Lagos de metano de Titã podem ser crateras de explosões gigantes

NASA / JPL-Caltech

Ilustração dos lagos no polo norte da lua Titã

Um novo estudo sugere que os lagos de metano líquido encontrados na superfície de Titã, a principal lua de Saturno, podem ter-se formado quando azoto aquecido explodiu debaixo da sua superfície.

De acordo com o Business Insider, esta teoria poderia resolver o mistério surgido quando a missão Cassini-Huygens da NASA enviou dados sobre estes lagos cheios de metano, situados perto do polo norte de Titã, que atingem centenas de metros de altura.

Esta foi uma descoberta que surpreendeu os cientistas, já que o processo de erosão que formou outros lagos nesta lua não poderia ter criado esses penhascos. Por outro lado, explosões de azoto aquecido teriam sido poderosas o suficiente para criar crateras que se tornaram nos lagos agora observados.

O estudo, publicado esta segunda-feira na revista científica Nature Geoscience, fornece novas evidências de que, há milhões de anos, a superfície gelada de Titã (-180 Celsius) era ainda mais fria — fria o suficiente para a existência de azoto líquido.

“Estes lagos com bordas íngremes, muralhas e aros elevados seriam um sinal de períodos na história de Titã, quando houve azoto líquido na superfície e na crosta”, disse num comunicado Jonathan Lunine, cientista da Cassini e coautor do estudo.

Os cientistas acham que a maioria dos lagos de Titã se formou quando o metano líquido dissolveu a rocha gelada da lua para esculpir reservatórios (tal como a água dissolveu o calcário para formar lagos na Terra). Mas os aros imponentes ao redor destes lagos, com dezenas de quilómetros de largura, sempre confundiram os cientistas, uma vez que a erosão desgasta a rocha.

“Na realidade, a morfologia era mais consistente com uma cratera de explosão, onde a borda é formada pelo material ejetado do interior da cratera. É um processo totalmente diferente”, afirma Giuseppe Mitri, que liderou a equipa internacional por detrás do estudo.

Durante as “eras glaciais” de Titã, os cientistas pensam que o azoto compôs a maior parte da sua atmosfera, caiu como chuva líquida e percorreu a crosta gelada, acumulando-se em piscinas abaixo da sua superfície.

Porém, o novo estudo sugere que, à medida que a concentração de metano aumentava (hoje é cerca de 5% da atmosfera de Titã), os bolsos subterrâneos de azoto líquido aqueceram e transformaram-se em azoto altamente explosivo. Esse gás expandiu-se rapidamente e explodiu, criando crateras na superfície de Titã.

Usando dados de radar do voo final da Cassini para Titã, a equipa descobriu que as formas dos lagos são realmente semelhantes às das crateras na Terra produzidas por explosões pela interação da água e de magma.

A NASA está a planear uma missão para explorar o oceano de Titã e para procurar possíveis condições que indiquem a existência de vida (passada ou presente). A missão, chamada Dragonfly, vai ter início em 2026 e deverá chegar a Titã em 2034.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Veneno de cascavel pode ser o segredo para novo analgésico poderoso

Um composto do veneno da cascavel sul-americana pode ser usado para criar um analgésico poderoso. Os testes feitos em animais foram um sucesso. A crotoxina pode ser encontrada no veneno da cascavel sul-americana, Crotalus durissus terrificus, …

O falecido George Solitário, última tartaruga da sua espécie, pode ter parentes vivos

Uma expedição científica encontrou, em Galápagos, uma tartaruga com uma alta carga genética da espécie a que pertenceu o famoso George Solitário. Em 2012, uma tartaruga gigante, conhecida como George Solitário, faleceu com 100 anos. A …

Vídeo de criança vítima de bullying gera onda de apoio global

Internautas de todo o mundo, inclusive celebridades, uniram-se para dar apoio ao menino australiano, de nove anos, que sofre de bullying por causa da sua aparência. De acordo com a BBC, Yarraka Bayles partilhou o vídeo …

Descoberta nova quasipartícula: o π-ton

Foi descoberta uma nova quasipartícula no Instituto de Tecnologia de Viena. Os cientistas batizaram-na de π-ton, uma quasipartícula que contém dois eletrões e duas lacunas. Existem diferentes tipos de partículas. Um deles, as quasipartículas, são excitações …

É oficial. Friends está de volta para um episódio especial

As preces dos fãs foram finalmente ouvidas. O elenco de Friends vai reunir-se para um episódio especial exclusivo na HBO Max. Jennifer Aniston, Courteney Cox, Lisa Kudrow, Matt LeBlanc, Matthew Perry e David Schwimmer voltarão ao …

Dieta ocidental está a deixar as pessoas menos inteligentes

Uma dieta pouco saudável, à base de hambúrgueres e doces está literalmente a deixar as pessoas menos inteligentes apenas no espaço de uma semana. Esta foi a conclusão de um estudo de investigadores da Universidade …

Pedro Proença: Sociedade deve atuar no combate ao racismo

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) disse, esta sexta-feira, que a sociedade portuguesa deve atuar no combate ao racismo, violência, xenofobia e intolerância. A Liga vai lançar, durante este fim-de-semana, uma campanha com …

Na última década, Coreia do Norte gastou mais de meio milhão de dólares em cavalos russos

A Coreia do Norte gastou recentemente dezenas de milhares de dólares na aquisição de 12 cavalos provenientes da Rússia, de acordo com os dados alfandegários. A Coreia do Norte gastou quase meio milhão de dólares (584.302 …

O caranguejo "supervilão" do Canadá vai ser transformado em plástico biodegradável

Uma equipa de cientistas no Canadá desenvolveu um plano para transformar uma espécie invasora de crustáceo - conhecida como como caranguejo supervilão - em copos e talheres  de "plástico", usando as suas carapaças para criar …

Covid-19. Tripulante de navio japonês pode ser o primeiro português infetado

Um português que é tripulante do navio Princess Cruises, atracado no porto de Yokohama, no Japão, pode ter sido diagnosticado "positivo" com o novo coronavírus. Contactada pela agência Lusa, a diretora-geral de Saúde, Graça Freitas, afirma …