James Dean “ressuscita”. Ator volta ao cinema 65 anos após a sua morte

James Dean

James Dean morreu em 1955, mas está prestes a ser um dos principais atores de um novo filme que será lançado no próximo ano.

James Dean vai ressuscitar digitalmente: efeitos especiais vão permitir que o ator seja recriado através de um conjunto de fotografias e filmagens antigas. A voz será emprestada por outro ator.

A Magic City Films obteve os direitos do espólio de James Dean para recriar em Finding Jack a lenda do cinema norte-americano que morreu num acidente de carro em 1955, com 24 anos. “Estamos muito honrados por a família nos apoiar e tomaremos todas as precauções para garantir que o seu legado de estrela de cinema épica, intacto até hoje, seja mantido”, avançou o produtor Anton Ernst, em comunicado.

A família vê isto como o seu quarto filme, um filme que ele nunca conseguiu fazer. Não pretendemos dececionar seus fãs”, acrescentou o responsável. James Dean protagonizou Fúria de Viver, O Gigante e A Leste do Paraíso.

No entanto, se há quem esteja animado com o regresso de Dean ao estrelato, há também quem não olhe com bons olhos este regresso digital.

Chris Evans, ator de Os Vingadores, exprimiu o seu desagrado no Twitter. “Isto é horrível… a completa falta de entendimento aqui é vergonhosa. Talvez consigamos um computador para pintar um novo Picasso. Ou escrever algumas músicas novas de John Lennon.”

https://twitter.com/ChrisEvans/status/1192137540842733568

Já a CMG Worlwilde, que detém licenças da propriedade intelectual de celebridades já falecidas – além de Dean, o músico Chuck Berry e o astronauta Neil Armstrong – considera que este filme irá abrir uma janela de oportunidades. Também em comunicado, adiantou que a rápida evolução da tecnologia permite ultrapassar uma fronteira completamente nova para os seus clientes icónicos.

A recriação digital de atores em filmes é uma prática controversa. A tentativa de maior destaque neste campo, até hoje, foi o uso de uma versão em CGI (Computer Graphic Imagery, ou seja, imagens geradas por computador) do ator Peter Cushing em Rogue One: Uma História de Star Wars. As reações quer à aparência do trabalho, quer à ética a ele associada foram confusas, conta o Fortune.

A Imagine Engine, no Canadá, e a MOI Worlwide, na África do Sul, ambas especialistas em efeitos especiais, terão a seu cargo a recriação de James Dean para este novo filme, que estreia já no próximo ano.

Finding Jack é um filme de ação sobre a guerra do Vietname. A história desenrola-se uma década depois da morte de Dean, que morreu num acidente de carro a 30 de setembro de 1955, quando ia para Salinas para participar numa corrida de carros desportivos de luxo.

O icónico ator, que representa a imagem da rebeldia americana, vai desempenhar um papel secundário neste filme, que conta a história de cães de guerra abandonados no Vietname pelos militares norte-americanos.

Ressurreição digital

O recurso a ressurreições digitais de atores já falecidos está longe de ser inédito. Peter Cushing, que morreu em 1994, regressou como comandante da Estrela da Morte, Grand Moff Tarkin, no filme de 2016 Rogue One: Uma História de Star Wars, usando imagens criadas por computador.

Carrie Fisher também “ressuscitou” digitalmente. A atriz, que morreu em 2016, surge no novo filme Star Wars: A Ascensão de Skywalker. No entanto, neste caso, são usadas imagens que a atriz gravou antes de morrer.

A empresa que licenciou a imagem de James Dean para este novo filme espera usar a mesma tecnologia para ressuscitar outras estrelas como Burt Reynolds, Christopher Reeve e Bette Davis.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Bolsonaro terá recusado descendente de D. Pedro para vice por desconfiar que ele era gay

O deputado Luiz Philippe de Orléans e Bragança, conhecido por "príncipe" por ser descendente de D. Pedro, herdeiro da família imperial do Brasil, não é vice-presidente de Jair Bolsonaro por causa da sua sexualidade. Esta é …

Detetados dois casos de peste pneumónica na China

Duas pessoas estão a receber tratamento em Pequim, na China, depois de lhes ter sido detetada peste pneumónica, a forma mais perigosa desta doença. De acordo com a CNN, que cita as autoridades locais, duas pessoas estão …

Jogador do Eintracht Frankfurt que empurrou treinador suspenso sete semanas

O jogador do Eintracht Frankfurt foi suspenso por sete semanas depois de ter derrubado o treinador do Friburgo durante o encontro entre as duas equipas, anunciou a Federação Alemã de Futebol (DFB). David Abraham, jogador do …

Austrália. Maiores incêndios de sempre já causaram mortos e podem durar meses

Mais de 150 incêndios devastam as costas Leste e Oeste da Austrália, 40 deles fora de controlo, com as autoridades a ordenarem na quarta-feira à população e aos turistas que abandonassem as zonas na rota …

Em seis anos, pedidos de junta médica aumentaram 210%

Os pedidos de juntas médicas aumentaram 210% em seis anos, sendo que o tempo de espera para os utentes é, em média, de seis meses. De acordo com o Diário de Notícias, de janeiro de 2011 …

De saída da Comissão Europeia, Tusk apela aos britânicos para não desistirem de travar o Brexit

Donald Tusk, de saída da presidência do Conselho Europeu, pediu aos eleitores britânicos para não desistirem de travar o 'Brexit'. Com a campanha em curso no Reino Unido para as eleições de 12 de dezembro, …

Tiroteio em universidade russa causa dois mortos e três feridos

Duas pessoas morreram e outras três ficaram feridas, esta quinta-feira, durante um tiroteio numa universidade em Blagoveschensk, na Rússia. De acordo com as autoridades policiais, um estudante de 19 anos levou uma arma de caça para …

"Ano de 2020 pode ser menos mau internacionalmente do que temia"

O Presidente da República considerou esta quarta-feira que “o ano de 2020 pode ser economicamente menos mau internacionalmente do que temia”, devido à evolução do Brexit e da "guerra comercial" entre Estados Unidos da …

Google já sabe falar em português de Portugal

A Google anunciou oficialmente o idioma de português europeu para o seu assistente digital, um passo importante para desbloquear o potencial desta funcionalidade no país. Falar com as máquinas não é novidade. A Alexa, da Amazon, …

CGD prepara-se para pagar 300 milhões em dividendos ao Estado

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) prepara-se para entregar ao Estado cerca de 300 milhões de euros em dividendos, o que irá ajudar o Governo a compor o Orçamento do Estado do próximo ano. O banco …