Haya, a princesa desaparecida, fugiu para Londres. Agora, teme pela vida

A princesa Haya, sexta mulher do emir do Dubai, refugiou-se em Londres. Fontes próximas dizem que teme pela vida e que terá deixado o marido depois de ter descoberto informações perturbadoras.

Depois de ter abandonado o país, é agora dado como certo que a princesa Haya Bint al-Hussein, sexta mulher do emir do Dubai, também vice-presidente e primeiro-ministro dos Emirados Árabes Unidos, Mohammed bin Rashid Maktoum, se refugiou em Londres, disposta a conseguir o divórcio, mas temendo pela sua vida.

Segundo o Expresso, as razões que a levaram a abandonar o marido não são claras. no entanto, fontes próximas atribuem a fuga ao facto de Haya al-Hussein ter descoberto recentemente informações perturbadoras relacionadas com o regresso ao Dubai de Sheikha Latifa, uma das filhas do emir, e que os defensores dos direitos humanos dizem ter sido forçada a voltar para casa depois de ter tentado fugir, em busca de “liberdade”.



No entanto, apesar das motivações, os dados para uma complicada batalha na justiça estão lançados, uma batalha que ameaça ter repercussões internacionais.

A princesa, de 45 anos, não escolheu Londres por acaso. Além de ter estudado na Bryanston School, em Dorset, na Universidade de Oxford, é próxima da família real britânica, à qual poderá ter pedido ajuda.

De acordo com o semanário, se o marido pedir a interferência dos canais oficiais, o assunto tem potencial para se transformar numa dor de cabeça diplomática para a Grã-Bretanha, que mantém uma estreita relação com os Emirados Árabes Unidos.

Por enquanto, a versão oficial da embaixada dos Emirados Árabes Unidos em Londres é de que não tem conhecimento de que Haya esteja no Reino Unido. Um porta-voz da embaixada disse ainda que “o Governo não pretende comentar alegações sobre a vida privada” dos cidadãos em causa.

Em relação à Jordânia, o Expresso lembra que a princesa é filha do falecido rei do país e meia-irmã do atual monarca, Abdullah. Além disso, quase um quarto de milhão de jordanos trabalha nos Emirados Árabes Unidos, pelo que ao país não interessa criar mal-entendidos com o Dubai.

Segundo a imprensa internacional, Haya al-Hussein não está sozinha em Londres e tem consigo, na luxuosa casa onde se refugiou, em Kensington Palace Gardens, os dois filhos.

O emir reagiu no Instagram, rede social onde publicou um poema no qual acusa de “deslealdade e traição” uma mulher não identificada.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. La foi ela para Londres, viver a custa dos contribuintes ingleses…

    Vai Europa, suporta estes parasitas todos!!!!!!!

    • Os contribuintes ingleses é que vivem à custa dos impostos pagos pelos emigrantes que suportam o NHS aos reformados bifes todos. E os reformados é que votaram Brexit em peso.

      Esse seu comentário é um bocado ranhoso.

    • Ironia da boa, suponho…
      Os ingleses é que vivem a custa de muito dinheiro sujo – que o digam árabes, russos, chineses, indianos, etc, que levam milhares de milhões todos os anos para Londres e arredores!…

RESPONDER

"Era como se a morte estivesse num copo." No século XVIII, o gin estava a arruinar a Inglaterra

A bebida alcoólica tornou-se tão popular no Reino Unido que os empresários começaram a utilizar todo o tipo de aditivos para enriquecerem. No século XVIII, o gin tornou-se a maior droga que o homem poderia consumir …

Vacinar animais contra a covid-19? Dezenas de zoos nos EUA estão a avançar com a ideia

Cerca de 70 jardins zoológicos e espaços de conservação nos Estados Unidos estão a administrar a vacina da farmcêutica veterinária Zoetis aos seus animais. Não são só os humanos que estão a ser vacinados contra a …

Lewis Hamilton: "Eu não disse que estava a morrer"

Acidente com Max Verstappen originou dores no campeão; Helmut Marko disse que já era "espectáculo" a mais. Troca de palavras entre os dois candidatos ao título. Como se esperava, o acidente que envolveu Lewis Hamilton e …

Autorretrato de Frida Kahlo deverá ser vendido por um valor recorde de 30 milhões de dólares

A Sotheby’s espera ultrapassar os 30 milhões de dólares (mais de 25 milhões de euros) com o autorretrato da pintora mexicana Frida Kahlo, no qual aparece também o seu marido Diego Rivera. O autorretrato Diego y …

David Luiz: "Um dos dias mais especiais da minha vida" - e ainda se fala sobre Jorge Jesus

Flamengo ficou mais próximo de mais uma final da Libertadores, depois de derrotar o Barcelona de Guayaquil. David Luiz estreou-se. O Flamengo venceu o Barcelona de Guayaquil por 2-0, na primeira "mão" das meias-finais da Copa …

Iémen. Escassez de alimentos empurra 16 milhões de pessoas para a fome, revela ONU

Pelo menos 5 milhões de pessoas no Iémen estão à beira da fome e outros 16 milhões estão "a caminhar para a fome", num país dilacerado pela guerra civil. O Programa Mundial de Alimentos (WFP, na …

Presidente da Tunísia governará por decreto, ignorando partes da constituição

O Presidente da Tunísia, Kais Saied, declarou que governará por decreto e ignorará partes da constituição, enquanto se prepara para mudar o sistema político, gerando críticas imediatas da oposição. Desde 25 de julho, dia em que …

Alemanha deixa de pagar quarentena a trabalhadores não vacinados

A Alemanha vai deixar de indemnizar trabalhadores não vacinados que forem forçados a quarentena devido ao coronavírus, por ser "injusto pedir aos contribuintes que subsidiem aqueles que se recusam a ser vacinados", disse na quarta-feira …

Governo acaba com recomendação do teletrabalho

O Conselho de Ministros decidiu acabar com a recomendação da opção pelo teletrabalho e eliminar a testagem em locais de trabalho com mais de 150 trabalhadores. Estas medidas integram a terceira e última fase do plano …

Cansado de denúncias, Betis pede aos seus sócios: "Portem-se bem"

Clube onde jogam dois portugueses quer que os adeptos tenham um "comportamento adequado" durante os jogos no Benito Villamarín. O Betis de Sevilha jogou seis vezes até agora, nesta época. Quatro desses encontros foram disputados em …