Inteligência artificial usada para detetar o cancro de ovário mais letal

Annie Cavanagh / Wellcome Images

Células cancerígenas

A forma mais letal de cancro no ovário foi detetada com sucesso com Inteligência Artificial, oferecendo esperança para tratamentos mais precisos para salvar vidas.

Os cientistas criaram uma ferramenta que procura aglomerados de células tumorais com núcleos de formato incomum – os “centros de controlo” no coração de cada célula.

Mais de sete mil novos casos de cancro de ovário são diagnosticados a cada ano no Reino Unido – e tem uma das piores taxas de sobrevivência de todos os tipos de cancro.

A taxa de sobrevivência normal além de cinco anos é de 53%, mas isto é reduzido para apenas 15% para pacientes com células deformadas. Os núcleos de formato estranho parecem ser uma indicação de que o ADN da célula se tornou instável, mas os testes convencionais podem facilmente ignorá-los.

Ao escolher mulheres com estas células incomuns, os investidores por trás da nova AI esperam desenvolver um sistema no qual os tratamentos sejam mais adequados aos pacientes com cancro.

“Usar este novo teste dá-nos uma maneira de detetar tumores com fraquezas ocultas na sua capacidade de reparar ADN que não seria identificado através de testes genéticos”, explicou Yinyin Yuan, que liderou o estudo no Instituto de Pesquisa do Cancro, citado pelo The Independent.

“Poderia ser usado juntamente com testes genéticos para identificar mulheres que poderiam beneficiar de opções alternativas de tratamento que visam defeitos de reparo de ADN, como os inibidores de PARP.”

Num estudo publicado na Nature Communications, os investigadores usaram a sua ferrament para testar amostras de tecido de mais de 500 mulheres com cancro de ovário. No total, a IA examinou quase 150 milhões de células.

Além de escolher o melhor tratamento, a investigação da equipa de Yuan também abriu novas possibilidades potenciais de imunoterapia.

As imunoterapias consistem em tratamentos que estimulam o sistema imunológico do corpo na luta contra as células cancerígenas. Os cientistas notaram que as células do sistema imunológico que ajudam a defender o corpo contra doenças não foram capazes de entrar nos aglomerados disformes.

Uma substância chamada galectina-3 estava presente em altos níveis nestes aglomerados e os cientistas concluíram que pode ser a chave para esta recém-descoberta “rota de fuga” do sistema imunológico.

A galectina-3 poderia, portanto, ser um novo alvo para as terapias, já que a sua remoção poderia deixar estas células mortais vulneráveis às células do sistema imunológico do corpo.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Governo aberto para suspender pagamento por conta do IRC

O deputado do PEV José Luís Ferreira afirmou hoje que o Governo demonstrou abertura para suspender este ano o pagamento por conta do IRC e para criar um fundo de tesouraria destinado às pequenas e …

Consumo de vinho aumentou "acentuadamente" durante confinamento

Um estudo europeu divulgado esta segunda-feira concluiu que a frequência do consumo de vinho "aumentou acentuadamente" em Espanha, França, Itália e Portugal com o confinamento e que as principais fontes de abastecimento foram os supermercados …

João Félix lesiona-se a poucos dias do regresso da La Liga

João Félix contraiu uma lesão no ligamento lateral interno do joelho esquerdo durante um treino, informou esta segunda-feira o Atlético de Madrid. "João Félix sofreu uma entorse do ligamento colateral medial de baixo grau do joelho …

"Agiu com responsabilidade, legalidade e integridade". Boris Johnson segura assessor

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, apoiou este domingo o seu principal conselheiro, Dominic Cummings, acusado de violar as regras de confinamento impostas para combater a pandemia covid-19, assegurando que o assessor agiu legalmente e com …

Dieselgate. Volkswagen condenada a indemnizar cliente

A justiça alemã condenou hoje a Volkswagen a indemnizar em parte um cliente que comprou um automóvel equipado com um motor diesel falsificado, numa sentença que deve influenciar dezenas de milhares de processos cinco anos …

Caso prazo das moratórias não seja alargado "terão de ser criadas outras medidas extraordinárias"

Caso as "as moratórias dos créditos não forem prolongadas, ou o Governo ou a Assembleia da República terão de criar outras medidas extraordinárias para as apoiar", disse a coordenadora do Gabinete de Proteção Financeira (GPF) …

Santuário de Fátima retoma no sábado celebrações com presença de peregrinos

O Santuário de Fátima vai retomar as celebrações com a presença de peregrinos a partir de sábado, garantindo as condições de segurança para o maior número de pessoas. O Santuário de Fátima, no concelho de Ourém, …

Ex-ministro da Saúde da Bolívia em prisão preventiva por suspeitas de corrupção

O ex-ministro da Saúde da Bolívia foi detido, na semana passada, por suspeita de corrupção na compra de ventiladores. O ex-ministro da Saúde da Bolívia, detido na última semana por suspeita de corrupção na compra a …

OMS considera cada vez mais improvável segunda grande vaga

A diretora do departamento de Saúde Pública da Organização Mundial de Saúde (OMS) afirmou hoje que é "cada vez mais" improvável uma segunda grande vaga do novo coronavírus, mas aconselhou muita prudência. Em entrevista à rádio …

Açores reabrem creches e jardins de infância. Aulas de 11.º e 12.º também em São Miguel

As respostas sociais, encerradas devido à pandemia, reabrem esta segunda-feira no Pico, Faial, Terceira e São Jorge, e na ilha de São Miguel são retomadas as aulas dos 11.º e 12.º anos para alunos inscritos …