11 membros do Governo com registos de interesses em atraso (7 deputados obrigados a deixar cargos)

Manuel de Almeida / Lusa

O novo ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos (E), o novo ministro do Planeamento, Nelson Souza (C), e a nova ministra da Presidência e Modernização Administrativa, Mariana Vieira da Silva (D)

Os registos de interesses de 11 membros do Governo – 5 ministros e 6 secretários de Estado – não estão ainda disponíveis no site do Parlamento, cinco meses depois da tomada de posse do Governo. Este atraso deve-se, essencialmente, a “problemas de preenchimento”. Enquanto isso, sete deputados foram forçados a deixar cargos em empresas devido a incompatibilidades.

Os deputados Pedro Cegonho, Alexandre Quintanilha e Joaquim Barreto (PS), Ofélia Ramos, Lina Lopes e Lima Costa (PSD) e João Almeida (CDS) tiveram que deixar lugares em empresas ou entidades pelo facto de esses cargos serem incompatíveis com os seus postos na Assembleia da República, como reporta o Correio da Manhã (CM).

O jornal apurou que o Grupo de Trabalho que está a analisar os registos de interesses pediu “correcções” nos documentos a 209 dos 300 deputados e membros do Governo que estão obrigados a entregá-los.

Entretanto, há 11 elementos do Executivo cujos registos de interesses ainda não estão acessíveis para consulta online, no site do Parlamento. Estão em causa os ministros Eduardo Cabrita (Administração Interna), Nelson de Souza (Planeamento), Manuel Heitor (Ensino Superior), Pedro Nuno Santos (Infraestruturas e Habitação) e Maria do Céu Albuquerque (Agricultura), bem como os secretários de Estado Teresa Ribeiro (Negócios Estrangeiros e Cooperação), Eurico Brilhante Dias (Internacionalização), Ana Sofia Antunes (Inclusão de Pessoas com Deficiência), João Catarino (Valorização do Interior), Alberto Souto de Miranda (Adjunto e das Comunicações) e Nuno Russo (Agricultura e Desenvolvimento Rural).

O secretário-geral da Assembleia da República, Albino de Azevedo Soares, explica o atraso com “pedidos de esclarecimento ou de aditamento de documentação feitos pelo Grupo de Trabalho constituído no âmbito da Comissão de Transparência e Estatuto dos Deputados”, como refere ao CM.

O presidente do Grupo de Trabalho, Pedro Delgado Alves, acrescenta no mesmo jornal que não estão em causa situações de incompatibilidade, mas que o atraso “tem muito que ver com situações de natureza prática e até tecnológica, como problemas de preenchimento”.

Pedro Delgado Alves garante ainda que os registos já deram todos entrada no Parlamento para serem alvo de nova análise, antes da sua publicação online.

Entretanto, também os registos de nove deputados não podem ainda ser consultados. Estão em causa Alexandre Quintanilha, António Gameiro, Carlos Pereira, Hugo Pires, Joaquim Barreto, Paulo Pisco e Sónia Fertuzinhos, do PS, João Gonçalves Pereira, do CDS, e Joacine Katar Moreira, ex-deputada do Livre.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Embora reconhecendo quão é dificil poder enquadrar sobre essencial informativo,em todas as suas vertentes, apraz registar como integro e de excelente qualidade nas várias áreas que abrangentes, a informação produzida,e portanto avaliando a mesma de excelente qualidade.

  2. Coitado do Cegonho (de facto está mais magro). Agora fica-se “SÓ” por CONTINUAR Presidente da Junta de Freguesia de Campo de Ourique…

Responder a Eu Cancelar resposta

Descoberto novo tipo de matéria exótica no "coração" das estrelas de neutrões

Uma investigação levada a cabo por um grupo de cientistas da Finlândia encontrou fortes evidências da existência de matéria exótica de quarks no interior dos núcleos das maiores estrelas de neutrões. Em comunicado, os cientistas …

Os asteróides Ryugu e Bennu podem ser "filhos" de um mesmo pai

Os asteróides Ryugu e Bennu podem ter sido formados a partir de um outro asteróide de grandes dimensões, sugere uma investigação internacional. Simulações numéricas de grandes ruturas de asteróides, como as que ocorrem no cinturão de …

Diário de oficial nazi revela localização de tesouro escondido na Polónia durante a 2.ª Guerra Mundial

Um diário que esteve na posse de uma sociedade secreta durante décadas contém um mapa que descreve a localização de mais de 30 toneladas de ouro escondidas pelos nazis durante a Segunda Guerra Mundial. Escrito há …

"Pés de café" ajudam robôs a andar mais rápido (e sem tropeçar)

Uma das principais aplicações para robôs com pernas é a exploração de locais de desastre. No entanto, para atravessar os escombros, estas máquinas precisam de ter "pés" firmes. Uma equipa de investigadores da Universidade da Califórnia, …

Famalicão 2-1 FC Porto | Dragões falham reentrada

O FC Porto ficou hoje com a liderança da I Liga portuguesa de futebol em risco, ao perder em casa do Famalicão, por 2-1, na 25.ª jornada, que marca o regresso após a paragem devido …

Empresas chinesas compram soja dos EUA apesar de suspensão imposta pelo Governo

Empresas estatais chinesas terão comprado pelo menos três carregamentos de soja aos Estados Unidos (EUA), mesmo após o Governo ter levantado uma suspensão. Esta surgiu depois de Washington afirmar que terminaria com o acordo comercial …

Musk quer bombardear Marte. Pode ser só um "pretexto" para enviar armas nucleares para o Espaço

O plano de Elon Musk de bombardear Marte é apenas um pretexto para o lançamento de armas nucleares para o Espaço, disse o diretor da agência espacial russa Roscosmos, Dmitry Rogozin. Bombardear Marte para tornar o …

Quase 20 mil toneladas de combustível derramadas em rio na Rússia

https://cache-igi.cdnvideo.ru/igi/video/2020/6/2/%D0%BD%D0%BE%D1%80%D0%B8%D0%BB%D1%8C%D1%81%D0%BA.mp4 Quase 20 mil toneladas de combustível foram acidentalmente derramadas num rio no extremo norte da Rússia, levando as autoridades a declarar uma situação de "emergência" e levantando preocupações entre ambientalistas e residentes. Em comunicado, a associação …

Mais verde e mais barato. Suécia segue a Alemanha e instala a primeira turbina eólica de madeira

A Suécia instalou uma nova e interessante turbina eólica: uma torre construída em madeira. A Alemanha também já tem esta nova tecnologia. Construída a partir de materiais de fontes sustentáveis e que oferecem desempenho comparável às …

Já não mostra só as filas do supermercado. App "Posso ir?" também diz se pode ir à praia

A aplicação móvel que permite aos utilizadores consultar as filas e as afluências aos supermercados também mostra como está a praia. Agora, a aplicação "Posso ir?" vai também dizer-lhe se é ou não prudente ir dar …