Grande Muralha da China foi pavimentada com cimento e a Internet reagiu

zsoolt / Flickr

Grande Muralha da China

Fotos de uma secção da Grande Muralha da China transformada numa recta lisa e plana, coberta de cimento, após os trabalhos de restauração, estão a motivar duras críticas por parte dos internautas chineses.

Situado na província de Liaoning, nordeste da China, o trecho Xiaohekou, cuja construção remonta a 1381, compõe oito quilómetros daquele monumento, considerado património da humanidade pela Unesco.

As imagens postas a circular nas redes sociais mostram que o seu piso acidentado e degraus irregulares, onde ervas brotavam, foram pavimentados, dando lugar a uma longa faixa branca de betão.

“Isto parece obra de um grupo de pessoas que nem o ensino básico completou”, diz um utilizador do Sina Weibo, o Twitter chinês. “Se as obras serviram para isto, o melhor era terem rebentado com tudo”, acrescenta.

Outro internauta lamenta o “tratamento tão mau dos monumentos deixados pelos nossos ancestrais”. “Como é que pessoas com um nível de cultura tão baixo podem ocupar posições de liderança?”, pergunta ainda.

No entanto, a indignação estende-se a todo o mundo e vários utilizadores das redes sociais estão a manifestar o seu espanto e desagrado com a forma como as obras foram realizadas.

O próprio vice-director do departamento de Cultura de Liaoning admitiu, em declarações à televisão estatal CCTV, que o resultado da reparação “é bastante feio”.

Autoridades chinesas já estão a investigar

A Grande Muralha, construção da Dinastia Ming, não é uma estrutura única, integrada, mas sim uma construção por secções que se estende por milhares de quilómetros a partir de Shanhaiguan, na Costa Leste de Jiayuguan, atravessando as areias do deserto de Gobi.

Em alguns locais a estrutura está tão deteriorada que está em risco de desaparecer. As estimativas da sua extensão total variam entre nove e 21 mil quilómetros, dependendo se as secções que entretanto desapareceram são incluídas ou não.

Os trabalhos de restauração de Xiaohekou foram iniciados em 2012, visando “evitar maiores danos e degradação”, devido a “problemas graves na estrutura e inundações”, e completados em 2014, segundo um comunicado difundido pela Administração Estatal de Património Cultural.

O organismo governamental anunciou já uma investigação sobre quem aprovou e conduziu os trabalhos de reparo, afirmando que irá punir seriamente os responsáveis.

Mais de 30% da Grande Muralha da China desapareceu ao longo do tempo, devido a condições meteorológicas adversas e à actividade humana, como a retirada de tijolos para construção de casas, segundo estimativas divulgadas pela imprensa estatal.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. …em Portugal, na colónia do Algarve, pode-se constatar o mesmo tipo infeccioso de atitudes (feito aprovado por licenciados, cuja “inteligência” pode ser comparada ao nível dos quem possam pôr uma manada de vacas a voar ). Assassinam-se os Centros Históricos com traça da arquitectura regional tão típica e única ,para se inocular mamarrachos ,comparáveis aos edifícios de linha generalizada das Etares e casas mortuárias . Alguns Monumentos e Casas com interesse historico, grafitam-se-lhe as parêdes ou deixam pura e simplesmente, desmoronar os edifícios..!

RESPONDER

Estado Islâmico elege Israel como "alvo específico" da sua luta

O grupo 'jihadista' Estado Islâmico (EI) afirmou na segunda-feira, através de uma mensagem áudio, pretender desencadear uma "nova fase" da sua 'jihad', ao eleger Israel como alvo específico. O apelo foi emitido quando o Presidente norte-americano …

Francisco Rodrigues dos Santos: "No CDS não existem Joacines"

O líder do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos, afirmou hoje ter uma "confiança inabalável em todos os deputados" que representam o partido na Assembleia da República, e remeteu para mais tarde a questão da liderança …

Cada vez mais freiras sofrem de burnout no Vaticano

Há cada vez mais freiras a sofrerem de burnout no Vaticano. Várias irmãs denunciaram excesso de trabalho, stress, exploração laboral e abusos por parte dos superiores. Sem contrato de trabalho ou horários definidos, muitas freiras que …

"Foi uma cena de acidente devastadora". Helicóptero que matou Kobe Bryant não tinha caixa negra

As circunstâncias do acidente que provocou a morte de Kobe Bryant, da filha do ex-basquetebolista da NBA e de mais quatro pessoas, continuam a ser investigadas. Sabe-se, agora, que o helicóptero onde seguiam as vítimas …

EUA apresentam plano de paz para o Médio Oriente já condenado pela Palestina

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, apresenta esta terça-feira o seu plano de paz para o Médio Oriente, após reuniões com líderes israelitas, que poderá estar condenado ao fracasso, perante a rejeição dos …

Vacina chinesa para o coronavírus pode começar a ser testada em menos de 40 dias

A equipa chinesa que trabalha no desenvolvimento de uma vacina para combater o coronavírus de Wuhan disse que espera poder começar os testes em menos de 40 dias, informou a agência estatal Xinhua. Pelo menos 106 …

Netanyahu anuncia retirada da sua imunidade parlamentar

Benjamin Netanyahu retirou o pedido de imunidade ao Parlamento israelita contras as três acusações de que foi alvo em novembro, que envolvem casos de corrupção, fraude e abuso de confiança. O primeiro-ministro de Israel disse, em …

Vitória já tem proposta por Tapsoba (e pode fazer encaixe histórico)

O Vitória de Guimarães recebeu uma proposta por Edmond Tapsoba que pode levar os vimaranenses a abrir mão do jogador. Sabe-se que a proposta recebida ronda os 20 milhões de euros. A notícia avançada esta terça-feira …

Livre exige que património das ex-colónias em museus portugueses seja devolvido

O Livre quer que todo o património das ex-colónias, presente em território português, possa ser restituído pelos países de origem de forma a “descolonizar” museus e monumentos estatais. O partido da papoila quer que o património …

Pedro Sánchez usou helicóptero que procurava homem desaparecido

O primeiro-ministro espanhol requisitou, na passada quinta-feira, um helicóptero que estava a ser utilizado nas operações de busca de um homem de 34 anos que estava desaparecido em Maiorca. De acordo com o jornal espanhol ABC, tratava-se …