A Humanidade vai autodestruir-se muito antes de o Sol nos “queimar”, diz cientista

SDO / NASA

Há uma teoria que prevê que daqui a milhares de milhões de anos o Sol irá destruir o nosso planeta. No entanto, um cientista da Universidade de Harvard afirma que a própria Humanidade vai morrer muito antes desse evento.

O Sol queima 600 milhões de toneladas de hidrogénio e transforma-as em hélio dentro do seu núcleo a cada segundo. Quando o núcleo fica saturado, a estrela encolhe, fazendo com que as reações de fusão nuclear dentro dela acelerem. É por isso que o Sol descarrega mais energia e brilha cada vez mais.

A cada mil milhões de anos, o Sol torna-se 10% mais brilhante, o que significa que dentro de 3,5 mil milhões de anos a nossa estrela será capaz de ferver os oceanos da Terra, derreter as camadas de gelo e matar toda a vida existente.

Os primeiros a serem engolidos pelo Sol são Mercúrio e Vénus. Só depois, pouco antes de atingir o seu tamanho e luminosidade máximos, engolirá a Terra.

Avi Loeb, presidente do Departamento de Astronomia da Universidade Harvard, nos Estados Unidos, propõe várias soluções para evitar o iminente desaparecimento da Humanidade.

O seu plano é deslocar a Humanidade para outras partes do Universo que sejam mais distantes do brilho vacilante do Sol. No entanto, o cientista considera que os humanos têm de se tornar independentes dos planetas e satélites existentes. Por isso, propõe o fabrico de “uma estrutura gigantesca capaz de nos afastar para uma distância orbital a qualquer momento”.

Segundo o especialista, a Humanidade precisa de “ponderar a possibilidade de realizar viagens espaciais fora do Sistema Solar“. Uma vez assegurada uma forma de viajar para outros planetas e luas, o próximo passo seria fazer cópias geneticamente idênticas de humanos e de “flora e fauna” para plantar noutros planetas vivos.

“A solução de longo prazo para as nossas ameaças existenciais não é manter todos os ovos numa única cesta”, resumiu, citado pela Sputnik News.

Ainda assim, Loeb não tem certezas de que a Humanidade vai desaparecer por culpa de um Sol que se expande. “Estou inclinado a acreditar que a nossa civilização desaparecerá como resultado de feridas autoinfligidas, muito antes que o Sol represente uma ameaça previsível”, escreveu num artigo publicado no Scientific American.

“Por que acredito nesta hipótese? Porque o silêncio morto que ouvimos tão longe dos numerosos exoplanetas habitáveis pode indicar que as civilizações avançadas têm vidas muito mais curtas do que as suas estrelas anfitriãs”, argumentou o cientista de Harvard.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

27 COMENTÁRIOS

  1. DESDE MEUS 11 ANOS QUE ACHAVA BEM QUE ERA ISSO QUE ACONTECERIA.
    OS PLANETAS VÃO SE TRANSFORMANDO, ENERGETICAMENTE FALANDO, À MEDIDA QUE SÃO ATRAÍDOS PARA O SOL,E JULGO QUE AINDA VEREMOS ISSO ACONTECER COM ALGUMA PLANETA, OU PELO MENOS VIREMOS A SABER

    • A palavra previsão quer dizer alguma coisa, meteorologia não é uma ciência exacta como quase toda a ciência é baseada em previsões, factos e teorias mas todas elas tendo uma base científica bem estudada e desenvolvida, mas o muito que nos falta aprender define o quanto consegui-mos acertar!!

          • Ora bem ukue, a ciência de hoje diz, escreve, faz e inventa o que o seu patrão mandar, por isso hoje não temos ciência temos uma pseudo-ciência que anda a lançar alarmismos, negatividade, nada nem nenhum problema resolve, é só ver como o mundo anda à beira do abismo.
            Ainda esta semana o Boletim Meteo enfiou os pés pelas mãos, falhou em mais de 5º C a previsão para o dia e previu chuva mas fez sol.
            Cientistas como no tempo de Hipócrates e da Vinci já não existem, hoje temos cientistas merdistas sem talento algum para o ofício. É ver o judeu cientista Einstein baladado como grande cientista com suas teorias da treta que afinal de contas hoje já ninguém lhe dá crédito, pelo menos os que ainda têm alguma credibilidade.
            E mais, que dizer dos cientistas da atualidade que ora dizem que a terra é plana, ora redonda, ora quadrada e mais umas quantas formas.
            Oh ciência vai dar uma curva mais teus seguidistas babados.
            E para acabar, o dia que a tecnologia toda desaparecer aí é que aparece a verdadeira libertação da Humanidade, até lá vivemos todos numa escravatura.

        • É maravilhoso o obscurantismo ainda reinante. Por não se acertar na previsão meteorológica (hoje cada vez mais exata, quase ao minuto, por sinal) tudo é charlatanismo. Desculpe o comentário, mas parece estar a confundir Astronomia com Astrologia… “Quase toda a ciência é baseada em previsões…”, ridículo – isso é a antítese do que é a Ciência, sabia?

  2. Ora aqui temos a “explicação” do Aquecimento Global que tanto “alarido” e tanta “mediatiazação” e “befeficios” tem trazido às pesonagens sinistras do Planeta, ignoirantes mas ávidas da Ribalta!

    O Sol está a expandir-se e logo aquece mais o Plantea. Simples, trivial e cristalino como a agua.
    Mas, não é só esse problema que nos levará a extinção, alias estão em marcha muitos e variados mecanismos que levarão á extinção da Raça Humana, e não durará muito tempo, talvez 20, 30 Anos. EU sei quais são, tenho “estudado” as coisas, mas vou guradar “segredo” é a minha vingança à raça Humana Tuga que me arruinou a minha vida!

