Juiz decide que FBI não pode forçar Apple a desbloquear iPhone de traficante de droga

Monica Davey / EPA

O CEO da Apple, Tim Cook, durante a apresentação de novos produtos Apple de 9 de Setembro 2015

O CEO da Apple, Tim Cook, durante a apresentação de novos produtos Apple de 9 de Setembro 2015

O caso do iPhone do atirador de San Bernardino que opõe FBI e Apple está longe de estar terminado, mas outro caso acaba de ter uma decisão favorável à Apple.

Num caso relacionado com tráfico de drogas, a Apple tinha também sido requisitada para desbloquear o iPhone de um dos suspeitos, mas recusou-se a fazê-lo – uma posição que um juiz agora confirma, dizendo que o Governo e entidades governamentais não têm o direito de fazer essa exigência à Apple.

Com esta decisão o juiz remete a “batata quente” para o Congresso norte-americano, dizendo que se o Governo quer fazer estas exigências, esse poder deverá ficar expressamente definido, em vez de tentarem ampliar a utilização de outros métodos que não tinham sido concebidos para este fim.

Este caso não serve de precedente que automaticamente resolva o caso que ainda está em curso (que será ouvido no próximo dia 22 de Março), mas não deixará de ser um grande trunfo para a Apple, que assim vê validadas as suas pretensões e preocupações.

No caso do atirador de San Bernardino, o iPhone do terrorista que matou 14 pessoas na Califórnia em dezembro do ano passado está bloqueado com um código numérico.

Para aceder aos conteúdos do telemóvel de Syed Farook, o FBI tem de o bombardear com combinações diferentes até acertar e precisa que a Apple desenvolva uma versão alterada do iOS 9 que o permita fazer sem ativar a função de auto-destruição.

O pedido do FBI é feito sob o All Writs Act, uma lei abrangente de 1789 que permite aos juízes requererem ações necessárias para executarem ordens, mas a equipa legal da Apple defende que “o pedido do governo cria um peso sem precedentes sobre a Apple e viola os seus direitos da Primeira Emenda contra a expressão forçada”.

“Nenhum tribunal alguma vez autorizou o que o governo pede, nenhuma lei suporta tal uso ilimitado e extenso do processo judicial, e a Constituição proíbe-o”.

A polémica à volta do caso serviu para chamar as atenções para a necessidade de um regime de transparência quanto à protecção de dados e quem – e em que circunstâncias – é que a eles poderá aceder.

Aberto Até de Madrugada

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Imanigem se tivesse este bandido tocado em alguém da família dele, se estaria este Juis a favor da Apple ou da lei?

    Bandido é bandido, crime é crime!
    Bandido não tem direito a privacidade, não deve ter direito a nada!
    Nós, os cidadãos, ficamos aonde nesta escala de proteção???

    lol

RESPONDER

O RRS David Attenborough, navio virgem dos reinos polares, já saiu do estaleiro

O navio RRS Sir David Attenborough saiu finalmente do seu estaleiro. O já lendário navio vai agora ser sujeito a alguns testes antes de ser oficialmente entregue ao serviço, em novembro deste ano. A construção do …

Vulcões ativos produzem 30 a 50% da atmosfera de Io

Novas imagens rádio obtidas pelo ALMA (Atacama Large Millimeter/submillimeter Array) mostram, pela primeira vez, o efeito direto da atividade vulcânica na atmosfera da lua de Júpiter, Io. Io é a lua mais vulcanicamente ativa do nosso …

Descobertas pegadas fossilizadas com mais de 10 mil anos. São a trilha pré-histórica de uma mãe com um bebé ao colo

Uma equipa de investigadores internacional descobriu o trilho pré-histórico mais comprido do mundo no Novo México, nos Estados Unidos. O novo estudo conta a historia de uma mulher que carregou um bebé nos braços durante …

Pure Skies. Empresa desenha cabines dos aviões do pós-pandemia

Desde o início da pandemia, os especialistas têm testado diferentes maneiras de alcançar o distanciamento social em aviões, embora com pouco sucesso. Agora, há uma empresa que está a levar esta ideia até ao próximo …

OE2021. Bloco de Esquerda vota contra na generalidade

O Bloco de Esquerda vai votar contra a proposta do Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, anunciou a coordenadora do partido, Catarina Martins. Em declarações aos jornalistas, a bloquista confirmou este domingo que o …

PS ganha eleições nos Açores sem garantia de maioria absoluta

O PS voltou a ganhar as eleições regionais dos Açores, obtendo entre 37% e 41%, o que não garante a maioria absoluta, segundo a projeção à boca das urnas realizada este domingo pela Universidade Católica …

Extinção da fauna em Madagáscar pode dever-se à presença humana (e a mudanças climáticas)

Grande parte da fauna de Madagáscar e das ilhas Mascarenhas foi eliminada durante o último milénio. Neste sentido, uma equipa de cientistas analisou um registo do clima nos últimos 8000 anos nas ilhas. O resultado …

PAN vai abster-se na generalidade. OE mais próximo da aprovação

O partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) vai abster-se na votação na generalidade da proposta de Orçamento do Estado para 2021 (OE2021) na próxima quarta-feira, anunciou a líder parlamentar do partido, Inês Sousa Real. Com a abstenção dos três …

O passado tóxico fica para trás. Asbestos, a cidade "amianto", mudou de nome

A cidade canadiana Asbestos (que significa amianto) ganhou um novo nome, quase 11 meses após o anúncio da votação. Wuase metade dos cerca de 6 mil residentes da cidade canadiana marcaram presença numa votação organizada num …

Menino de 12 anos encontra fóssil de dinossauro com 69 milhões de anos

Nathan Hrushkin, aspirante a paleontólogo de 12 anos, encontrou o fóssil de um dinossauro enquanto passeava com o pai em Alberta, no Canadá. Depois de enviarem uma fotografia ao Museu Royal Tyrrell, ficaram a saber …