Cientistas criaram por acidente híbrido de dois peixes em vias de extinção

Cientistas criaram, por acidente, um peixe híbrido a partir de dois que já existem no reino animal: o esturjão russo e o peixe-espátula.

De acordo com o site Live Science, cientistas húngaros criaram, por acidente, um peixe híbrido de duas espécies em vias de extinção, o esturjão russo (Acipenser gueldenstaedtii) e o peixe-espátula (Polyodon spathula).

“Nunca quisemos brincar com a hibridação. Foi absolutamente não intencional”, disse ao jornal New York Times Attila Mozsár, investigador do Instituto de Pesquisa de Pesca e de Aquacultura da Hungria.

Segundo o jornal norte-americano, as duas espécies partilharam um ancestral em comum há 184 milhões de anos. Agora, os cientistas também descobriram que são capazes de procriar. As conclusões podem ser lidas no artigo publicado na revista científica Genes.



A equipa estava a tentar gerar, em cativeiro, novos espécimes do esturjão russo através da ginogénese, um tipo de reprodução assexuada na qual um espermatozóide desencadeia o desenvolvimento de um óvulo, mas falha em fundir-se ao núcleo do mesmo. Isto significa que o seu ADN não é incluído nas crias que resultam deste processo, desenvolvendo-se apenas a partir do ADN materno.

Os investigadores estavam a usar esperma do peixe-espátula no processo e foi então que o inesperado aconteceu. O esperma e o óvulo fundiram-se, resultando em descendentes com os genes dos dois peixes.

De acordo com o mesmo site, que cita o jornal norte-americano, nasceram centenas de espécimes, mas apenas cem sobreviveram até agora. Todos são carnívoros, como o esturjão russo, e compartilham o nariz mais redondo deste peixe, em comparação com o nariz pontiagudo do peixe-espátula.

Mozsár e o resto da equipa querem cuidar destes peixes, mas asseguram que não planeiam criar mais nenhum, uma vez que o híbrido poderia superar o esturjão nativo na natureza, o que só faria piorar as suas hipóteses de sobrevivência.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Anda-se a criar muitas coisas por acidente e muitos acidentes está a humanidade a apanhar, possivelmente anda-se a mexer demais naquilo que se não deve.

RESPONDER

Cientistas criam hologramas que se movem pelo ar

Uma equipa de cientistas da Universidade Brigham Young, nos Estados Unidos, conseguiu desenvolver um holograma que projeta imagens em movimento. Se é fã de Star Treck, ficará impressionado com a mais recente inovação. Um grupo de …

Gangue detido por falsificar a especiaria mais cara do mundo

As autoridades espanholas detiveram um gangue que fazia milhões de euros por ano a falsificar a especiaria mais cara do mundo: o açafrão. Os 17 membros da quadrilha foram detidos na região de Castela-Mancha. Os criminosos …

Santuário medieval recebe escultura em pedra que usa máscara contra a covid-19

Uma catedral histórica do Reino Unido renovou um santuário do século XIV, acrescentando um detalhe que coloca em evidência o momento pandémico que o mundo vive. Agora, a nova escultura está a usar uma máscara …

Aos 10 anos, Adewumi chegou à elite mundial do xadrez (e fugiu ao Boko Haram)

Tanitoluwa Adewumi foi perseguido pelo Boko Haram, fugiu da Nigéria e foi sem-abrigo nos Estados Unidos. Agora, com apenas 10 anos, chegou à elite mundial do xadrez. Grande Mestre é um dos títulos vitalícios concedidos pela …

Hegemonia económica da China cada vez mais longe. Queda demográfica coloca Pequim sob pressão

O objetivo do país é tornar-se na maior potência económica do mundo nos próximos anos, mas a corrida pela hegemonia - disputada com os EUA - pode não ser uma meta fácil de alcançar. O …

Miss Universo 2021. Concorrente da Singapura usa roupa com o slogan "Stop Asian Hate"

Bernadette Belle Ong, uma concorrente do Miss Universo 2021, vestiu uma roupa com as cores de Singapura que continha as palavras Stop Asian Hate ("parem com o ódio contra os asiáticos"). Bernadette Belle Ong aproveitou o …

A Índia está a tornar quase impossível a vacinação dos sem-abrigo

A Índia está a dificultar o processo de vacinação dos sem-abrigo, uma vez que o programa requer um número de telemóvel e uma morada residencial. Muitas pessoas não têm nem um, nem outro.  Na Índia, quase …

Violência contra as mulheres é "uma pandemia", alerta ONU

Uma década após a criação da Convenção de Istambul, o marco dos tratados de direitos humanos para acabar com a violência de género, as mulheres enfrentam um ataque global aos seus direitos e segurança, alertaram …

Já se sabe qual a ocasião mais perdida do ano devido à pandemia (e há uma campanha para compensar)

Tomar um café com um amigo ou um familiar é o momento mais perdido do último ano devido à pandemia de covid-19. Nos últimos 12 meses, e em todas as cidades europeias, estima-se ter havido …

Reino Unido quer reconhecer animais como seres com sentimentos

O Governo britânico anunciou um amplo plano de defesa dos animais que inclui medidas como o reconhecimento dos animais como seres com sentimentos, a proibição da exportação de animais vivos e da importação de troféus …