Greve de 6 meses no SEF vai deixar quase 7 mil vistos gold bloqueados

Tânia Rego / ABr

Os funcionários do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) vão estar em greve, a partir do dia 16 de janeiro até julho deste ano, arriscando a que quase sete mil pedidos de vistos gold fiquem bloqueados.

Em declarações ao jornal i, o sindicato do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras admite que, graças a esta greve de seis meses, vai ser impossível “dar vazão” a todos os pedidos que estão atualmente em análise.

No total, são 6.800 pedidos de vistos gold, que deram entrada no SEF desde o final de 2015, um número que representa quase o dobro dos que foram emitidos desde que este tipo de autorização de residência foi criada (apenas 3.715).

Tal como explica o jornal, o pedido para um visto gold exige um investimento mínimo de 500 mil euros em imóveis ou uma transferência de capitais num montante igual ou superior a um milhão de euros. Assim sendo, o número de pedidos pendentes representa mais de 3,5 mil milhões de euros que pode chegar a Portugal.

Ao jornal i, Manuela Niza Ribeiro, presidente do Sindicato dos Funcionários do SEF, alerta para o facto deste investimento poder vir a perder-se, caso os interessados comecem a desistir do processo e a olhar para outros países, como Espanha ou Chipre, “onde os processos de vistos gold são mais céleres”.

O sindicato decidiu avançar para esta greve devido à falta de resposta da tutela relativamente ao que consideram ser “um esvaziamento dos funcionários não policiais”. Escreve o jornal que, nos últimos três anos, o SEF perdeu 10% desses funcionários.

Também reclamam a reativação de um estatuto próprio de carreira e o pagamento de um subsídio que, apesar de estar previsto na lei, atualmente só é pago “à carreira de investigação e fiscalização”.

O protesto vai decorrer de uma forma faseada, isto é, em vez dos funcionários pararem todos ao mesmo tempo, haverá greves todos os dias da semana e em diferentes cidades e departamentos.

Greves na Saúde e na Educação

Além disso, os trabalhadores do setor da saúde também já anunciaram uma paralisação para o próximo dia 20 de janeiro. A aplicação das 35 horas semanais para todos, o descongelamento das progressões nas carreiras e o problema da precariedade são os motivos que levam a uma nova greve.

Por sua vez, diz o Dinheiro Vivo que nas escolas a greve chega a 3 de fevereiro com o pessoal não docente a reclamar por razões semelhantes aos colegas da saúde.

“A Educação é dos setores onde há mais situações de precariedade e onde mais se recorre aos Contratos-Emprego Inserção. Estando em causa funções de caráter permanente, há que resolver esta questão”, acentuou José Abraão, da Federação dos Sindicatos da administração Pública (FESAP), ao site.

Segundo dados da FNSTFPS, citados pelo Dinheiro Vivo, em 2014 havia mais de 60 mil funcionários não docentes, enquanto que, este ano, só trabalhavam nas escolas 49 mil.

ZAP //

RESPONDER

Templo Jodo Shinshu de Ishiyama-dera, em Otsu, Shiga, Japão

Templo em Tóquio oferece túmulos conjuntos para casais homossexuais

Um templo budista de Tóquio oferece pela primeira vez túmulos para casais do mesmo sexo, algo incomum no Japão, país que não reconhece o casamento homossexual e onde normalmente não se permite que casais que …

-

Cientistas portugueses e neozelandeses descobrem o maior polvo da Antártida

Uma equipa de investigadores portugueses e neozelandeses "analisou o maior polvo alguma vez encontrado na Antártida", anunciou a Universidade de Coimbra (UC), numa nota enviada esta quarta-feira à agência Lusa. O polvo gigante "megaleledone setebos" foi …

Encélado é o sexto maior satélite natural de Saturno

Lua de Saturno “sangra” água e calor após colisão cósmica

O polo sul de Encélado a sangrar calor e água, possivelmente devido a uma gigante colisão cósmica que ocorreu há 100 milhões de anos e provocou várias fissuras no sexto maior satélite natural de Saturno. A …

-

AT alerta para falsas mensagens de email a cobrar dividas às Finanças

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) alertou hoje que estão a ser enviadas para alguns contribuintes através de correio eletrónico falsas mensagens a solicitar a regularização de dívidas fiscais. "Estas mensagens são falsas e devem ser …

-

Internet não para de rir com o busto de Ronaldo na Madeira

Na manhã desta quarta-feira, o Aeroporto da Madeira recebeu uma cerimónia de homenagem a Cristiano Ronaldo e um novo nome. O evento contou com a presença do futebolista, do Presidente da República, Marcelo Rebelo de …

Tomás Correia presidiu ao Montepio entre 2008 e 2015

Ex-presidente do Montepio arguido em inquérito extraído da "Operação Marquês"

O ex-presidente do Montepio Tomás Correia foi constituído arguido num processo em que é suspeito de ter recebido indevidamente 1,5 milhões de euros do empresário da construção civil José Guilherme, confirmou à agência Lusa fonte …

-

Tribo indemnizada em 1,2 milhões de euros depois de se queixar da presença de espíritos

Uma das maiores companhias aéreas brasileiras, a Gol, vai ter de pagar 1,2 milhões de euros a uma tribo indígena, devido à queda de um avião em 2006, na qual morreram 154 pessoas, noticiou esta …

Afonso Dias, condenado pelo rapto de Rui Pedro

Condenado pelo rapto de Rui Pedro libertado da cadeia de Guimarães

Afonso Dias, condenado em março de 2013 a três anos de prisão pelo desaparecimento, em 1998, de Rui Pedro, foi esta quarta-feira libertado no Estabelecimento Prisional de Guimarães, indicou à Lusa o seu advogado. Segundo o …

-

Investigação revela onde estão sepultados prisioneiros portugueses da I Guerra Mundial

Descendentes de cerca de 200 prisioneiros portugueses da primeira Guerra Mundial (1914-1918) já podem saber onde se encontram sepultados estes expedicionários, através de um trabalho de investigação publicado em livro. A investigadora Maria José Oliveira reuniu …

-

Detidos 5 futebolistas e um membro dos Super Dragões por suspeitas de corrupção

A Polícia Judiciária deteve seis pessoas, entre as quais cinco futebolistas e um elemento da claque Super Dragões, e constituiu outros oito arguidos por suspeitas de associação criminosa, corrupção ativa e corrupção passiva, no âmbito …