Kim Jong-un está aterrorizado com a possibilidade de ser assassinado pelos EUA

(dv) KNS / KCNA

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, tem aparentemente tanto medo de ser assassinado que, de acordo com a NIS, principal agência de espionagem da Coreia do Sul, reduziu drasticamente as suas aparições públicas.

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, de 33 anos, encarregou os seus principais comandantes militares de investigar quaisquer possíveis operações de decapitação, nome de uma alegada operação clandestina conjunta da CIA e NIS para assassinar o líder norte-coreano em caso de uma guerra.

Kim Jong-un mudou as suas rotinas de viagem e desistiu até de andar no seu próprio carro, um vistoso Mercedes-Benz blindado, com medo de dar a quaisquer sombrios assassinos a oportunidade que esperavam, contou o deputado sul-coreano Lee Cheol-woo ao The Korea Times.

“Kim está obcecado em recolher informações sobre a Operação de Decapitação, através das suas agências de inteligência”, explica Lee Cheol-woo.

O medo pode não ser totalmente injustificado: as forças dos EUA e da Coreia do Sul realizaram recentemente exercícios militares conjuntos, no decorrer dos quais simularam a “remoção da estrutura de poder” da Coreia do Norte em caso de conflito.

Se uma guerra eclodisse, uma das primeiras missões que os agentes secretos dos EUA e da Coreia do Sul vão cumprir, de acordo com o The Korea Times, será aparentemente a de destruir os líderes anteriores do país e a restante estrutura de poder norte-coreana.

Entretanto, a ansiedade de Kim Jong-un terá aumentado substancialmente depois de a famosa Team 6 dos Navy SEALs, o grupo de elite da Marinha dos EUA responsável pela morte de Osama bin Laden, ter sido no mês de março mobilizada para a península coreana.

O líder norte-coreano participou em apenas 51 actividades públicas este ano, realça Lee Cheol-woo. A sua visibilidade pública caiu 32% em relação ao ano passado.

“Desde 2013, temos visto uma trajectória descendente das actividades públicas de Kim Jong-un, o que mostra que ele já conseguiu conquistar o poder e garantir o seu status no regime”, diz o deputado.

A Operação de Decapitação foi ensaiada pelos SEALs em março, em conjunto com forças especiais do NIS. Pouco depois, o Ministério de Segurança de Estado da Coreia do Norte ameaçou “descobrir e destruir impiedosamente até ao último terrorista da CIA dos Estados Unidos”.

8 COMENTÁRIOS

  1. Este tipo é um imbecil. Enquanto gasta balurdios a desenvolver misseis e sistemas de armamento, o próprio povo vive na miséria e na ignorância, fechados de um mundo exterior e acreditando no que lhes é contado. Por mim já vai tarde.

  2. Pois toda a sua obsessão pelo Poder e a forma como exerce todo o seu poderio só demonstra ser de um ser «humano» frágil unicamente capaz de demonstrar força na retaguarda dos outros, pô-lo à frente de um exército a comandar as tropas jamais haveria guerra com tal imbecil.

RESPONDER

O secretário geral da NATO, Jean Stoltenberg

Ciberataque poderá desencadear mecanismo de defesa mútua da NATO

O secretário geral da NATO, Jean Stoltenberg, lembrou esta quarta-feira que um ciberataque pode ser objeto de aplicação do artigo 5 do tratado da NATO e que se está a estabelecer o âmbito "ciber como …

"A Fila" da série de quadros The Vulnerability Series

Artista sírio pinta líderes mundiais como refugiados

E se os grandes líderes mundiais fossem, na verdade, refugiados? Foi assim que o artista sírio Abdalla All Omari os imaginou e mostrou ao mundo. "The Vulnerability Series" é o nome do projeto criado por Abdalla Al …

-

Polícias realizam manifestação nacional contra falta de respostas do Governo

Os polícias realizam esta quarta-feira, em Lisboa, uma manifestação nacional para protestar contra a falta de respostas do Governo às principais reivindicações e demonstrarem indignação pela forma como estão a ser tratados. A manifestação, que vai …

Salvador Sobral atua no Festival Confluências, no Marco de Canaveses

Salvador Sobral pede desculpa por comentário "inoportuno"

O cantor pediu desculpa pelo comentário "inoportuno" que fez, esta terça-feira, durante a atuação no evento solidário "Juntos por Todos", no MEO Arena, em Lisboa, para reforçar o apoio às populações afetadas pelos incêndios. Salvador Sobral …

O presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa

Marcelo Rebelo de Sousa faz sucesso no Facebook dos The Doors

Marcelo Rebelo de Sousa é uma inusitada "estrela" na página oficial da banda The Doors no Facebook. O Presidente de Portugal destaca-se numa imagem que está a fazer sucesso na rede social. "O Presidente de Portugal, …

A Ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa

Governo defende SIRESP e culpa PSP e Protecção Civil pela tragédia de Pedrógão Grande

O Governo critica a PSP e a Protecção Civil. A Protecção Civil e os bombeiros falam em falhas no SIRESP. Mas ninguém assume culpas pela tragédia em Pedrógão Grande, onde morreram 64 pessoas num incêndio …

Donald Trump

Revista Time pede a Trump que retire capa "fake" dos seus clubes de golfe

Donald Trump está envolvido em mais uma polémica. Depois de passar tanto tempo a criticar os media por fazerem aquilo a que chama de "notícias falsas", o próprio foi apanhado numa capa falsa da Time …

Imagem retirada do filme E.T., de 1982, do realizador Steven Spielberg

NASA desmente que "vai anunciar brevemente" descoberta de vida extraterrestre

Thomas Zurbuchen, administrador associado e director científico da NASA, clarificou esta segunda-feira nas redes sociais que a agência espacial norte-americana "não tem nenhum anúncio pendente" sobre a descoberta de vida extraterrestre. Num post publicado esta segunda-feira …

O vice-presidente brasileiro, Michel Temer

Temer diz que denúncia contra si é “uma ficção”

O Presidente do Brasil disse, esta terça-feira, numa declaração ao país que a denúncia de corrupção contra si, apresentada na segunda-feira no Supremo Tribunal Federal (STF) pelo procurador-geral, Rodrigo Janot, é "uma ficção". "A denúncia é …

Edifício do Ministério das Finanças em Lisboa

Mão humana no apagão de 10 mil milhões para offshores "é improvável”

A auditoria da Inspeção-Geral de Finanças (IGF) concluiu ser "extremamente improvável" que a falha informática que permitiu a saída de dez mil milhões de euros para offshore sem a análise do fisco tenha sido causada …