    • A “raça Humana Tuga” arruinou a tua vida? Está explicada a razão pelos teus comentários idiotas sem fim nas últimas semanas. É mesmo só para chatear a restante “raça Humana Tuga” e destilar frustrações.

      No entanto, pelo teu tipo de conversa, é mais certo que tenhas feito porcaria e agora estás a tentar arranjar um bode expiatório para a tua triste e ignorante existência.

      Quanto mais depressa concluíres que a culpa foi tua e não da “raça Humana Tuga”, melhor para ti e para todos.

  3. Nem o Sol tem o poder da humanidade. Não vamos ter de esperar pelo aumento da temperatura do Sol, pois nem sequer pensando em impactos, estamos bem no caminho de auto-extinção em cerca daqui a cem anos, provavelmente a primeira vez na história do universo que uma espécie se auto-aniquila com insuficiente inteligência e por puro egoísmo. Que nem aquele gato curioso.

    • na verdade a probabilidade de outra raça ter de auto aniquilado por egoísmo mesmo tendo inteligência é matematicamente falando 100%
      original seria dominar todo o universo ou extinguir toda a existência

  4. Sinceramente a única coisa que destruirá a humanidade são ‘cientistas’ desta estirpe, que mais não passam de ilusionistas ou feiticeiros que preconizam teorias e nunca as provam na prática. Este tipo de artigo ajuda em tudo para a extinção da humanidade ao nos iludir acerca da nossa criação e propor uma evolução impensável e improvável, que inconsebivel mesmo, duma explosão ou dum Big Bang.
    Abram a pestana, teorias à muitas, e para todos os gostos, mas so algumas aparecem nos média… Curioso não!?!

  5. A vdd é que a raça humana já está se extingindo, já está mostrando que o planeta está se limitando de seus atributos naturais, nada pra ser humano está bom, sempre querendo mais e mais, pra simples prazer do eu posso. E daqui pra frente sera mais difícil mto mais difícil, irá ficar somente o ar de que melhorou, mas não o mundo está se afundando por causa da ignorância e ganância humana. Cienstistas pode até disser coisas que possa acontecer, mas eles realmente não sabem do dia do amanhã

  6. O dia que a internet do meu celular pegar com qualidade na rua da minha casa, Vou voltar aqui e dar minha opinião sobre quando vamos poder sair do planeta e sobreviver… enquanto isso a ciência resolve a questão do sinal de rede na minha rua.

    • E quem disse que a falta de qualidade do sinal da Internet da tua rua é um problema de ciência?
      Quando muito, será um problema de más infraestruturas, mau planeamento, falta de conhecimento ou até preguiça!!

RESPONDER

Marcelo começa a despedir-se da emergência e passa a bola ao Governo

Depois do 15.º estado de emergência e com a situação mais controlada, o Presidente da República entende que o ideal é o Governo começar a procurar alternativas legais. Marcelo Rebelo de Sousa espera que o 15.º …

EDP abdicou de decisão do Fisco antes de vender barragens

A EDP abdicou de uma prerrogativa prevista na lei que permitia à Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) abrir um procedimento de inspeção prévio antes de concluir a venda das seis barragens ao consórcio francês da …

O chapim-real tem uma cultura (e os "imigrantes" mudam-na para melhor)

Uma equipa de cientistas da Universidade de Konstanz e do Instituto Max Planck, na Alemanha, descobriu que os chapins-reais são capazes de mudar a sua cultura para se tornarem mais eficientes. Nos animais, "cultura" é qualquer comportamento …

Cabrita promete "as mais profundas transformações" na PSP, GNR e SEF

O ministro da Administração Interna disse esta terça-feira que as reformas que o Governo está a fazer na PSP, GNR e SEF são "as mais profundas transformações" realizadas nas forças de segurança "desde há …

Medina diz que o comportamento de Sócrates "corrói o funcionamento da vida democrática"

Os dirigentes socialistas têm estado num silêncio sobre o caso José Sócrates. Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, reagiu, afirmando que a acusação do juiz de instrução Ivo Rosa é de "enorme gravidade …

Investigadores da Microsoft sugerem que todo o Universo é um "computador autodidata"

Uma equipa de físicos teóricos, que estão a trabalhar com a Microsoft, acredita que todo o Universo é um sistema de autoaprendizagem de leis evolutivas. Chamado de "The Autodidactic Universe" ("O Universo Autodidata"), o artigo argumenta …

Marte não secou de uma vez. Em vez disso, passou por vários ciclos de "vida e morte"

As preciosas capturas da Curiosity no Monte Sharp, localizado dentro da cratera Gale, permitiram aos cientistas identificar as condições climáticas de Marte no passado. Tudo graças às assinaturas que deixaram nas rochas e que agora …

Neuralink divulga vídeo de macaco a jogar videojogo com a mente

A Neuralink, empresa de implantes cerebrais do empresário Elon Musk, divulgou na quinta-feira um vídeo que mostra a tecnologia a funcionar em macacos. No vídeo, um cientista da Neuralink explica a forma como a empresa implantou …

Obra de Paula Rego vai a leilão com estimativa de um milhão de libras

A obra “The Aunt (Nada)”, da pintora portuguesa Paula Rego, vai ser leiloada pela Phillips, em Londres, na quinta-feira, com uma estimativa de venda entre 800 mil e 1,2 milhões de libras (922 mil a …

Minerar bitcoin na China vai gerar mais emissões de carbono do que as de toda a República Checa

Um novo estudo estima que o processo de mineração de bitcoin na China poderá gerar em breve 130,50 milhões de toneladas de emissões de carbono por ano (mais do que a produção anual de toda …