Há um rio de lixo a flutuar em Beirute

Um rio de lixo está literalmente a flutuar na capital do Líbano, uma situação que representa um enorme perigo não só para a saúde da população como para o meio ambiente.

A grande quantidade de lixo tem-se acumulado desde julho do ano passado, altura em que o aterro sanitário da capital libanesa foi encerrado.

Até hoje, não foi apresentada nenhuma solução para resolver o problema e não parece que isso esteja para acontecer tão cedo. Atualmente, a situação política no Líbano não é muito favorável e prova disso é o facto de o país não ter presidente há mais de um ano, estando o primeiro-ministro a assumir o papel de presidente interino.

Inicialmente, a população começou a despejar os resíduos pelas suas próprias mãos, nos subúrbios de Jdeideh, mas com o tempo a pilha de lixo continuou a crescer e a expandir-se.

Neste momento, estima-se que a cidade contenha cerca de dois milhões de toneladas de lixo. Os habitantes dizem que o cheiro a “podre” é cada vez mais insuportável e temem que a situação seja ainda pior nos meses de verão.

No mês passado, uma empresa britânica tentou arranjar uma solução que passava por enviar algum deste lixo para a Rússia. No entanto, as burocracias não foram tratadas a tempo e o acordo caiu por terra.

Sem outra escolha, os moradores deixam os sacos de lixo em qualquer lugar, quer seja em ruas ou rios, nos quais as toxinas podem contaminar os cursos de água.

Além disso, muitos têm optado por queimar os resíduos, uma situação para a qual já têm sido alertados por causa da libertação de gases tóxicos.

De acordo com o Tech Insider, houve um grande aumento de infeções respiratórias. Os internamentos em hospitais da cidade aumentaram 25% desde o ano passado.

A situação começa a tornar-se cada mais insuportável e os moradores protestam contra a falta de ajuda do Governo para ajudar a limpar as ruas.

“Este lugar costumava ser tão bonito, mas olhem como está isto agora”, diz uma residente à CNN. “Nós nem conseguimos andar por aqui”.

Como se a crise política e este rio de lixo não fossem problemas suficientes, o Governo também tem tido dificuldades em fornecer água limpa e eletricidade à população desde o ano passado.

A isto acresce ainda a crise dos refugiados, provocada pelo conflito na vizinha Síria, que tem colocado bastante pressão sobre o país.

ZAP / HypeScience

PARTILHAR

RESPONDER

Covid-19 já matou mais no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães da II Guerra

A pandemia de covid-19 já matou mais pessoas no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães durante a II Guerra Mundial. O novo coronavírus oriundo da China já matou cerca de 50.000 pessoas em território …

Estudo mostra que os cães querem mesmo resgatar os seus donos do perigo

Um novo estudo mostra que os nossos amigos de quatro patas querem realmente salvar-nos em momentos de aflição, mas desde que saibam como o fazer. De acordo com o site Science Alert, os investigadores reuniram 60 cães …

Derek Chauvin foi detido, mas os precedentes mostram que o polícia pode sair impune

Derek Chauvin, o polícia responsável pela morte de George Floyd, foi detido e aguarda a sua primeira audiência. No entanto, há precedentes que sugerem que o agente pode sair impune. Derek Chauvin tem a sua primeira …

Cientistas encontram dois fragmentos do meteorito de Barcelona

Cientistas espanhóis encontraram dois pequenos fragmentos do chamado meteorito de Barcelona, que caiu, há mais de 300 anos, no dia de Natal. No dia 25 de dezembro de 1704, um meteorito rasgou os céus e caiu …

"Pressionaram-me para o denunciar". Higuita recorda amizade com Escobar

A relação de amizade entre René Higuita e Pablo Escobar levou a que o ex-futebolista fosse seguido pelas autoridades. A polícia chegou a pressioná-lo para denunciar Escobar. O antigo internacional colombiano René Higuita é provavelmente uma …

George Floyd. Portugal junta-se às manifestações mundiais contra o racismo

Cinco cidades portuguesas juntam-se hoje à campanha de solidariedade mundial contra o racismo, associando-se à luta pela dignidade humana na sequência da morte, a 25 de maio, do afro-americano George Floyd, sob custódia da polícia …

Covid-19. México investiga mercado negro de atestados de óbito falsos

As autoridades da Cidade do México anunciaram que estão a investigar um suposto mercado negro de atestados de óbito relacionado com a covid-19, no dia em que o país registou 625 mortes nas últimas 24 …

Astrónomos descobrem "réplica" do Sol e da Terra a três mil anos-luz

O que diferencia esta descoberta de outros exoplanetas parecidos com a Terra é que a sua estrela tem uma semelhança impressionante com o nosso Sol. Entre os dados da missão Kepler, uma equipa de investigadores identificou …

Sem romarias e festas, milhares de famílias estão a entrar em falência

Milhares de famílias cujo rendimento depende das romarias e festas populares estão a atravessar sérias dificuldades económicas. Os prejuízos ultrapassam os 50 milhões de euros. A suspensão das festas populares e romarias religiosas em todo o …

Corpo de Maria Velho da Costa ficou 11 dias na morgue. Filho critica MP e fala em "massacre psicológico"

Os restos mortais da escritora Maria Velho da Costa, que faleceu a 23 de Maio, ficaram no Instituto de Medicina Legal, em Lisboa, durante 11 dias, sem que a família tivesse conhecimento de que já …