Iraque condena três franceses a pena de morte por pertencerem ao Estado Islâmico

Ali Abbas / EPA

Três homens de nacionalidade francesa foram este domingo condenados a pena de morte, pelo tribunal de Bagdade, capital do Iraque, por pertenceram ao Estado Islâmico, avança a AFP, que cita o juiz que leu a sentença considerada inédita.

Os condenados, Kévin Gonot, Léonardo Lopez e Salim Machou têm agora 30 dias para recorrer da pena aplicada. Os três homens faziam parte do grupo de 14 cidadãos franceses capturados na Síria por uma aliança árabe-curda.

Em fevereiro deste ano, foram transferidos para o Iraque para o julgamento. Os interrogatórios na sala de audiências duraram quatro meses. Kévin Gonot, de 32 anos, nascido em Figeac, no sudoeste da França, ao juiz na sessão deste domingo que estava arrependido de se ter juntado ao Estado Islâmico.

Os três homens já julgados “foram condenados a serem executados depois de ter sido provado que tinham pertencido à organização terrorista Daesh”, disse uma fonte do tribunal que não se identificou por não estar autorizado a falar com a comunicação social.

“Os franceses disseram que rejeitavam a decisão do tribunal e pediram para serem julgados em França, mas os juízes ignoraram o pedido”, disse um advogado. Existe a possibilidade de recurso.

Embora a código penal iraquiano preveja a pena de morte para qualquer pessoa que se tenha juntado a uma organização terrorista, a sentença está a ser considerada inédita pelos cidadãos iraquianos.

Até agora, só três pessoas — também de nacionalidade francesas — tinham sido condenadas por pertencerem ao Estado Islâmico. Ainda assim, Mélina Boughedir, de 27 anos, Djamila Boutoutaou, 28, e Lahcène Gueboudj, 58, foram condenados a uma pena de prisão perpétua e não de morte.

O Governo francês tem-se recusado a aceitar de volta combatentes do Daesh e as suas mulheres – ainda que tenha recebido algumas crianças. O ministro Jean-Yves Le Drian, com a pasta dos Negócios Estrangeiros, tem-se referido a estas pessoas como “inimigos” da nação e defendido que devem ser julgadas na Síria ou no Iraque.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

MPLA afasta "Tchizé" dos Santos do comité central e suspende-a por dois anos

O Bureau Político do MPLA aprovou, esta quinta-feira, o afastamento de Welwitschia 'Tchizé' dos Santos de membro do comité central do partido no poder em Angola e a suspensão por dois anos da condição de …

Coldplay adiam divulgação de álbum. Querem uma digressão mais "respeitadora do ambiente"

O líder dos Coldplay anunciou na quinta-feira que o grupo musical britânico adiou a digressão de apresentação do seu novo álbum, que é publicado esta sexta-feira, para ser o mais limpa possível e ter um …

Vila Galé já estuda novo resort na região do Brasil onde abandonou projeto

O Vila Galé vai mesmo avançar com uma nova unidade hoteleira na mesma região do Brasil onde decidiu abandonar o projeto que tinha, depois das críticas de que ia investir em potencial zona de reserva …

França ultrapassa Alemanha. É o pais europeu com mais pedidos de asilo

França tornou-se no país europeu com mais pedidos de asilo, pela primeira vez desde o início da crise migratória em 2015, afirmou esta quinta-feira em Paris o ministro do Interior. “A França tornou-se desde 20 de …

Procurador-geral admite que suicídio de Epstein foi resultado de vários erros

O procurador-geral dos EUA disse, esta sexta-feira, que a morte de Jeffrey Epstein, que se suicidou atrás das grades, foi o resultado de "uma tempestade perfeita de asneiras". Em entrevista à Associated Press, William Barr confessou …

Vegano processa Burger King nos EUA por "contaminação" de hambúrguer

Um cliente vegano interpôs uma ação judicial contra o Burger King nos Estados Unidos, acusando a cadeira de restaurantes de fast-food de lhe ter servido um hambúrguer cozinhado na mesma grelha utilizada para preparar carne. De …

Dono do carro onde seguia Angélico condenado a dois anos de pena suspensa

O dono de um stand da Póvoa de Varzim e a sua ex-mulher foram, esta sexta-feira, condenados a dois anos de prisão, com pena suspensa. Em causa está a falsificação do contrato de compra e venda …

Mais de 500 mulheres assassinadas em Portugal nos últimos 15 anos

Mais de 500 mulheres foram assassinadas nos últimos 15 anos em contexto de relações de intimidade em Portugal, e só neste ano já morreram 28, algumas baleadas, outras estranguladas ou espancadas, a maioria vítima de …

Paulo Macedo diz que a CGD não vai ser "uma nêspera"

O presidente da CGD considera que há a expectativa de o banco público ficar "sossegado", mas que a sua equipa não é paga para "ficar a ver navios" e quer pagar o capital injetado pelo …

Foo Fighters são a primeira confirmação do Rock in Rio Lisboa

Os norte-americanos Foo Fighters vão atuar, a 21 de junho, no festival Rock in Rio Lisboa, no Parque da Bela Vista. A banda de Dave Grohl é a primeira confirmação do cartaz do Rock in Rio …