Kim Jong-un envia “número três” do regime para campo de trabalho

Korean Central Television / YONHAP / EPA

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

O presidente da Coreia do Norte ordenou o envio do “número três” do regime norte-coreano para um campo de trabalho como castigo pela má gestão pública de um projeto de uma barragem hidroelétrica, indicaram os Serviços Secretos sul-coreanos.

Segundo os Serviços Secretos sul-coreanos (NIS), a decisão de Kim Jong-un foi divulgada durante a sessão desta terça-feira da Assembleia Nacional da Coreia do Sul, indicando que Choe, membro do Politburo do Partido dos Trabalhadores e até agora uma das figuras mais visíveis do regime de Pyongyang, começou a trabalhar este mês no campo de trabalho.

O NIS não adiantou mais pormenores sobre a sorte de Choe Ryong-hae e assegurou desconhecer a localização do campo de trabalho para onde terá sido enviado.

No relatório apresentado no Parlamento, os serviços secretos sul-coreanos adiantam, porém, que Choe foi “castigado” depois de terem surgido problemas no projeto de construção de uma barragem hidroelétrica próximo da fronteira norte-coreana com a China, que o levaram a pôr em causa as ordens de Kim Jong-un.

Especialistas sul-coreanos defenderam que, caso a informação esteja correta, “o número 3” do regime poderá regressar, embora ainda não se saiba quando, à elite norte-coreana por não ter cometido um delito grave.

A 12 deste mês, a agência noticiosa sul-coreana Yonhap, citando fonte do NIS, indicou que Choe fora enviado para “um programa de reeducação” na prestigiosa universidade Kim Il-sung.

Face ao extremo hermetismo do regime norte-coreano tornou-se praticamente impossível conhecer dados sobre a sua própria elite política, o que explica a abundância de especulações sobre os altos funcionários e as dificuldades em comprovar a veracidade das informações, refere a agência noticiosa EFE.

Choe Ryong-hae, filho do histórico guerrilheiro e militar do regime Choe Hyon, foi o enviado especial da Coreia do Norte à China para representar o país, a 3 de setembro, no desfile militar que celebrou o 70.º aniversário da rendição japonesa.

/Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

    • A criança da foto que está na penumbra editada merece outro respeito!
      Associar um criminoso totalitário como carrasco de outros fora do país dele! Faz lembrar “morte aos traidores” aquela maioria que afinal lutava pela democracia em 25 de Nov.

  1. Poderá até ser um dos piores países para se viver, mas a ser realidade, a justiça é implacável com aqueles que prevaricarão contra o seu pais, mais propriamente contra os interesses do seu povo. Deveriam de ser tratados da mesma forma em todo o mundo, este andaria bem melhor, não tenho qualquer duvida. Abaixo com a escumalha do planeta terra no geral.

    • Com que então a, na Coreia do Norte, a “justiça é implacável com aqueles que prevaricarão contra o seu pais”?!
      Hahaha…
      Se assim é, quando é que os animais que governam o país respondem perante essa tal justiça?!
      Está todo o mundo à espera, e, principalmente o próprio povo!…

RESPONDER

Fisco quer devolução de 3,5 milhões de euros por erro em declarações de IRS de 2015

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) identificou um erro na liquidação de declarações de IRS relativas a 2015, que implicou um novo apuramento do imposto em cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 …

Afeganistão declara derrota do Daesh no principal bastião no país

O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, anunciou esta terça-feira a derrota do grupo extremista Daesh na província de Nangarhar, no leste, considerado um dos principais bastiões do grupo 'jihadista' no país. "Quem poderia imaginar há um …

Parlamento vota Orçamento do Estado a 10 de janeiro

O Orçamento do Estado para 2020 será discutido na generalidade em 9 e 10 de janeiro, na Assembleia da República, com votação final global marcada para 7 de fevereiro. Segundo o jornal Público, as duas primeiras …

Legionella. Fase de instrução do surto de Vila Franca de Xira começa hoje

O início desta fase facultativa, em que o Tribunal de Instrução Criminal de Loures vai decidir se o processo segue e em que termos para julgamento, está agendado para as 09h30 e decorrerá à porta …

Um dos mais influentes empresários de Malta foi detido no caso da morte de jornalista

Foi detido no seu iate o magnata Yorgen Fenech, um relevante empresário de Malta, no âmbito das investigações à morte da jornalista Daphne Caruana Galizia que estava a investigar pessoas influentes do país pelo alegado …

Presidente argentino diz que vai pagar dívida ao FMI, mas recusa mais ajustes fiscais

O Presidente eleito da Argentina, Alberto Fernández, assegurou na terça-feira ao Fundo Monetário Internacional (FMI) que o país vai cumprir com os compromissos em matéria de dívida, mas rejeitou aplicar mais ajustes fiscais. "Desenvolvemos um plano …

Vieira garante "reforma" de 3,8 milhões de euros com OPA do Benfica à SAD

A OPA parcial lançada pelo Benfica à sua própria SAD desportiva vai beneficiar os accionistas com um encaixe potencial de mais de 24 milhões de euros. Luís Filipe Vieira está entre esses beneficiados, podendo encaixar …

Pingo Doce

Trabalhadora do Pingo Doce terá sido impedida de ir à casa de banho (acabou por urinar na caixa)

Uma funcionária de um hipermercado Pingo Doce terá solicitado, por várias vezes, para ir à casa de banho, sem ter sido autorizada para isso, o que a levou a urinar-se no posto de trabalho. Uma …

Senado dos EUA aprova projeto de lei de apoio aos direitos humanos e democracia em Hong Kong

O Senado norte-americano aprovou, na terça-feira, por unanimidade, um projeto de lei de apoio aos direitos humanos e à democracia em Hong Kong, numa altura em que os protestos no território se tornam mais violentos. O …

Orçamento de 2% para a Cultura vai ser atingido em quatro anos

A ministra da Cultura, Graça Fonseca, disse esta terça-feira que o horizonte de 2% da despesa do Orçamento do Estado, com origem nas receitas gerais para a cultura, será atingido em quatro anos, com um …