“Jihadi John” recebeu terapia na escola para controlar agressividade

cv ISIS / YouTube

O jihadista do Estado Islâmico (EI) conhecido como “John” e identificado como o britânico Mohammed Emwazi recebeu terapia na escola para controlar a agressividade, já que estava sempre a lutar com os companheiros, segundo um professor.

Mohammed Emwazi, identificado como o homem de cara tapada que aparece nos vídeos divulgados pelo EI sobre a decapitação de reféns ocidentais, foi aluno do colégio Quintin Kynaston, a noroeste de Londres.

Falando à BBC, o professor, cujo nome não foi divulgado, disse que o jovem Emwazi precisava de ajuda para controlar as suas emoções, mas adiantou que o seu temperamento melhorou após a terapia e que, apesar de tudo, era um “estudante adorável” com grande interesse pelo sucesso na sua vida.

Víamos que se enraivecia e trabalhávamos isso com ele. Demorava muito tempo para se acalmar e então nós trabalhámos muito como escola para o ajudar a lidar com a sua raiva e a controlar as suas emoções”, disse o professor, segundo o qual, Mohammed Emwazi “parecia funcionar e respeitava todo o trabalho feito por ele” na escola.

O professor destacou que o rapaz não vinha de uma situação familiar difícil e deixou a escola com boas notas.

Emwazi nasceu no Kuwait, mas tem nacionalidade britânica, licenciou-se em informática no Reino Unido e estava referenciado pelos serviços de segurança nacionais desde pelo menos 2009.

Conhecido como “Jihadista John”, este dirigente do EI foi visto pela primeira vez em imagens divulgadas pelo próprio Estado Islâmico, em agosto de 2014, a decapitar o jornalista norte-americano James Foley.

Apareceu também nos vídeos relacionados com o jornalista norte-americano Steven Sotloff, o voluntário humanitário britânico David Haine, a voluntária norte-americana Abdul-Rahman Kassig e o taxista britânico Alan Henning.

Emwazi, 27 anos, captou a atenção pelo seu forte sotaque britânico nos vídeos e porque colocava uma faca junto ao pescoço dos reféns, prestes a decapitá-los, antes de cortar as imagens.

O Governo britânico manifestou a sua preocupação com os casos de jovens muçulmanos que viajam para a Síria para se juntar ao EI.

O último caso é o de três adolescentes entre 15 e 16 anos, que recentemente viajaram para a Turquia e, em seguida, para a Síria.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Laurent Simons será o mais novo licenciado do mundo. Tem 9 anos

O belga Laurent Simons tem apenas 9 anos e estás prestes a bater um recorde: em dezembro, deverá tornar-se o mais novo licenciado do mundo. O "menino prodígio", tal como é apontado pelos média internacionais, ingressou …

Preços dos passes Navegante ficam iguais em 2020

Os preços dos passes Navegante vão manter-se iguais em 2020, no âmbito da estratégia de “promoção da utilização dos transportes públicos coletivos”, anunciou esta sexta-feira a Área Metropolitana de Lisboa (AML). “A Área Metropolitana de Lisboa …

Os burros-táxi de Espanha vão ter horários de trabalho, estábulos novos e deixar de carregar turistas de 80 quilos

Os burros táxis são uma atração turística de Mijas, província de Málaga, no sul de Espanha. Agora foram definidas novas regras que têm em conta os direitos e o bem-estar dos animais. O serviço funciona como …

Vai ser preciso "ser-se rico" para visitar a famosa Ilha de Komodo

Em breve, os turistas que queiram visitar a Ilha de Komodo, o famoso lar de mais de 5.000 dragões de Komodo, terão de ser ricos. O aviso é do Governo local indonésio, que chegou mesmo …

Sócrates saúda saída da prisão de Lula. "Sei que estás em festa, pá"

O antigo primeiro-ministro José Sócrates, acusado de corrupção, considerou que a saída da prisão de Lula da Silva representou uma "reentrada no mundo" do ex-chefe de Estado brasileiro, acontecimento em relação ao qual o PS, …

Ministra da Justiça visitou mãe que abandonou bebé no lixo

A mãe que abandonou o bebé no caixote do lixo em Lisboa está bem de saúde e a receber apoio psicológico, constatou a ministra da Justiça, que esta sexta-feira visitou a jovem na cadeia de …

Ex-embaixadora dos EUA na Ucrânia acusa Trump de intimidação

Marie Yovanovitch, antiga embaixadora dos Estados Unidos na Ucrânia, denunciou esta sexta-feira a existência de uma campanha para a descredibilizar levada a cabo por Donald Trump com ajuda de ucranianos, no inquérito para a destituição …

Subida do Salário Mínimo Nacional vai aumentar as propinas

A subida do Salário Mínimo Nacional para os 635 euros em 2020, vai ter influência em valores a pagar ou a receber, nomeadamente nas propinas mínimas do Ensino Superior público e nos tectos do Fundo …

É essencial um acordo internacional para taxar “gigantes” tecnológicos, defende Costa

O secretário-geral do PS, António Costa, considerou esta sexta-feira insustentável do ponto de vista social a situação em que classes médias e pequenas empresas suportam a maior parte do esforço fiscal e defendeu um acordo …

Lisboa entre as cidades com trânsito mais caótico do mundo

Um estudo da Mister Auto - marca líder de mercado na venda de peças para automóveis - agora divulgado revelou que Lisboa está na 74.ª posição no 'ranking' das cidades mais circuláveis. Ou seja, muito …