Jorge Jesus sai já do Benfica

3

Paulo Novais / Lusa

Treinador não orientou treino, nesta terça-feira. Pizzi esteve na origem desta saída antecipada.

Jorge Jesus deixa de ser treinador do Benfica já nesta terça-feira. A informação está a ser assegurada por vários meios de comunicação social, que indicam que o treinador já não orientou a sessão marcada para esta manhã.

As exibições pouco convincentes, os resultados irregulares, a derrota clara contra o FC Porto por 3-0 e a possibilidade de rumar ao Flamengo já eram “ingredientes” suficientes para o ambiente na Luz não ser positivo para o treinador mas, nesta segunda-feira, surgiu um episódio que terá antecipado a sua saída.

O jornal Correio da Manhã indicou que houve um desentendimento entre Pizzi e Jorge Jesus.

O treinador pediu ao presidente Rui Costa para vender o passe do internacional português (e um dos capitães do Benfica) já em Janeiro, porque considerou que o médio apresentou um mau comportamento depois da derrota no Dragão, na semana passada, em jogo da Taça de Portugal. Pizzi criticou a atitude da equipa nesse “clássico”, logo durante uma conversa no balneário do recinto portista.

A consequência imediata foi afastar Pizzi do treino desta segunda-feira, mas os outros jogadores do Benfica apoiaram o seu colega de campo e não o treinador.

Nesta terça-feira Jorge Jesus ainda terá estado no Seixal mas nem houve treino e os futebolistas saíram muito cedo do centro de estágios, no Seixal. Terá sido o próprio Jesus a pedir para sair.

Em breve deverá haver reunião – talvez a última – entre Rui Costa e Jorge Jesus. Entretanto será Nélson Veríssimo, treinador do Benfica B, a assumir (novamente) a equipa principal e vai ser o treinador da turma lisboeta no regresso ao Estádio do Dragão, onde FC Porto e Benfica se reencontrarão nesta quinta-feira, desta vez em jogo do campeonato.

Esta alteração aparece poucos dias depois de João de Deus, treinador-adjunto do Benfica, ter assegurado que Jorge Jesus iria continuar na Luz até ao final desta época.

E, curiosamente, esta alteração surge poucas horas depois de Paulo Sousa ter sido apontado como novo treinador do Flamengo. Agora, poderá haver reviravolta também no Brasil.

  Nuno Teixeira Silva, ZAP //

3 Comments

  1. Advinhei! Há dois dias escrevi aqui que o JJ ía saír pelas traseiras pela segunda vez. Ambos o LFV e o JJ começáram bem e acabáram mal, pode-se dizer mesmo a prejudicar o Benfica desportiva e financeiramente. São duas pessoas que vão ficar na história do Benfica por boas e más razões, e pode-se dizer mesmo que o Benfica teve um segundo caso Vale e Azevedo. No futuro tem de haver mais e melhor controlo sobre os Presidentes, para que estes casos não voltem ácontecer.

    • O Benfica não devia ir buscar mais treinadores, jogadores ou gerentes que são adeptos de outros clubes. LFV que é adepto do Porto e o JJ adepto do Sporting são ambos casos evidentes de que agiram de má fé contra o Benfica.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.