Infarmed garante que morte de bailarina não foi culpa da pílula

carolina.tendon / Facebook

Carolina Tendon foi vítima de uma embolia pulmonar súbita

A família de Carolina Tendon, uma jovem bailarina vítima de uma embolia pulmonar súbita, suspeita de que a filha morreu por causa da Yasmin, uma pílula contraceptiva. O Infarmed garante que não há razões para alarme, nem para as mulheres deixarem de tomar a pílula.

Esta é a posição do organismo depois das suspeitas reveladas, na semana passada, por uma reportagem da TVI. Carolina Tendon, uma universitária de 22 anos, de Évora, morreu em Fevereiro de 2014, de uma súbita embolia pulmonar.

A jovem bailarina era saudável, não fumava, e tomava a pílula para controlar o acne, há cerca de dois anos, conforme dados divulgados pela sua irmã à TVI. Perante este quadro, a família suspeita dos resultados da autópsia, que indicam morte natural, e apoia-se num relatório da Unidade de Farmacovigilância do Sul, também divulgado pela TVI, que estabelece um possível ligação entre a morte e a pílula.

“A relação causal entre o medicamento suspeito e a reacção adversa ao medicamento notificada foi classificada pelo perito clínico como possível, por se tratar de uma reacção adversa descrita no resumo das características do medicamento e por ter uma relação temporal bem estabelecida”, salienta esse documento.

Perante isto, e contactado pelo Público, o Infarmed nota que não há “medicamentos isentos de riscos”, mas sustenta que “não existem razões para as mulheres pararem de tomar o seu contraceptivo”. E àqueles que têm dúvidas, o organismo aconselha a falarem com o seu médico assistente.

O Infarmed nota ainda, citado pelo Público, que em 15 anos, “foram notificados 35 casos de reacções adversas a esta pílula específica, sendo dois deles de morte”.Todavia, o organismo frisa que “não existe evidência” de “relação causal entre a toma do medicamento e a reacção adversa ou a sua consequência”.

A Bayer, a empresa farmacêutica que produz a Yasmin, foi igualmente contactada pelo Público e refere que os “eventos adversos reportados não têm necessariamente uma relação causal directa com o medicamento”.

A empresa acrescenta que os contraceptivos orais, especificamente a pílula em causa, são dos “medicamentos mais estudados de forma sistemática e mais largamente utilizados na actualidade”, e nota que a Yasmin tem “um perfil benefício-risco favorável”.

Esta pílula é considerada de terceira geração, afirmando-se que acarreta menos riscos para quem a utiliza.

ZAP

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Deviam estudar bem melhor os sintomas das pílulas. Experimentei diversas marcas de pílula por causa dos sintomas, a minha médica dizia que não havia nada a fazer, mas que com o tempo iria passar.
    Só depois de parar de a tomar é que me apercebi de todo o mal que me andava a fazer: desde dores de cabeça constantes, a irritabilidade com tudo e todos, a falta de apetite sexual…
    Agora sou outra, certo ando com mais borbulhas… mas ando muito mais bem disposta!!!!

  2. Pois, o mesmo se passa com as vacinas… É muito difícil atribuir algo tão mau a uma coisa que , presumivelmente, não faz mal nenhum! Dizem eles!…
    Cada vez mais me apercebo que só lhes interessa os €uros.

  3. O que acontece é que as pilulas são produzidas para um tipo, e nós os seres umanos, somos de tipo diferente, o que me faz bem a mim faz mal a outros, eu não posso tomar pilula nenhuma, e muitas mulheres não podem, e as empresas farmaceiticas sabem mas o que está em causa são os euros.

RESPONDER

Harvey Weinstein perto de chegar a acordo de 22 milhões de euros com vítimas

O produtor, acusado de vários casos de abusos sexuais a atrizes e funcionárias, terá chegado a um acordo de 22 milhões de euros com 30 atrizes que o processaram. O acordo exige a aprovação do tribunal …

"A minha militância é já longa, nunca tive padrinhos" na política, diz Miguel Pinto Luz

O candidato à liderança do Partido Social Democrata (PSD), Miguel Pinto Luz, disse que o financiamento para a campanha vem de si próprio e de outros militantes. Afirmou que não recusa apoios de quem quer …

Nu num cavalo branco e de saltos altos. Retrato de Emiliano Zapata gera indignação no México

Centenas de manifestantes invadiram o Palácio de Belas Artes do México, na passada terça-feira, por causa de um retrato do general Emiliano Zapata (1879-1919), considerado um herói revolucionário no país. A obra, pintada pelo artista …

Felipe VI designa Sánchez como candidato a formar o próximo Governo

O Rei de Espanha designou, esta quarta-feira, em Madrid, o secretário-geral do PSOE e primeiro-ministro em funções como candidato a chefe do próximo Governo, anunciou a presidente do Parlamento. "Sua majestade o Rei [...] comunicou-me a …

No Porto, há um painel publicitário que recicla tanto ar como 230 árvores

O painel publicitário da Volvo, instalado na fachada de um prédio entre a Avenida da Boavista e a Rua 5 de Outubro, no Porto, é mais do que publicidade. A tela ajuda a reciclar o …

Governo recua e deixa cair proposta sobre perda de férias em caso de baixa prolongada

O Governo recuou e deixou cair a proposta apresentada aos sindicatos que previa que os funcionários públicos mais antigos que estivessem de baixa prolongada perdessem dias de férias, disse esta quarta-feira o líder da Fesap, …

Marta Temido recusa ser "refém" de Centeno e anuncia maior concentração de Urgências até ao verão de 2020

"Eu nunca me senti refém [de Mário Centeno]. Tenho alguma dificuldade nessa leitura. Este reforço de meios também permitirá injetar mais confiança no sistema e criar respostas. Mas não considero que tenho estado refém do …

IVA da luz. Proposta do Governo foi afastada há um ano porque "não tinha enquadramento legal"

Em 2018, o Bloco de Esquerda apresentou a proposta da taxa reduzida do IVA da luz para um primeiro escalão de consumo. O Governo não fez o pedido a Bruxelas - como fez agora -, …

Nenhum dos treinadores do FC Porto ou Belenenses relatou agressões à PSP

Nem Sérgio Conceição nem Pedro Ribeiro mencionaram uma eventual agressão nas suas declarações à polícia. O treinador portista deverá ser ilibado de qualquer acusação. No domingo, os treinadores de FC Porto e Belenenses, Sérgio Conceição e …

Estado não cumpre os requisitos mínimos que criou para os cuidados paliativos

A maioria das equipas de cuidados paliativos do SNS não tem cumprido os requisitos mínimos definidos pelo próprio Estado. Há uma grave falta de profissionais nesta área. Os cuidados paliativos em Portugal têm vindo a regredir …