Julian Assange pode morrer na prisão se não receber tratamentos médicos

Facundo Arrizabalaga / EPA

Julian Assange, fundador do WikiLeaks

Julian Assange, de 48 anos, encontra-se detido na prisão de alta segurança em Belmarsh, no sul de Londres, onde aguarda a decisão do tribunal britânico sobre o pedido de extradição para os Estados Unidos (EUA), país no qual pode vir a ser julgado pela divulgação de documentos confidenciais.

Na carta divulgada esta segunda-feira e dirigida à ministra do Interior britânica, Priti Patel, um grupo de 60 médicos de vários pontos do mundo – entre esses EUA, Itália, Alemanha e Sri Lanka -, expressam “grande preocupação” sobre o estado de saúde de Julian Assange, noticiou a agência Lusa.

“Do ponto de vista médico e perante as provas disponíveis estamos muito preocupados com o estado de saúde de Assange, que tem de enfrentar um julgamento em fevereiro. Na nossa opinião, Julian Assange precisa de ser analisado do ponto de vista médico sobre o seu estado físico e psicológico”, refere o documento firmado pelos médicos.

Caso “não receba ajuda médica, Julian Assange, poder morrer na prisão”, acrescentam os subscritores da carta. Os médicos basearam as suas conclusões nos relatos de Nils Melzer, relator especial da ONU sobre tortura e tratamentos cruéis, das audições de Juian Assange de 21 de outubro e 01 de novembro, em Londres, no Reino Unido.

“Se uma avaliação e tratamento tão urgentes não aconteceram, temos preocupações sérias, baseadas nas evidências atualmente disponíveis, de que o sr. Assange possa morrer na prisão. A situação médica é, assim, urgente. Não há tempo a perder”, afirmaram os médicos, citados pela France-Presse.

Os EUA acusam o fundador do portal WikiLeaks por se ter infiltrado nos sistemas informáticos governamentais norte-americanos. Este esteve refugiado sete anos na embaixada do Equador em Londres, onde foi detido este ano.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Estou convencido que em termos de espionagem nada se alterou desde que este andou a fazer denúncias. A não ser os métodos e técnicas muito mais refinadas para não dar nas vistas. Sempre existiu e vai existir. E cada vez mais.

RESPONDER

O campo magnético da Terra está a enfraquecer misteriosamente

Novos dados de satélite da Agência Espacial Europeia (ESA) mostram que o campo magnético da Terra está a enfraquecer entre África e a América do Sul. O enfraquecimento do campo magnético da Terra está relacionado com …

Morreram os primeiros dois capacetes azuis vítimas da covid-19

Dois militares da força de manutenção da paz das Nações Unidas no Mali morreram devido à covid-19, os primeiros entre cerca de 100.000 soldados e polícias destacados em 15 missões no mundo. "Infelizmente, ontem [quinta-feira] e …

Asteróide que dizimou os dinossauros atingiu a Terra no "mais mortífero ângulo possível"

O asteróide que dizimou os asteróides e 75% de todas espécies à face da Terra há 65 milhões de anos atingiu a Terra no "mais mortífero ângulo possível", concluiu uma investigação do Imperial College de …

O Sol pode ser fruto de um acidente galáctico entre a Via Láctea e uma galáxia anã

Uma pequena galáxia, chamada Sagitário, moldou a Via Láctea há milhares de milhões de anos: cada vez que passou perto da nossa galáxia, causou fortes explosões de formação estelar que podem até ter originado o …

Se diplomacia falhar, China admite uso de força militar para controlar Taiwan

A China vai atacar Taiwan se não houver outra maneira de impedir que este Estado se torne independente, disse Li Zuocheng, um dos mais importantes generais do país, esta sexta-feira. Esta será uma opção de …

Encontrada canábis e incenso em templo bíblico de Israel. Foram usados em ritos religiosos antigos

A análise do material em dois altares da Idade do Ferro descobertos na entrada do santuário "santo dos santos" em Tel Arad, no vale de Beer-sheba, Israel, contém canábis e incenso. Escavações anteriores revelaram duas fortalezas …

Funerárias de Nova Iorque processadas por guardarem cadáveres em camiões

Devido ao elevado número de mortes causadas pela covid-19, as agências Andrew T. Cleckley, DeKalb e Armistead Burial armazenavam os corpos nos camiões frigoríficos até ser possível realizar os funerais. Três processos foram movidos por, pelo …

"Never again". Estudantes nos EUA vão aprender mais sobre o Holocausto

Estudantes norte-americanos vão passar a aprender mais coisas sobre o Holocausto, numa altura em que os Estados Unidos enfrentam níveis cada vez mais altos de antissemitismo. De acordo com a revista Newsweek, o Presidente norte-americano, Donald …

Polónia vai ser o primeiro país a voltar a ter adeptos nas bancadas

A Polónia vai ser o primeiro país a voltar a ter adeptos nas bancadas. Os estádios vão poder ter 25% da sua capacidade preenchida, anunciou o primeiro-ministro. De acordo com o jornal online Observador, a liga …

Recondicionados e "banhados a ouro". Irmão de Pablo Escobar vai vender iPhones 11 a 540 euros

A empresa de Robert Escobar, irmão do narcotraficante Pablo Escobar, está a vender iPhones 11 Pro recondicionados por 499 dólares (450 euros). Numa comunicação citada pelo portal Engadget, a Escobar Inc revela que está a vender …