Hospitais venezuelanos em “emergência humanitária” por falta de materiais e medicamentos

chavezcandanga / Flickr

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro

A Associação Venezuelana de Clínicas e Hospitais (AVCH) pediu às autoridades que declarem o setor em “emergência humanitária” devido à “grave falta” de equipamentos, matérias-primas e medicamentos, alertando que mais de 6 mil pacientes esperam por operações.

“Estamos a passar por uma crise humanitária. Trata-se da vida de seres humanos, de doentes. A saúde não tem ideologia [política] e estamos obrigados a atender todos. (…) O problema no setor saúde é extremamente grave. Há mais de seis mil pacientes à espera para serem operados”, descreve Cristino García Doval, presidente da AVCH.

O responsável afirma que o problema da carência de matérias-primas deriva da enorme dívida com fornecedores estrangeiros que abastecem 90% dos materiais e fármacos usados pelo setor, cujo pagamento tem sido dificultado pelas leis cambiais vigentes no país.

“Acumulámos uma dívida, na área de matérias-primas, que está à volta dos 363 milhões de dólares (272,9 milhões de euros) e na área dos fármacos, drogas e produtos terminados a dívida ascende a 970 milhões de dólares (729,3 milhões de euros). Isso motivou o fim do crédito e a perda de credibilidade”, declarou.

Segundo a AVCH, em julho passado foi entregue ao parlamento venezuelano um extenso relatório sobre a situação, que continha ainda detalhes sobre as preocupações do setor.

Desde 2003 que vigora na Venezuela um apertado sistema de controlo cambial que impede a livre obtenção de moeda estrangeira no país, obrigando os importadores a recorrerem ao Centro Nacional de Comércio Exterior, a fim de obterem autorização para aceder a dólares para pagar as importações.

São cada vez mais frequentes as queixas de cidadãos de dificuldades para conseguir medicamentos para várias doenças e dos laboratórios sobre atrasos na atribuição de dólares para conseguir as matérias-primas.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Sem padrinhos, nem donos". Líder da JP levanta congresso centrista

O candidato à liderança do CDS Francisco Rodrigues dos Santos arrancou este sábado no congresso centrista, que está a decorrer em Aveiro, a maior ovação dos delegados, com um discurso inflamado, em defesa de um …

Quando chegaram à Europa pela primeira vez, as batatas eram "hereges"

Os espanhóis foram os primeiros europeus a encontrar batatas na América do Sul nos anos 1530. Porém, quando foram trazidas para o Velho Continente, não foram bem recebidas por todos. Depois de terem sido encontradas pelos …

Ano vai ser "inevitavelmente" de contestação social, avisa CGTP

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, disse esta sexta-feira que este ano vai ser “inevitavelmente” de contestação social se o Governo e as empresas continuarem a insistir num modelo de baixos salários. O líder da intersindical …

Maior ameaça ao crescimento português vem de Espanha

Diz o ditado popular que de Espanha nem bom vento, nem bom casamento. Mas, na verdade, o crescimento económico do país vizinho tem contribuído para puxar pela economia portuguesa. Agora, quando se prevê um abrandamento …

Cabo Verde esteve sem Internet durante 24 horas

O arquipélago de Cabo Verde voltou a ter acesso à Internet na tarde desta sexta-feira, cerca de 24 horas depois de uma instabilidade provocada por falhas no fornecedor internacional do serviço. O país tinha ficado sem …

Ventura em operação de charme no Porto depois de um atraso muito criticado no Parlamento

O deputado André Ventura, eleito pelo Chega, tem agendada para este sábado uma verdadeira operação de charme no Porto, com encontros com o presidente da Associação Comercial do Porto e com apoiantes do partido. Iniciativas …

Assistente social acusada de maltratar 14 crianças em centro de acolhimento

O Ministério Público (MP) acusa uma mulher de 46 anos, que era assistente social e diretora técnica de um centro de acolhimento na Maia, no distrito do Porto, de maltratar 14 crianças nesta instituição. De …

Marcelo não vê razão de preocupação com empresas portuguesas de Isabel dos Santos

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse esta sexta-feira ter sinais de que não há razão para preocupação nos setores económicos e empresas portuguesas nas quais a Isabel dos Santos está a vender …

Mina de lítio em Montalegre. "Impactes negativos minimizáveis” e 370 empregos

O Estudo de Impacte Ambiental (EIA) da concessão de exploração de lítio, em Montalegre, conclui que o projeto possui “impactes negativos” que, no entanto, “não são significativos”, “são minimizáveis” e de “abrangência local”. O EIA do …

Cristas faz o mea culpa e abandona o congresso. Corrida à sucessão faz-se a cinco

O 28.º congresso nacional do CDS arrancou este no Parque de Feiras e Exposições de Aveiro com o discurso da líder demissionária Assunção Cristas, que fez uma espécie de mea culpa e agradeceu aos centristas …