Isabel do Santos desmente ação contra João Lourenço mas processo deu entrada no Supremo

(dr) Mercado

A empresária Isabel dos Santos, filha mais velha do antigo presidente de Angola, José Eduardo dos Santos

Isabel do Santos, filha do antigo Presidente da Angola, desmente ter entrado com uma ação contra o atual Presidente João Lourenço. No entanto, o processo cível contra o Estado deu entrada no Supremo.

De acordo com o Expresso, a Atlantics Ventures, empresa detida por Isabel dos Santos, pediu às autoridades angolanas a revogação decretada por João Lourenço dos direitos de construção do futuro Porto da Barra do Dande.

O semanário dava conta nesta sexta-feira que a empresária tinha entrado com um processo conta João Lourenço, iniciativa esta que a própria Isabel dos Santos acabaria por desmentir. No entanto, fonte judicial ouvida pelo jornal reafirma que a empresária deu mesmo entrada com uma ação cível contra o Estado angolano.

“[Isabel dos Santos] terá ponderado e até pode recuar depois de ter medido as consequências que adviriam daí para os seus negócios ligados por exemplo ao Candando ou a UNITEL”, adiantou ao Expresso fonte governamental próxima do processo.

No mesmo dia, o Diário de Notícias dava conta que Isabel dos Santos teria também colocado uma ação contra o Presidente angolano em Paris.

Em causa no alegado processo, estaria a anulação do contrato de construção do Porto da Barra do Dande no valor de 1,5 mil milhões de dólares (1278 milhões de euros), que lhe foi atribuída, dias antes da investidura do atual chefe de Estado.

Segundo o semanário, as autoridades angolanas concluíram que tinham sido induzidas por Isabel dos Santos “a cometer atos ilegais e ilícitos” através de “uma empresa com meros três meses de constituição no cartório” – a Atlantic Ventures que foi utilizada como veículo para a concessão do projeto.

Isabel dos Santos nega processo

A empresária angolana Isabel dos Santos negou esta sexta-feira ter avançado com um processo cível contra o Presidente de Angola, João Lourenço.

“A notícia não corresponde à verdade: a Eng.ª Isabel dos Santos não moveu qualquer processo contra S. Exa. Presidente de Angola, General João Lourenço, nem contra nenhuma pessoa física, em relação à concessão do Porto da Barra do Dande”, esclareceu em comunicado enviado às redações.

Deixando ainda claro que “a Atlantic Ventures, na qualidade de entidade adjudicatária da mencionada concessão, solicitou um procedimento arbitral e requereu ao Estado Angolano a avaliação jurisdicional do ato administrativo de revogação da concessão, nos termos previstos e permitidos pela legislação angolana.”

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ana Gomes espera "verdadeiro Portugal Leaks" com Rui Pinto a colaborar com a justiça

A antiga eurodeputada Ana Gomes considerou que “é um verdadeiro Portugal Leaks” que se pode esperar a partir de agora, depois de Rui Pinto aceitar colaborar com a justiça portuguesa. O criador do Football Leaks e …

Exames nacionais adiados. Terceiro período arranca a 14 de abril (mas à distância)

Esta quinta-feira, António Costa falou ao país para anunciar que o 3.º período irá recomeçar no dia 14 de abril, mas sem aulas presenciais. Os exames nacionais do ensino secundário foram adiados para julho e …

TAP. Estado equaciona reformas antecipadas sem penalizações

O Jornal Económico escreve esta quinta-feira que o Estado pondera avançar com reformas antecipadas sem penalizações na TAP, visando assim diminuir o impacto da pandemia de covid-19 na companhia aérea portuguesa. Apesar de a empresa ter …

Santa Maria ganha 40 camas para os cuidados intensivos

A maior unidade hospitalar do país reforçou capacidade dos Cuidados Intensivos para os doentes infetados, passando das atuais 80 camas para cerca de 120. O Hospital Santa Maria, em Lisboa, vai quadruplicar a sua capacidade …

"Isto é criminoso". Estivadores dizem que há risco de portos pararem

"Da forma como estamos a trabalhar nos portos, corremos o risco de todo o contingente ficar parado, porque não há nenhum cuidado em termos de criar equipas rotativas", garantiu o líder sindical. O presidente do Sindicato …

Demitiu-se o diretor do serviço de cirurgia e transplantação do Curry Cabral

Américo Martins demitiu-se esta quarta-feira por ter visto impedida a proposta de reorganização com circuitos independentes no hospital. O diretor do Serviço de Cirurgia Geral e Transplantação do Hospital Curry Cabral, Américo Martins, demitiu-se esta quarta-feira …

Bancos impedidos de cobrar comissões por operações digitais. Acesso a jogos online limitados

Os bancos vão ficar impedidos de cobrar comissões por operações de pagamento através de plataformas digitais dos prestadores de serviços, segundo uma proposta do PEV com alterações do PS aprovada no Parlamento. O projeto de lei …

Pessoas assintomáticas devem usar máscara, diz Centro Europeu de Controlo de Doenças

Num relatório divulgado na quarta-feira, o Centro Europeu de Controlo de Doenças (ECDC) referiu que as máscaras podem reduzir a propagação do novo coronavírus de pessoas assintomáticas, recomendando a sua utilização. De acordo com o Público, …

Portugal ultrapassa as 400 vítimas mortais. Cordão sanitário em Castro Daire equacionado

Portugal regista esta quinta-feira 409 mortos associados à covid-19, mais 29 do que na quarta-feira, e 13.956 infetados (mais 815), segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Trata-se de um aumento de 6% …

"Em segundo plano". OM alerta para falta de resposta para doentes prioritários não covid-19

A Ordem dos Médicos (OM) alertou esta quinta-feira para a falta de resposta aos doentes prioritários não covid-19, que diz estarem a ser relegados para segundo plano, em áreas que “não podem esperar” como a …