A infidelidade vê-se nos rostos dos homens (mas não nos das mulheres)

Já era uma verdade aceite por muitos a ideia de que as mulheres conseguem esconder melhor a infidelidade do que os homens, mas agora uma nova pesquisa científica confirma-o, apontando que isso é evidente nos sinais do rosto.

A pesquisa feita por investigadores da Universidade da Austrália Ocidental apurou que se pode perceber se um homem foi infiel apenas por olhar para o rosto dele. Mas já o mesmo não se verifica com uma mulher infiel, cuja traição não é visível na sua cara.

A investigação publicada no jornal Royal Society Open Science colocou um grupo de 1500 pessoas a visualizar fotografias de 189 adultos (101 homens e 88 mulheres) que tinham respondido a um inquérito sobre se tinham sido infiéis aos seus parceiros.

Os participantes tiveram que classificar estas fotos, numa escala de 1 a 10, para definir a probabilidade de as pessoas retratadas terem traído os seus companheiros.

“Tanto homens como mulheres foram precisos na avaliação da probabilidade de enganar dos homens, mas não das mulheres“, concluem os investigadores, apontando que, desta forma, é possível concluir que a infidelidade pode ser “percebida” nos rostos masculinos.

O estudo visava avaliar se homens e mulheres poderiam detectar a infidelidade potencial em cada um dos géneros, mas também perceber se seria possível detectar um “traidor” dentro do mesmo sexo. E os resultados surpreenderam os investigadores.

“Os homens conseguiram detectar potenciais traidores entre outros homens, mas mesmo quando eram outras mulheres a avaliar, a fêmea da espécie era impenetrável“, concluem os autores da pesquisa, como cita o site científico Phys.org.

Os julgamentos de infidelidade nos homens foram feitos usando a “masculinidade facial, um sinal bem estabelecido de propensão para adoptar estratégias de acasalamento de curto prazo”, apontam ainda os investigadores.

Outra surpresa com que estes se depararam aponta para o facto de não serem necessariamente os homens mais bonitos os que traem mais.

“Surpreendentemente, embora os homens mais atraentes fossem classificados como mais infiéis, eram menos propensos a envolverem-se no “roubo” de parceiros” de terceiros, sustentam.

Apesar disto, não se devem retirar conclusões precipitadas para primeiros encontros, como repara o investigador Yong Zhi Foo em declarações à Agence France Press.

Embora pareça evidente que os homens têm mais probabilidades de revelarem a infidelidade com os traços do seu rosto, continua a ser difícil identificar um traidor só pela sua cara. “Se formos confiar apenas nas nossas primeiras impressões para detectar traidores ou trapaceiros, cometeremos erros substanciais”, alerta Foo.

SV, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Rússia adere definitivamente ao acordo de Paris

A Rússia assinou, esta segunda-feira, uma resolução governamental que consagra a adesão definitiva ao Acordo de Paris sobre redução de emissões de gases com efeito de estufa, assinado por 195 países. "O primeiro-ministro russo, Dmitri Medvedev, …

"Roubaram-me os sonhos e a infância", acusa Greta Thunberg na Cimeira do Clima

A jovem ativista sueca criticou, esta segunda-feira, os líderes mundiais pela inação face às alterações climáticas e acusou-os de lhe roubarem os sonhos e a infância. "Como é que se atreveram? Vocês roubaram-me os sonhos e …

Jerónimo frisa que passes de transportes mais baratos foram obra da CDU

O secretário-geral comunista vincou o papel do PCP e "Os Verdes" na redução dos preços dos passes dos transportes públicos, numa sessão pública com trabalhadores das empresas do setor, na estação de comboios de Santa …

Morte de menina de oito anos com bala perdida revolta Brasil

A morte de Ágatha Félix, uma menina de oito anos atingida, alegadamente, por uma bala perdida da polícia do Rio de Janeiro, está a provocar indignação no Brasil. Ágatha Felix tinha oito anos e foi baleada …

Nós, Cidadãos! defende mudanças na escolha do PGR para combater corrupção

O presidente do partido Nós, Cidadãos! defende mudanças na escolha do Procurador-Geral da República, afirmando que boa parte dos 42 mil milhões de euros que a corrupção custou aos portugueses se deveu à inoperância desta …

"Estranhos sintomas" que afligiam diplomatas em Cuba podem ter sido causados por pesticidas

A misteriosa origem dos estranhos sintomas (entre eles, zumbidos, tonturas, náuseas, perdas de audição e de memória e outras dificuldades cognitivas) que afligiram diplomatas canadianos e norte-americanos em Cuba entre 2016 e 2018 dever-se-á a …

Testes rápidos ao VIH já podem ser feitos em casa

A partir da próxima semana vai ser possível comprar nas farmácias autotestes ao vírus da SIDA para fazer em casa. Os resultados demoram apenas 15 minutos. As farmácias portuguesas vão começar a vender, a partir da …

Polícia dispara balas de borracha sobre manifestantes em Hong Kong

A polícia disparou no domingo balas de borracha em confrontos com manifestantes pró-democracia, em Hong Kong, perto de um centro comercial no qual causaram distúrbios. Pelo décimo sexto fim de semana de mobilização, milhares de manifestantes …

Portugal já paga juros mais baixos que Itália e Espanha, diz Costa

"Todos em Portugal estão hoje a viver melhor do que viviam há quatro anos", afirmou António Costa, durante uma ação de campanha do PS. António Costa disse, este domingo, que Portugal já está a pagar a …

Os últimos cinco anos foram os mais quentes de sempre

Um relatório das Nações Unidas revelou que, entre 2015 e 2019, foram atingidos níveis históricos. Desde 1850, as temperaturas aumentaram 1,1ºC. O período entre 2015 a 2019 é o mais quente alguma vez registado, indicou este …