INEM compromete agentes da PSP no caso das agressões na Cova da Moura

O INEM garante que a notícia de que os médicos e enfermeiros que transportaram os jovens da Cova da Moura, vítimas de agressões da PSP de Alfragide, registaram os ferimentos como “quedas acidentais” é um “equívoco” e mostra documentos que comprometem a polícia.

O Diário de Notícias reportou neste domingo que os elementos do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) que socorreram os jovens agredidos, em 2015, registaram “queda acidental” como a causa dos ferimentos, tendo por base os formulários de entrada na urgência.

Mas o INEM assegura que aquela versão se trata de um “equívoco”, cita a RTP, que teve acesso às fichas de assistência médica a cinco dos jovens agredidos por elementos da PSP de Alfragide.

De acordo com o canal público, a referência a queda só consta da ficha dos bombeiros da Amadora, enquanto as fichas do INEM incluem todas notas de “agressão”.

Um dos socorristas da Amadora que acudiu aos jovens apontou que a “queda acidental” lhe teria sido referida pela própria vítima, um jovem de 23 anos que recusaria ser avaliado e que estaria acompanhado, tal como os demais, por escolta policial.

Nas fichas do INEM, de acordo com a mesma fonte, está apontado que uma das vítimas sofreu agressões com “socos e pontapés” e que estava “algemada”, enquanto noutro caso surge a nota “baleado com bala de borracha”.

Bloco pede investigação ao INEM

Entretanto, o Bloco de Esquerda solicitou ao Ministério da Saúde que avance com uma investigação para saber se o INEM omitiu ou falseou informações neste caso de violência policial que ocorreu em 2015 e que, só agora, levou o Ministério Público a avançar com a acusação por crimes de tortura e de racismo contra 18 polícias.

Para os bloquistas, deve-se “investigar a intervenção do INEM neste caso concreto” porque não se pode “deixar de questionar a veracidade e a fiabilidade destes registos”.

ZAP //

1 COMENTÁRIO

  1. Os médicos e os enfermeiros do INEM, que socorreram os jovens da Cova da Moura, registaram os ferimentos como quedas acidentais, mas o INEM (?quem?) considera que é um equívoco. Será que ZAP podia explicar melhor esta situação? E explicar também onde o autor da notícia recorreu para conseguir garantir que os jovens foram “vitimas de agressões da PSP de Alfragide”? À sentença do processo judicial? Mas o julgamento já se realizou? Ou será que se está a replicar uma notícia “politicamente correcta” para fazer esquecer a tragédia de Pedrogão e a anomalia de Tancos?

RESPONDER

O veterano da 2ª Guerra que inspirou Dunkirk viu o filme - e chorou

O filme Dunkirk está a superar todas as expetativas: além de liderar nos EUA está a ter uma excelente aceitação nos mercados internacionais e Portugal não é exceção. No entanto, a aprovação de um espetador “especial”, …

Escândalo de fuga de informação confidencial provoca crise no Governo sueco

O primeiro-ministro da Suécia, o social-democrata Stefan Löfven, anunciou esta quinta-feira que os ministros do Interior, Anders Ygeman, e Infraestruturas, Anna Johhansson, vão deixar o Executivo após o escândalo provocado no país pela fuga de …

Rússia terá usado perfis falsos no Facebook para espiar campanha de Macron

A Agência Reuters noticia que agentes secretos russos tentaram espiar a campanha de Macron, para as eleições francesas. Como? Criando perfis falsos para se fazerem "amigos" de membros da campanha. Agentes ligados aos Serviços Secretos russos …

Cientistas chineses desenvolvem possível inibidor do vírus Zika

Uma equipa de investigadores chineses desenvolveu um possível inibidor do vírus Zika baseado em moléculas, que foi testado em ratos e poderá ajudar a combater a propagação do vírus entre seres humanos. Segundo o jornal Shanghai …

Fundador da Amazon ultrapassou Bill Gates e é o novo homem mais rico do mundo

O fundador da Amazon, Jeff Bezos, tornou-se nesta quinta-feira pela primeira vez no homem mais rico do planeta, com uma fortuna que supera 90 mil milhões de dólares. De acordo com a revista "Forbes", que …

Augusto Inácio esteve retido nas instalações do Zamalek e teve que recorrer à embaixada poortuguesa

O treinador português esteve impedido de sair das instalações do Zamalek, no Egito, por seguranças do clube, tendo sido obrigado a pedir auxílio à representação portuguesa no Cairo - que interveio prontamente. No final, ficou …

Fumar pode aumentar a sensibilidade ao stress

Fumar pode aumentar a sensibilidade ao stress, revela um estudo feito em cobaias pelo Centro Nacional para a Pesquisa Científica da França (CNRS) e publicado nesta terça-feira na revista “Molecular Psychiatry“. Contrariando a ideia popular que …

Índia: Criança de dez anos pede para abortar

O Supremo Tribunal indiano aceitou estudar o caso de uma criança de 10 anos, grávida de 26 semanas, cujos pais pediram autorização para fazer um aborto fora do prazo legal. Vários médicos vão examinar a …

Criança inglesa desaparecida na Praia da Luz foi encontrada

Uma criança de nacionalidade inglesa esteve desaparecida desde o início da tarde desta quinta-feira na praia da Luz, em Lagos, Algarve, estando as autoridades policiais a efetuar buscas sobre o seu paradeiro, disse à Lusa …

Nova tecnologia permite extrair energia cinética aos veículos e transformá-la em energia elétrica

Uma equipa que envolve especialistas do Porto, de Lisboa e de Coimbra está a desenvolver uma tecnologia para ser aplicada na superfície de pavimentos rodoviários, que permite extrair energia cinética aos veículos e transformá-la em …