Juiz Rui Rangel tentou travar o processo disciplinar (e recusou explicar fortuna)

António Cotrim / Lusa

O juiz desembargador Rui Rangel

O juiz desembargador Rui Rangel, que é suspeito de vários crimes no âmbito da Operação Lex, tentou travar, sem sucesso, o processo disciplinar aberto pelo Conselho Superior de Magistratura (CSM).

O juiz deu entrada com uma ação judicial junto do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) tentando invalidar a conversão do inquérito em processo disciplinar, mas o pedido foi indeferido no final de setembro, de acordo com o jornal Público.

O Supremo recusou reconhecer que o processo disciplinar estava prescrito como alegava o juiz, recusando igualmente a nulidade do inquérito disciplinar por alegadamente não ter ocorrido uma audição formal com Rui Rangel.

Neste momento, o processo disciplinar do CSM já tem relatório final, um documento com mais de 400 páginas, em que o instrutor, um juiz do Supremo, propõe a demissão do magistrado. Para se defender deste relatório, Rui Rangel foi esta quinta-feira prestar declarações ao plenário do CSM, onde foi ouvido durante cerca de uma hora e meia.

Rangel, que prestou declarações durante cerca de 40 minutos, aceitou falar sobre os factos de que é acusado, tendo referido várias vezes que era vítima de uma perseguição. O juiz até insistiu muito no facto de ainda não ter tido oportunidade de se defender em todo o processo. O argumento levou o presidente do Conselho, António Joaquim Piçarra,​ a recordar ao juiz que, no âmbito do processo-crime, já o tentaram ouvir duas vezes, sem que este tenha querido prestar declarações.

O juiz também recusou explicar o nível de vida acima dos rendimentos recebidos, de acordo com o Correio da Manhã. O juiz desembargador também alegou pela nulidade do processo disciplinar, segundo contou o seu advogado no fim da audiência. “Este processo está ferido de nulidade na medida em que assenta numa prova que não pode ser utilizada”, disse esta quinta-feira João Nabais.

“Uma das questões fundamentais que põe em causa este processo disciplinar e que faz dele um processo nulo” é o uso de provas como por exemplo “os registos de troca de correio eletrónico e extratos bancários”. De acordo com o advogado, estas provas, para serem recolhidas no processo-crime teriam de ter autorização de um juiz de instrução. No processo disciplinar, não houve qualquer autorização.

Também de acordo com o advogado, este processo disciplinar deve ser suspenso até haver uma decisão do processo-crime e depois de esta transitar em julgado.

Rangel ainda sublinhou o facto de ser arguido há 20 meses e de ainda não ter sido proferido despacho pelo Ministério Público. Rui Rangel esteve suspenso preventivamente das funções no Tribunal da Relação de Lisboa, mas já regressou ao trabalho.

A Operação Lex foi conhecida em janeiro de 2018 e tem 14 arguidos constituídos, entre os quais o juiz, a sua ex-mulher e também juíza, Fátima Galante, e o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira.

O caso teve origem numa certidão extraída do processo Operação Rota do Atlântico, que levou à constituição como arguidos de José Veiga, antigo empresário de futebol, e Paulo Santana Lopes, irmão do antigo primeiro-ministro, por suspeitas de corrupção no comércio internacional, branqueamento de capitais, fraude fiscal, tráfico de influências e participação económica em negócio.

Segundo fontes judiciais, o desfecho da investigação, que já se prolonga por um ano e meio, não deverá estar concluído antes do final do ano.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

"Não sou condicionável por coisa nenhuma". Tomás Correia diz que não sai do Montepio

O presidente da Associação Mutualista Montepio Geral (AMMG), António Tomás Correia, afirmou esta quinta-feira que não é “condicionável por coisa nenhuma”, recusou estar a ser afastado da mutualista e reiterou que não sairá no dia …

Ministra da Saúde quer enfermeiro de família para todos os portugueses

A ministra da Saúde, Marta Temido, quer que todos os portugueses tenham um enfermeiro de família atribuído até ao final da próxima legislatura, à semelhança da meta traçada para os médicos de família. Na abertura do …

Rei de Marrocos indulta jornalista marroquina condenada por aborto

O rei de Marrocos, Mohamed VI, indultou a jornalista Hajar Raissouni, recentemente condenada a um ano de prisão por "aborto ilegal" e "relações sexuais fora do casamento", segundo um comunicado oficial. A mulher, de 28 anos, …

Morreu Elijah Cummings, um dos democratas que investigava Trump

O congressista norte-americano Elijah Cummings, uma das figuras do Partido Democrata mais respeitadas na oposição pela sua frontalidade e por acalmar protestos violentos e desentendimentos entre adversários, morreu esta quinta-feira, aos 68 anos. A notícia da …

Risco de pobreza em Portugal é o mais baixo de sempre. Mas há 330 mil menores em risco

O ano de 2017 trouxe melhorias às condições de vida da população, com o risco da pobreza a atingir 17,3% dos residentes em Portugal. É a taxa mais baixa desde que este indicador é tratado, …

Maria Martins conquista bronze nos Europeus de ciclismo de pista

Maria Martins venceu nesta quarta-feira a medalha de bronze no “scratch” feminino dos Europeus de ciclismo de pista, que nesta quarta-feira arrancaram em Apeldoorn, na Holanda. Depois de várias medalhas em Europeus sub-23, a ciclista de …

Carlos César: Firmar um acordo com o Bloco descriminaria os restantes partidos de esquerda

O dirigente socialista Carlos César mostrou-se esta quarta-feira confiante que o novo Governo será para quatro anos, considerando ainda que firmar um acordo com o Bloco de Esquerda seria discriminar os restantes partidos de esquerda. …

Médico que deixou bebé nascer sem rosto tem quatro processos na Ordem

O obstetra que não detetou malformações graves num bebé que acabou por nascer sem rosto no início deste mês, em Setúbal, tem quatro processos em curso no conselho disciplinar da Ordem dos Médicos. A informação foi …

Tensão na Catalunha afeta realização do Barcelona-Real Madrid

A violência dos protestos na Catalunha está a fazer com que a Liga e a Federação de futebol espanholas repensem a ideia de o clássico entre Barcelona e Real Madrid se realizar em Camp Nou. O …

Assis critica novo Governo do PS. É "muito António Costa" e feito só para dois anos

O ex-eurodeputado do Partido Socialista (PS) Francisco Assis não poupou nas críticas ao novo Governo, que António Costa apresentou ao Presidente da República na terça-feira ao final do dia, considerando que este é um executivo …