Investigação confirma que crânio de Shakespeare foi roubado por ladrões de sepulturas

David Jones / Wikimedia

Sepultura de William Shakespeare na Catedral da Santíssima Trindade em Stratford-on-Avon, em Inglaterra.

Um grupo de antropólogos da Universidade de Staffordshire, no Reino Unido, analisou a sepultura de William Shakespeare e concluiu que o seu crânio pode mesmo ter sido roubado por ladrões de sepulturas.

As conclusões desta investigação foram reveladas num documentário no canal inglês Channel 4 e vêm ao encontro da velha história que se contava de que a cabeça do escritor teria sido roubada da sepultura. Este estudo arqueológico dá forma científica a essa lenda.

O túmulo de Shakespeare encontra-se na Catedral da Santíssima Trindade, em Stratford-on-Avon, localidade onde terá nascido e onde terá sido enterrado a 16 de Abril de 1616.

Os antropólogos da Universidade de Staffordshire analisaram o túmulo recorrendo a um radar não invasivo, com poder de penetração no solo, e detectaram “uma estrutura de tijolo muito estranha” que atravessa a extremidade da cabeça da sepultura, conforme refere o líder da investigação, Kevin Colls, em declarações ao jornal The Guardian.

“Deparámo-nos com esta coisa estranha e inesperada na extremidade da cabeça. Era muito óbvio, com toda a informação que estávamos a receber, que havia algo de diferente naquele local particular. Concluímos que são sinais de perturbação, de material a ser desenterrado e posto no lugar de novo“, explica o antropólogo britânico.

“O roubo de sepulturas era uma coisa em grande nos séculos XVII e XVIII. As pessoas queriam os crânios de pessoas famosas para potencialmente os poderem analisar e perceber o que fazia deles génios. Não é surpresa que os restos de Shakespeare fossem um alvo”, diz ainda Kevin Colls.

Esta ideia de que a sepultura do famoso dramaturgo pode não conter a sua cabeça genial não deverá reduzir o número de visitas turísticas ao local. Pelo contrário, no ano em que se assinala o 400º aniversário da morte de Shakespeare, as autoridades esperam que haja ainda mais turistas a irem ao local.

SV, ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Afinal, Vénus pode não ser tão semelhante à Terra como pensávamos

Uma nova investigação questiona a habitabilidade de Vénus, planeta que os cientistas consideram há pouco tempo numa outra investigação poder ter um clima habitável semelhante ao da Terra. De acordo com a nova investigação, cujos …

Há gelo no polo sul da Lua e pode ter muitas fontes

Um novo estudo sugere que o gelo encontrado na superfície lunar pode ter milhares de milhões de anos, além de ter surgido de diferentes fontes. O estudo, publicado recentemente na Icarus, sugere que a maioria do …

A Evolução mostra que podemos ser a única forma de vida inteligente no Universo

As reduzidas probabilidades que acompanham a nossa evolução ao longo da história podem ser uma pista que talvez sejamos a única forma de vida inteligente no Universo. Será que estamos sozinhos no Universo? Tudo se resume …

A China está a usar a educação como arma para controlar o Tibete

A China quer obrigar crianças tibetanas a abandonarem as escolas da região e mudarem-se para escolas chinesas. O objetivo, segundo uma especialista, é "tirar o tibetano da criança". A batalha geopolítica entre a China e o …

Revelada explosão violenta no coração de um sistema que alberga um buraco negro

Uma equipa de astrónomos, liderada pela Universidade de Southampton, usou câmaras de última geração para criar um filme com alta taxa de quadros de um sistema com um buraco negro em crescimento e a um …

"É altura de dizer basta". Sporting corta com as claques

O Sporting rescindiu “com efeitos imediatos” os protocolos que celebrou em 31 de julho com a Associação Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI – Associação, anunciou hoje o clube, devido à “escalada de …

Poluição atmosférica associada a abortos espontâneos

Elevados níveis de poluição atmosférica foram associados a abortos espontâneos num estudo feito com mulheres grávidas a viver e trabalhar em Beijing, na China. A China é um dos países que mais sofre com a poluição …

Empresas espanholas dominam obras públicas na ferrovia

As empresas espanholas dominam as obras públicas na ferrovia em Portugal, ascendendo a sua quota a 70%, avança o Expresso na sua edição deste sábado. Para presidente da Associação de Empresas de Construção e Obras …

Cada vez mais mulheres denunciam abusos médicos durante o parto

Um número crescente de mulheres tem vindo a denunciar casos de abuso durante o trabalho de parto. No entanto, pouco está a ser feito para mudar isto. Durante o parto, as mulheres ficam numa posição vulnerável …

Já podemos explorar "Melckmeyd", naufrágio holandês do século XVII

Nas profundezas do Oceano Atlântico, perto da costa da Islândia, encontram-se os destroços de um navio holandês que afundou há 360 anos, no qual agora podemos "mergulhar" graças a uma experiência de realidade virtual. Quando a …