"Isto é criminoso". Estivadores dizem que há risco de portos pararem

"Da forma como estamos a trabalhar nos portos, corremos o risco de todo o contingente ficar parado, porque não há nenhum cuidado em termos de criar equipas rotativas", garantiu o líder sindical. O presidente do Sindicato …

Demitiu-se o diretor do serviço de cirurgia e transplantação do Curry Cabral

Américo Martins demitiu-se esta quarta-feira por ter visto impedida a proposta de reorganização com circuitos independentes no hospital. O diretor do Serviço de Cirurgia Geral e Transplantação do Hospital Curry Cabral, Américo Martins, demitiu-se esta quarta-feira …

Bancos impedidos de cobrar comissões por operações digitais. Acesso a jogos online limitados

Os bancos vão ficar impedidos de cobrar comissões por operações de pagamento através de plataformas digitais dos prestadores de serviços, segundo uma proposta do PEV com alterações do PS aprovada no Parlamento. O projeto de lei …

Pessoas assintomáticas devem usar máscara, diz Centro Europeu de Controlo de Doenças

Num relatório divulgado na quarta-feira, o Centro Europeu de Controlo de Doenças (ECDC) referiu que as máscaras podem reduzir a propagação do novo coronavírus de pessoas assintomáticas, recomendando a sua utilização. De acordo com o Público, …

Portugal ultrapassa as 400 vítimas mortais. Cordão sanitário em Castro Daire equacionado

Portugal regista esta quinta-feira 409 mortos associados à covid-19, mais 29 do que na quarta-feira, e 13.956 infetados (mais 815), segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Trata-se de um aumento de 6% …

"Em segundo plano". OM alerta para falta de resposta para doentes prioritários não covid-19

A Ordem dos Médicos (OM) alertou esta quinta-feira para a falta de resposta aos doentes prioritários não covid-19, que diz estarem a ser relegados para segundo plano, em áreas que “não podem esperar” como a …

Lagarde contraria Draghi. Perdão de dívida às empresas é “impensável”

A presidente do Banco Central Europeu considera "impensável" conceder um perdão de dívida generalizado das dívidas contraídas pelas empresas, ao contrário do que sugeriu o antigo presidente do BCE, Mario Draghi. “Parece-me totalmente impensável. Não é …

No Norte, espera-se duas semanas para fazer testes à covid-19

Na Área Metropolitana do Porto, muitos esperam duas semanas para realizar o teste à covid-19, denunciam vários autarcas. Em causa está a falta de material e equipamentos. Mais de metade dos casos confirmados de covid-19 em …

António Costa adia decisão sobre reabertura das escolas para o fim do mês

O Governo anuncia, esta quinta-feira, a decisão em relação às atividades letivas no terceiro período, depois de ter ouvido durante dois dias especialistas, representantes da comunidade escolar, partidos, sindicatos e os órgãos consultivos do Ministério …