Há uma ameaça para a Humanidade “adormecida” no fundo do mar

Bob Embley / NOAA Office of Ocean Exploration

As alterações climáticas ameaçam causar uma enorme libertação de carbono que se encontra “adormecido” no fundo do mar, processo que já ocorreu no passado, tendo resultado num aumento da temperatura atmosférica de tal magnitude que acabou com a Era do Gelo, sugere um novo estudo.

A investigação, cujos resultados foram publicados em janeiro passado na revista especializada Environmental Research Letters, aponta que no final do período Pleistoceno – há aproximadamente 17000 anos – uma grande quantidade de gases de efeito de estufa escapou do leito oceânico para a atmosfera devido à atividade hidrotermal.

Tal como explicam os cientistas, estes reservatórios subaquáticos de dióxido de carbono e metano são produzidos quando a atividade vulcânica liberta gás, que é então congelado até que seja encapsulado como uma massa de hidratos nun estado líquido ou sólido.

Estes depósitos estão espalhados pelo leito marinho de todo o planeta e permanecem intactos, a menos que sejam perturbados por fatores externos, como o aquecimento dos oceanos. Se o carbono geológico preso no interior destes reservatórios for libertado, o nível de gases de efeito estufa na atmosfera irá sofrer um enorme aumento, agravando, consequentemente, ainda mais as alterações climáticas.

Tendo isto em conta, os cientistas alertam que com a atual taxa de aquecimento global, em grande parte causada pela atividade humana, os oceanos atingirão a temperatura considerada mais crítica até o final deste século.

A título de exemplo, os especialistas mencionam um reservatório de carvão de importantes dimensões localizado na parte ocidental do Oceano Pacífico, ao largo da costa de Taiwan, que precisa apenas de um pequeno aumento, ou seja, alguns graus Celsius para perder sua estabilidade.

National Academy of Sciences

Reservatório em Taiwan

“A última vez que aconteceu, a mudança climática foi tão drástica que causou o fim da Idade do Gelo”, frisou Lowell Stott, investigador da Universidade do Sul da Califórnia, nos Estados Unidos, e principal autor do trabalho. E concluiu: “Assim que o processo geológico começar, não podemos desativá-lo”.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Duas coisas:
    Uma primeira correção para o ZAP
    “O investigação, cujos resultados…” obviamente “A investigação…”

    Agora para o camarada Camargo:
    Depois, se isto já aconteceu no passado então também poderemos deduzir que há 17000 anos houve excessos ao nível da poluição por parte dos seres então dominantes?! Ou já estaria o seu trampa em funções?!

    • Falácia. Felizmente que o Trampa não estava em funções nessa altura. Nessa altura não existia o factor humano a desequilibrar pelo que a natureza se reequilibrou rebalanceando-se. Mas são ciclos de milhares de anos. Se você quer que os seus descendentes das próximas 6 ou 7 gerações passem por enormes dificuldades que não vou agora nem descrever, força continue a poluir. A Terra não morrerá por isso, os seus bisnetos talvez.

RESPONDER

Texto recentemente traduzido revela segredos sobre "poderes sobrenaturais" dos samurais

Um texto samurai recentemente traduzido - designado "Doze Regras da Espada" - revela os segredos de uma escola onde ensinavam a combater espadas, que desenvolveu e dominou determinada técnica que parecia fornecer aos seus praticantes …

Jesus orientou primeiro treino no Flamengo, pediu compromisso e deu lição

O treinador português Jorge Jesus iniciou hoje a ‘aventura’ na equipa de futebol do Flamengo, pedindo aos jogadores “compromisso” em prol do conjunto do Rio de Janeiro, antes de orientar o primeiro treino dos ‘rubro-negros’. “O …

Maher e Safa deixaram sonhos para trás. Mas reencontraram a paz em Portugal

Os sonhos de Maher e de Safa ficaram adiados com a guerra na Síria, mas reencontraram a paz em Portugal, onde residem há dois anos ao abrigo de um programa de acolhimento de refugiados. É no …

São Francisco poderá ser a primeira cidade a proibir venda de cigarros eletrónicos

Se esta decisão for aprovada pela FDA, São Francisco vai tornar-se a primeira cidade a banir a venda de cigarros eletrónicos. De acordo com o Observador, a Câmara de Supervisores de São Francisco, nos EUA, aprovou uma …

Nunca houve tantos deslocados no mundo. São mais de 70 milhões

Um novo recorde foi quebrado no mundo em 2018, com 70,8 milhões de pessoas deslocadas das suas casas ou dos seus países, devido às guerras ou perseguições, anunciou esta quarta-feira as Nações Unidas. O relatório anual …

A monogamia foi inventada pelas mulheres (e o casamento, pelos homens)

A poligamia é natural no ser humano e a monogamia foi criada por imposição para a mulher, diz o investigador português Rui Diogo, que usa a ciência e a história para explicar a relação entre …

Morreu o DJ Zdar do duo electrónico Cassius. Caiu da janela de um prédio em Paris

O músico, produtor e DJ francês Philippe Cerboneschi, mais conhecido por Zdar, morreu aos 50 anos após ter caído da janela de um apartamento em Paris. O seu agente confirmou a "queda acidental" sem revelar …

PS quer o Estado a pagar licença sabática aos portugueses para voltarem a estudar

A criação de uma licença sabática para qualificar trabalhadores e um sistema de prémios e penalizações para combater a desigualdade salarial são medidas que o PS inclui no seu projecto de programa eleitoral. O director do …

Putin reconhece: as condições de vida dos russos pioraram nos últimos anos

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, admitiu esta quinta-feira que as condições de vida no país pioraram nos últimos anos, mas assegurou que as autoridades russas trabalham para reverter essa tendência, e enumerou os primeiros …

Marcelo, o "verdadeiro professor", é estrela em promo de La Casa de Papel

O novo vídeo promocional de La Casa de Papel tem um protagonista improvável. Marcelo Rebelo de Sousa, ou, na verdade, uma imitação do Presidente da República, faz uma chamada para a inspetora Raquel. Na chamada telefónica, …