Quase 60% das linhas de comboio está em mau estado

Segundo um relatório da Infraestruturas de Portugal, quase 60% das linhas de caminhos de ferro são classificadas como “medíocres” ou “más”, no que diz respeito ao seu índice de desempenho.

Quase 60% das linhas de caminhos de ferro portuguesas são classificadas pela Infraestruturas de Portugal como “medíocres” ou “más“, no que respeita ao seu índice de desempenho, de acordo com o Relatório do Estado da Infraestrutura de 2016 daquela empresa, a que o Público teve acesso.

De acordo com o documento, os troços que necessitam urgentemente de obras são o Ovar-Gaia, na linha do Norte, o Tua-Pocinho , na linha do Douro, e a via estreita de Espinho a Oliveira de Azeméis e de Aveiro a Sernada do Vouga.

No entanto, destes três, o percurso Ovar-Gaia é o mais problemático. “A via útil dos ativos neste troço da Linha do Norte há muito que foi excedida e qualquer tipo de intervenção de manutenção produz efeitos pouco duradouros”, lê-se no relatório. Numa escala de 1 a 8, o relatório atribui a este troço a classificação de 1,9 (mau).

A rede suburbana de Lisboa está pior do que a do Porto. O relatório evidencia as linhas de Cascais e a da Cintura (Alcântara Terra-Braço de Prata) com classificação de medíocre, bem como o ramal de Tomar, a linha do Algarve entre Lagos e Faro, e a da Beira Baixa entre Entroncamento e Sarnadas (Vila Velha de Ródão).

O jornal evidencia que tem sido nas linhas com pior desempenho que têm ocorrido descarrilamentos, nomeadamente na Beira Alta, que tem metade do seu percurso classificado como medíocre.

Além disso, o relatório aponta ainda que, durante a última década, devido às restrições orçamentais impostas às empresas públicas, a manutenção foi descurada e houve linhas em que a própria conservação da via foi reduzida abaixo dos mínimos. Soma-se ainda as rescisões e redução de pessoal que levaram a uma perda de know-how.

O Público confrontou a CP, o Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) e a Infraestruturas de Portugal sobre o diagnóstico feito às infraestruturas ferroviárias.

A CP sublinhou que “não efetua a avaliação técnica do estado da infraestrutura ferroviária, confiando que tal função da responsabilidade da Infraestruturas de Portugal, é efetuada de forma adequada por aquela empresa”.

Já o IMT diz que “acompanha, no quadro das suas competências, a evolução do desempenho e da gestão da segurança do sistema ferroviário, que inclui a análise de um conjunto de indicadores comuns de segurança e das ocorrências que se verificam na exploração ferroviária, bem como a formulação de recomendações”.

Por sua vez, a Infraestruturas de Portugal não respondeu ao jornal.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Parker Solar Probe lança nova luz sobre o Sol

Em agosto de 2018, a Parker Solar Probe da NASA foi lançada para o espaço, tornando-se pouco tempo depois a sonda mais próxima do Sol. Com instrumentos científicos de ponta para medir o ambiente em …

Encontrado no mar das Malvinas navio alemão da I Guerra Mundial 105 anos depois de naufragar

O naufrágio de um cruzador alemão da I Guerra Mundial foi identificado nas Ilhas Malvinas, onde foi afundado pela Marinha britânica há 105 anos. O SMS Scharnhorst foi o principal ativo da esquadra alemã na Ásia …

Boavista 1-4 Benfica | Águia goleia no xadrez do Bessa

O Benfica deu o pontapé de saída da 13ª jornada com uma vitória competente na visita ao Boavista, por 4-1. Num jogo potencialmente perigoso para as aspirações “encarnadas”, frente a um adversário com somente uma derrota …

Cientistas desenvolvem técnica para determinar o humor através da caligrafia

Uma equipa de cientistas estudou a biomecânica dos movimentos das mãos a escrever e a desenhar, e desenvolveu um método para avaliar as propriedades individuais da velocidade de escrita e da pressão do lápis no …

Quase seis mil denúncias de agressões sexuais em viagens da Uber nos EUA

A plataforma de transporte de passageiros Uber divulgou na quinta-feira um relatório, revelando quase seis mil denúncias de agressões sexuais a utilizadores, motoristas e terceiros nos Estados Unidos (EUA), em 2017 e 2018. No relatório de …

Polícia de Los Angeles vai usar dispositivo "ao estilo Batman" para prender suspeitos

A polícia de Los Angeles, nos Estados Unidos, vai adotar, no início do próximo ano, um novo dispositivo, conhecido como BolaWrap 100, que dispara um cinto de fibra sintética a uma velocidade de 200 metros …

Corriere dello Sport defende-se das acusações e garante ser "inimigo do racismo"

O jornal desportivo italiano Corriere dello Sport afirmou esta sexta-feira ser “inimigo do racismo”, defendendo-se das críticas motivadas pela manchete de quinta-feira, com o título “Black Friday” e ilustrada com os futebolistas negros Romelu Lukaku …

Alisadores e tintas para cabelo podem aumentar o risco de cancro da mama

Alisadores e tintas para cabelo são dois produtos comummente utilizados por mulheres. Um novo estudo sugere que estes podem aumentar o risco de cancro da mama, especialmente em mulheres negras. Muitos produtos capilares contêm compostos que …

Black Friday. Marca de cosméticos oferece por engano desconto de 96% e perde 10 milhões em duas horas

Uma falha no site oficial da marca de produtos cosméticos Foreo fez com que o seu artigo mais caro fosse vendido com um desconto de 96%, fazendo com que a empresa sueca perdesse 10 milhões …

Camisola usada por Pelé no seu último jogo foi vendida por 30 mil euros em leilão

Uma camisola usada por Pelé no seu último jogo com a seleção brasileira foi vendida por 30 mil euros num prestigiado leilão de objetos desportivos, realizado na quinta-feira em Turim, Itália. A camisola com o número …