JJ não abranda: há nova goleada e recorde. “Quando estiver lá no céu, ainda vão falar do Jesus”

António Lacerda / EPA

Um hat-trick de Bruno Henrique conduziu na quarta-feira o Flamengo ao triunfo na receção ao Ceará (4-1), no primeiro jogo do conjunto orientado pelo português Jorge Jesus após a conquista da Taça Libertadores e do Brasileirão.

No Maracanã, em clima de festa, que começou no sábado, com o triunfo na final da Libertadores, face ao River Plate (2-1), e prosseguiu no domingo, com a conquista matemática do campeonato, face ao desaire do Palmeiras, o mengão entrou a perder, mas deu a volta, como em Lima.

Thiago Galhardo marcou para os visitantes, aos 27 minutos, só que, na segunda parte, Bruno Henrique respondeu com três tentos, aos 65, 74 e 85, passando a somar 21 na prova, apenas menos um do que o melhor do campeonato, o seu companheiro de equipa Gabriel Barbosa, vulgo Gabigol, ausente face ao Ceará devido a castigo.

Na parte final, aos 90+1 minutos, Vitinho selou o 4-1 final, no que foi o 27.º encontro consecutivo sem perder (22 vitórias e cinco empates) do ‘Fla’ em todas as provas, incluindo 22 no ‘Brasileirão’ (19 triunfos e três igualdades), após o 0-3 no reduto do Bahia, no ‘longínquo’ dia quatro de agosto.

Com este resultado, o conjunto do Rio de Janeiro passou a somar 84 pontos: desde que a prova se disputa com pontos corridos e 20 equipas (desde 2006), é recorde, tal como as 26 vitórias, sendo que os 77 golos igualam para já o registo do Cruzeiro, em 2013.

No final do encontro, os jogadores receberam as medalhas de campeões, algumas entregues pelo ex-guarda-redes do Benfica Júlio César, uma delas a Jorge Jesus, e o clube recebeu a taça correspondente ao sexto título brasileiro da sua história – o ‘Fla’ diz-se heptacampeão -, com os capitães Diego Alves, Diego e Éverton Ribeiro na linha da frente a levantarem o troféu.

“Quando estiver lá no céu, ainda vão falar do Jesus”

No final da partida, Jorge Jesus mostrou-se muito satisfeito com o resultado, dizendo que será relembrando quando estiver “no céu”.

“Sabíamos que vínhamos de uma semana de muita festa. Sabia que isso iria ter alguma influência na dinâmica da equipa, mas também sabia que tínhamos argumentos para fazer golos e mudar o resultado. Ao intervalo fizemos algumas alterações e fizemos uma segunda parte diabólica e de uma pressão constante”, começou por dizer.

“Fizemos quatro golos e poderíamos ter feito mais. Era importante sair daqui com uma vitória, como era importante bater o recorde de pontos corridos. Estava em 81 e nós passamos para os 84 pontos. Mais um recorde batido. Esta equipa, este grupo, vai ficar na história do Flamengo para sempre! Mas disso não tenho dúvidas nenhumas. Quando estiver lá no céu, ainda vão falar do Jesus“, disse, citado pelo Sapo Desporto.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Nada de embandeirar em arco, é que isto de treinador tão depressa se é bestial como de repente se passa a besta, portanto nada de vaidades inúteis.

    • Ele terá sempre um traço de besta. E está certo, quando estiver no céu iremos durante muitos anos relembrar aquelas tiradas:
      “vocês os três façam um quadrado ali no meio”
      “em 16 finais esta é a décima sétima. Ganhei 17 e perdi 10”

      Isto perdurará por muitos anos

RESPONDER

Cientista descobre espécie extinta de ganso através de uma pintura egípcia

Uma famosa pintura que estava originalmente no túmulo do príncipe egípcio Nefermaat levou um cientista a descobrir uma espécie de ganso já extinta. A cena "gansos de Meidum", originalmente pintada no túmulo do príncipe Nefermaat, encontra-se …

Físico cria algoritmo de IA que pode provar que a realidade é uma simulação

Hong Qin, do Laboratório de Física de Plasma de Princeton (PPPL) do Departamento de Energia dos EUA, criou um algoritmo de Inteligência Artificial que pode provar que a realidade é, na verdade, uma simulação. O algoritmo …

Quase 10 anos depois, avião de Gaddafi continua parado num aeródromo em França

Quase uma década depois de ter aterrado em solo francês, o avião presidencial do ex-ditador líbio continua parado num aeródromo no sul do país, estando no meio de vários processos judiciais que parecem não ter …

Governo recebeu 1.600 ideias para a bazuca. Costa agradece mobilização

Durante a fase de discussão pública, o Plano de Recuperação e Resiliência recebeu mais de 1.600 contribuições e mais de 65 mil consultas. O primeiro-ministro António Costa disse que, durante a fase de discussão pública, …

"Honjok" é o nome do movimento sul-coreano que reivindica a solidão

A solidão tornou-se um tema recorrente devido à pandemia de covid-19. Na Coreia do Sul, existe um movimento chamado "honjok", que promove um estilo de vida solitário. O isolamento imposto pela pandemia de covid-19 está a …

Do subsolo sírio à nomeação ao Óscar: hospitais em tempos de guerra numa "era de impunidade"

The Cave é o nome de uma produção que esteve nomeada para o Óscar de Melhor Documentário de 2020. É também o lugar onde hospitais sírios se escondem para salvar vidas longe de bombardeamentos e …

Patrícia Mamona sagra-se campeã no triplo salto em pista coberta

Esta tarde, Patrícia Mamona tornou-se a terceira atleta portuguesa a garantir a medalha de ouro para Portugal no Campeonato da Europa em pista coberta. A portuguesa Patrícia Mamona conquistou, este domingo, a medalha de ouro na …

Dias de aulas mais longos, férias mais curtas e cinco períodos. Em Inglaterra, já se equacionam formas de recuperar o tempo perdido

Há três medidas em cima de mesa que podem vir a ser adotadas para combater os atrasos na aprendizagem dos alunos. Na Inglaterra, as escolas reabrem para aulas presenciais esta segunda-feira, mas já se pensa …

Índia abre centro de bem-estar para hóspedes abraçarem vacas e "esquecerem todos os problemas"

Animais de conforto e apoio emocional são cada vez mais populares em todo o mundo. Embora a maioria das pessoas use cães ou gatos, há também algumas escolhas mais bizarras, incluindo pavões, macacos e cobras. Os …

Abel Ferreira tentou levar jogador do Benfica para o Palmeiras

O treinador português Abel Ferreira, no comando técnico dos brasileiros do Palmeiras, pediu a contratação de Franco Cervi, que alinha pelo Benfica, mas acabou por ver a sua proposta recusada pelo jogador argentino. A notícia …