Governo filipino escondeu mendigos em resort de luxo durante visita do Papa

Tânia Rêgo / ABr

O governo das Filipinas assumiu que afastou centenas de sem-abrigo e pedintes das ruas de Manila, a capital do país, levando-os para um resort de luxo, aquando da visita do Papa Francisco, de 15 a 19 de Janeiro.

Foi a responsável pela Segurança Social do país, Corazon Soliman, quem adiantou que 490 mendigos foram encaminhados para o resort Chateau Royale, um Country Club em Nasugbu, Batangas, a cerca de duas horas de Manila.

Depois de terem ficado neste espaço, onde a estadia de uma única noite pode custar cerca de 500 euros, os mendigos foram novamente devolvidos às ruas, já sem a presença do Papa no país.

Esta situação está a suscitar muitas críticas e o Parlamento das Filipinas já abriu um inquérito para analisar o que aconteceu.

“O Papa haveria de ter gostado de ver as Filipinas com os problemas incluídos. Não vamos fingir que somos um país de Primeiro Mundo“, destaca o deputado Terry Ridon, citado pelo jornal inglês The Guardian.

Corazon Soliman revelou, entretanto, que os mendigos foram retirados das ruas porque ficariam “vulneráveis a associações criminosas e muito discriminados”, caso lá ficassem durante a invasão de pessoas.

A visita do papa Francisco às Filipinas levou cerca de sete milhões de pessoas a Manila.

SV, ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Álvaro Costa apresenta projeto inédito de streaming

  Um canal inédito de streaming totalmente português é uma das ideias que Álvaro Costa pretende ver avançar já no próximo ano. O projeto será apresentado este sábado, às 21h30, no Mar Shopping. Álvaro Costa já chegou …

Um terço das empresas ainda não revelou o seu dono

As cerca de 600 mil empresas e outras entidades sujeitas a registo comercial que operam em Portugal eram obrigadas pelo Instituto dos Registos e do Notariado a fazer o Registo Central do Beneficiário Efectivo (RCBE) …

Benfica e Porto estarão interessados na contratação de Pepê

FC Porto e SL Benfica, juntamente com outros emblemas, estarão interessados na contratação do jovem brasileiro do Grêmio, Pepê. O clube pede entre 15 e 20 milhões de euros. Aos 22 anos de idade, Pepê tem …

Diamante de 183 quilates está à venda em leilão angolano

A Sodiam, empresa pública de comercialização de diamantes angolana, lançou na quarta-feira o segundo leilão para venda de diamantes brutos, que inclui uma pedra de 183 quilates, e no qual estão já registadas mais de …

Bruxelas aprova compra de Seguradoras Unidas e AdvanceCare pela Generali

A Comissão Europeia aprovou, esta quinta-feira, a compra das portuguesas Seguradoras Unidas e AdvanceCare ao grupo norte-americano Apollo pelo grupo italiano Generali, um negócio no valor estimado de 600 milhões de euros. O Executivo comunitário adiantou, …

"Rebeldes" que saíram do Partido Conservador concorrem como independentes ou pela oposição

Vários deputados dissidentes ou expulsos do Partido Conservador estão a candidatar-se como independentes ou por partidos da oposição nas legislativas de 12 de dezembro por se oporem ao Brexit negociado pelo primeiro-ministro. O antigo procurador-geral Dominic …

CGD já está a cobrar comissões nos depósitos de instituições financeiras

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) já começou a cobrar comissões nos depósitos das instituições financeiras, de modo a tentar contornar a política monetária do Banco central Europeu. A intenção de cobrar comissões nos depósitos de …

Câmara de Oliveira de Azeméis pagou contas de concelhia do PSD, acusa Ministério Público

O Ministério Público (MP) deduziu esta quarta-feira acusação contra 68 arguidos no âmbito da operação “Ajuste Secreto”. Entre os acusados está o antigo autarca da Câmara de Oliveira de Azeméis Hermínio Loureiro, que é a …

PAN defende atribuição de cartão de cidadão a sem-abrigo

A iniciativa recomenda ao executivo socialista, liderado por António Costa, que seja atribuído "um cartão de identificação a todos aqueles que não têm uma casa ou um teto". O PAN apresentou na Assembleia da República um …

Governo quer criar regras especiais para alunos do profissional acederem ao Ensino Superior

O Governo quer criar um modelo de acesso específico para alunos do ensino profissional que queiram prosseguir estudos superiores, uma proposta que chegou a estar desenhada na anterior legislatura, mas que ainda não avançou. Segundo noticiou …