Revista Science elege primeira imagem real de um buraco negro como avanço científico do ano

EHT Collaboration

A primeira fotografia de um buraco negro

A revista Science elegeu a primeira imagem real de um buraco negro, revelada a 10 de abril, como o avanço científico de 2019.

A Science elegeu a primeira imagem real de um buraco negro como o avanço científico de 2019, no qual esteve envolvido o astrofísico português Hugo Messias.

Justificando a escolha, o editor de notícias da revista, Tim Appenzeller, disse, citado num comunicado divulgado esta quinta-feira, que se trata de “um feito surpreendente da tecnologia e de uma equipa” de cientistas. O feito foi distinguido em novembro, nos Estados Unidos, com o Prémio Breakthrough, no valor de 2,7 milhões de euros.

A imagem da silhueta do buraco negro, situado no centro da galáxia Messier 87, na constelação Virgem, a 55 milhões de anos-luz da Terra, foi obtida graças a uma rede de oito radiotelescópios em várias partes do mundo. Hugo Messias, investigador do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço, participou nas observações a partir do Chile, com o radiotelescópio ALMA.

Até à divulgação da imagem da sombra deste corpo denso, do qual nem a luz escapa, só havia imagens artísticas de buracos negros.

Na imagem, o buraco negro, que tem uma massa 6,5 milhões de vezes superior à do Sol, surge envolto por um anel de gás quente e luminoso – matéria incandescente no estado de plasma.

“O diâmetro do anel revela que no interior existe um corpo extremamente ‘massivo’. Não só isso, mas pela assimetria, por essa morfologia ter permanecido igual ao longo da campanha de observação e pela existência de um jato a sair das suas redondezas”, explicou anteriormente à Lusa Hugo Messias, assinalando que o objeto “está a rodar no mesmo sentido que a matéria incandescente em volta”.

A sombra do buraco negro é o mais próximo do buraco negro em si que é possível captar em imagem, uma vez que este é um corpo denso e totalmente escuro e, portanto, não se vê.

O termo buraco é enganoso, pois não existe qualquer buraco. O que se passa é que “qualquer matéria que se aproxime para lá da última órbita de fotões [partículas de luz] não regressará, dando a impressão que caiu para um poço sem fundo”, esclareceu Hugo Messias.

Ao todo, mais de 300 cientistas de diversos países estiveram mobilizados nas observações e no tratamento de dados. A “fotografia” foi obtida a partir de dados recolhidos em 2017 das observações feitas no comprimento de onda rádio.

Além de inédita, a imagem permitiu comprovar mais uma vez a Teoria da Relatividade Geral, de 1915, do físico Albert Einstein, que postula que a presença de buracos negros, os objetos cósmicos mais extremos do Universo, deforma o espaço-tempo e sobreaquece o material em seu redor.

O buraco negro foi batizado de Powehi. A palavra – que tem raízes em “Kumulipo”, o poema épico da antiga religião havaiana – significa “a obscura fonte embelezada da criação infinita” e foi proposta pelo professor de línguas da Universidade do Havaí em Hilo, nos Estados Unidos, Larry Kimura.

Em comunicado, a instituição explica que o objeto espacial foi batizado com um nome havaiano porque dois dos telescópios que foram utilizados para a descoberta localizam-se no território deste estado norte-americano.

A revelação da “foto” permitirá aprofundar a investigação sobre a natureza dos buracos negros, que “habitam” os centros das galáxias, e perceber melhor como as galáxias se formaram.

  ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Otamendi e Vertonghen disputam a bola com Lewandowski

Benfica 0-4 Bayern | Primeiro a ilusão, depois o rolo bávaro

A ilusão durou 70 minutos. Ao longo de toda a partida, o Bayern foi melhor, criou inúmeros lances de golo, viu dois anulados, acertou no ferro, Vlachodimos fez defesas importantes, mas o Benfica deu luta, …

China quer punir pais de crianças mal-educadas

O regime chinês está a analisar um projeto de lei que prevê que os pais possam ser punidos se os seus filhos exibirem um mau comportamento ou cometerem crimes. De acordo com a agência Reuters, o …

Rui Moreira com Francisco Rodrigues dos Santos e Carlos Moedas

Rui Moreira promete manter a "identidade do Porto" e concluir os projetos que a pandemia atrasou

O presidente da Câmara Municipal do Porto tomou posse, esta quarta-feira, e comprometeu-se a "tudo fazer" para manter a identidade do Porto e a concluir os projetos que a pandemia atrasou. "Quero concluir os projetos que …

Já há um medicamento para tratar a covid-19 em casa (e vários países assinaram acordos de compra)

Países asiáticos já estão na luta pelo novo comprimido antiviral, cujo uso ainda nem sequer foi autorizado, contra a covid-19. Países da região asiática estão já a fazer encomendas da mais recente arma contra a covid-19: …

A Facebook vai implementar uma nova estratégia e o nome vai ser das primeiras coisas a mudar

As últimas semanas têm sido tumultuosas para a empresa de Mark Zuckerberg, que se viu confrontada com os testemunhos de antigos trabalhadores no Senado norte-americano. As notícias da última semana que resultaram do testemunho, no Senado …

Cadetes da Escola Naval investigados por alegados comportamentos abusivos

A Marinha está a investigar uma denúncia sobre alegados comportamentos abusivos entre cadetes da Escola Naval. "A Marinha informa que hoje, 19 de outubro, teve conhecimento de uma denúncia sobre alegados comportamentos abusivos praticados entre cadetes …

Índia. "Montanha de lixo" que garante sobrevivência de pobres será substituída por estação de tratamento

As "montanhas de lixo" das cidades da Índia em breve serão substituídas por estações de tratamento de detritos. A maior de todas — equivalente a um prédio de 18 andares — garante a sobrevivência de …

Candidatura de Nuno Melo acusa direção de não facultar cadernos eleitorais e de sanear senadores

A candidatura de Nuno Melo à liderança do CDS-PP acusou, esta quarta-feira, os opositores de não facultarem os cadernos eleitorais nem possibilitarem a fiscalização da eleição de delegados ao congresso, apontando também a substituição de …

Bolsonaro acusado de nove crimes pela comissão de inquérito sobre gestão da pandemia

O relatório apresentado, esta quarta-feira, na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Senado brasileiro pede o indiciamento do Presidente por nove crimes durante a pandemia de covid-19. No texto, com mais de 1200 páginas, pede-se que …

Duas vendedoras num mercado japonês

Da noite para o dia, Japão tornou-se uma história "covidiana" de sucesso

Em meados de agosto, o Japão atingiu o pico de 6.000 casos diários de covid-19. Quase do dia para a noite, o país asiático observou, espantosa e inesperadamente, uma queda acentuada no número de infeções. …