Corrida à Presidência dos EUA arranca hoje com primárias no Iowa

cobblucas / Flickr

Hillary Clinton

Hillary Clinton

Os eleitores do estado norte-americano de Iowa dão esta segunda-feira o pontapé de saída no processo que definirá os candidatos às próximas presidenciais nos EUA, que se reaizam em novembro.

Os primeiros Estados a realizar primárias, Iowa e New Hampshire (a 9 de fevereiro), somam apenas 1,6% da população dos EUA, mas é lá que os pré-candidatos passam grande parte do início da corrida eleitoral.

Os resultados nos dois Estados têm muito impacto no resto da campanha, já que podem enterrar candidaturas e dar grande impulso aos vencedores.

As primárias terminam em junho, quando os políticos escolhidos para representar os partidos Democrata e Republicano passam a disputar entre si.

Encerrada esta fase, os candidatos vitoriosos passam a concentrar esforços nos chamados “Estados-pêndulo”, onde a disputa entre Republicanos e Democratas costuma ser mais equilibrada, deixando de lado Estados marcadamente identificados com um determinado partido.

Para um candidato Democrata, por exemplo, fazer campanha no Oklahoma pode não ser tão vantajoso, já que o Estado costuma dar largas vitórias ao partido rival. Alguns dos principais Estados-pêndulo são Flórida, Virgínia, Colorado e Pensilvânia.

Principais candidatos

Da parte dos Republicanos, os principais candidatos à escolha final do sucessor de Barack Obama são Donald Trump, Ted Cruz e Marco Rubio.

gageskidmore / Flickr

O milionário americano Donald Trump

O milionário americano Donald Trump

O megaempresário é hoje o candidato preferido de 41% dos Republicanos, segundo a última sondagem da CNN. Entre as principais propostas de Trump, marcadamente nacionalistas, estão construir um muro na fronteira com o México, impedir temporariamente a entrada de muçulmanos e aumentar as taxas sobre os produtos chineses.

Ted Cruz, filho de um pastor evangélico cubano, é senador pelo Texas e conta hoje com 19% das intenções de voto entre os Republicanos. As suas principais bandeiras incluem bombardear as áreas controladas pelos terroristas do Estado Islâmico, acabar com os subsídios federais a planos de saúde e reduzir o IRS.

Marco Rubio, filho de cubanos e senador pela Flórida, tem hoje 8% dos votos entre os eleitores republicanos, e afirma que, se for eleito, aumentará os gastos com defesa, reduzirá os impostos e flexibilizará as leis laborais. De acordo com a BBC, muitos analistas consideram-no o candidato Republicano mais competitivo.

Phil Roeder / Flickr

Bernie Sanders, candidato às primárias do partido Democrata para as eleições presidenciais de 2016 nos EUA

Bernie Sanders, candidato às primárias do partido Democrata para as eleições presidenciais de 2016 nos EUA

Do lado dos Democratas, a corrida tem-se polarizado à volta de Hillary Clinton e Bernie Sanders.

A ex-secretária de Estado e ex-primeira dama tem hoje 52% das intenções de voto entre os eleitores do seu partido. Hillary Clinton apresenta-se como a sucessora natural de Obama, prometendo aumentar os salários da classe trabalhadora, investir em infraestruturas e combater as mortes por armas de fogo.

Bernie Sanders, senador por Vermont que se define como socialista, conta hoje com 38% das preferências dos eleitores democratas. Sanders tem, entre as suas principais bandeiras, aumentar o controlo sobre os bancos, universalizar o sistema de saúde e reduzir a influência política de lobistas e grandes doadores.

Primárias vs caucuses

Os Estados adotam dois sistemas distintos para escolher os seus candidatos nesta fase das eleições: as primárias e os caucuses (convenções partidárias).

No modelo das primárias, adotado por 40 dos 50 Estados, os partidos Democrata e Republicano realizam votações secretas para escolher os candidatos.

Em alguns Estados, as primárias de cada partido se restringem aos militantes; noutros, são abertas a todos os eleitores – modelo seguido pelo Partido Socialista nas eleições que deram a António Costa a liderança do partido, em setembro de 2014.

Num Estado que opte pelo caucus, os eleitores manifestam-se publicamente sobre as suas preferências, levantando as mãos ou dividindo-se em grupos.

Regra geral, só os militantes podem participar da escolha.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Irão disponível para negociações sobre acordo nuclear nas próximas semanas

O Irão retornará às negociações sobre a retomada do acordo nuclear de 2015 nas próximas semanas, avançou o Ministério dos Negócios Estrangeiros esta terça-feira, apesar das suspeitas das potências ocidentais sobre a estratégia de Teerão …

Depois do Loon, nasce o Taara. Projeto usou lasers para transmitir 700TB de dados

Depois da morte do Projeto Loon, no início do ano, nasceu o Projeto Taara, que utilizou lasers para transmitir 700TB de dados através do rio Congo. O projeto muda, o nome é diferente, mas a missão …

Vizela - Paços de Ferreira bateu recorde de assistência na I Liga

Maior número de adeptos do campeonato também foi registado nesta jornada, no Benfica-Boavista; mas em termos de ocupação do estádio, o Vizela deixou longe toda a concorrência. Desde os anos 80 do século passado que não …

150 anos antes da viagem histórica de Colombo, um frade italiano escrevia sobre a America

Por volta do ano 1340, Galvano Fiamma registou, na sua Cronica universalis, a existência de terras a oeste da Gronelândia habitadas "por gigantes". Trata-se da primeira menção documentada do continente americano no Mediterrâneo, cerca de …

Os antigos compadres zangaram-se de vez. Trump puxa os cordelinhos nos bastidores para correr com McConnell

A relação de altos e baixos entre os dois azedou de vez depois de McConnell ter reconhecido a vitória de Joe Biden. Trump quer agora que um Republicano concorra contra McConnell pelo cargo da liderança …

Bombeiros embrulharam a maior árvore do mundo em papel de alumínio. Tudo para a proteger

O incêndio consumiu milhares de acres na Califórnia e o National Park Service viu-se obrigado a intensificar os seus esforços para proteger as jóias naturais, incluindo as maiores árvores do mundo. Os incêndios Colony e Paradise …

EUA trocaram "guerra implacável" por "diplomacia implacável" no Afeganistão, diz Biden

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, disse esta terça-feira à Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) que o país se está a concentrar na "diplomacia implacável" e no encerramento de uma era de …

Presidente de El Salvador autodenomina-se "Ditador de El Salvador"

O Presidente de El Salvador, Nayib Bukele, alterou no domingo a descrição do seu perfil no Twitter para "Ditador de El Salvador", passando depois para "Ditador mais 'cool' do mundo mundial", situação registada após os …

Ordem dos Médicos abre processo disciplinar contra Fernando Nobre

O Conselho Disciplinar Regional do Sul da Ordem dos Médicos abriu um processo contra Fernando Nobre, por causa das suas declarações numa manifestação de negacionistas em frente à Assembleia da República. A Ordem dos Médicos (OM) …

Crise da energia obriga UE a enfrentar dependência do gás natural

Os países europeus estão a tentar proteger os consumidores de energia, numa região onde, desde o início do ano, os preços do gás aumentaram 250%, resultado de uma série de forças económicas, naturais e políticas.  Na …