Governo aprova subsídio a residentes nos Açores para viagens ao continente

Ruben JC Furtado / Wikimedia

São Roque do Pico, Açores

São Roque do Pico, Açores

O Conselho de Ministros aprovou esta quinta-feira o diploma que regula o subsídio social de mobilidade para os residentes nos Açores, que assegurará a quem vive nas ilhas que uma viagem ao continente lhes custará, no máximo, 134 euros.

Assim, os residentes, equiparados e estudantes nos Açores vão passar a receber um subsídio do Estado para as viagens de avião ao continente e à Madeira, a atribuir diretamente aos beneficiários mas só depois de comprado o bilhete, revelou o Conselho de Ministros.

“O auxílio social é variável por viagem e a sua atribuição vai ser feita a posteriori, sendo primeiro pago o bilhete e depois levantado o apoio”, disse o ministro da Presidência, Marques Guedes, após o Conselho de Ministros.

O valor da ajuda vai ainda ser definido por portaria conjunta dos ministros com a tutela das Finanças e do transporte aéreo, após audição do Governo da Região Autónoma dos Açores, tendo o governante explicado que a ideia de recorrer a uma portaria é a de poder atualizar no futuro o montante de apoios.

“O auxílio é criado no âmbito da revisão do modelo das referidas ligações aéreas, prevendo-se ainda a liberalização dos serviços aéreos regulares nas rotas Lisboa/Ponta Delgada/Lisboa, Lisboa/Terceira/Lisboa, Porto/Ponta Delgada/Porto e Porto/terceira/Porto”, acrescenta o Governo, no comunicado divulgado no final da reunião do Conselho de Ministros.

A liberalização destas rotas entra em vigor a 29 de março e resulta de um acordo entre o Governo da República e o executivo regional dos Açores, fechado no ano passado, que prevê, por outro lado, que os residentes no arquipélago pagarão um máximo de 134 euros pelas viagens a Lisboa ou ao Porto.

Se a companhia aérea lhe cobrar mais do que isso pelo bilhete, os residentes nas ilhas são depois reembolsados da diferença, sendo este o chamado subsídio social de mobilidade.

Até agora, o Governo indemnizava diretamente as companhias aéreas pelos bilhetes vendidos com tarifas para os residentes nos Açores.

A revogação das obrigações de serviço público nas ligações aéreas entre as ilhas de São Miguel e Terceira e o continente (Lisboa e Porto) foram publicadas a 27 de janeiro no Jornal Oficial da União Europeia, depois de terem sido enviadas para Bruxelas pelo Governo português, para autorização e publicação pela Comissão.

A aprovação e regulamentação do subsídio social de mobilidade para os residentes nos Açores permite, assim, operacionalizar na totalidade o novo modelo das ligações aéreas entre o arquipélago e o resto do país.

O novo modelo levará à entrada das chamadas low cost (companhias de baixo custo) na região autónoma.

Atualmente, só a TAP e a SATA (as transportadoras aéreas nacional e açoriana, respectivamente) voam para os Açores.

A easyJet e a Rayanair já anunciaram que vão voar para São Miguel (Ponta Delgada).

A SATA, por seu turno, revelou que vai continuar a voar para São Miguel e aumentar as ligações que faz entre a Terceira e Lisboa.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Ministra pediu desculpa aos enfermeiros por lhes ter chamado "criminosos", diz Ordem

A ministra da Saúde, Marta Temido, pediu desculpas aos enfermeiros através da sua Bastonária, Ana Rita Cavaco, depois de ter considerado que negociar com estes profissionais seria como favorecer o "criminoso", avança a Ordem.  “Isso nem …

Preços regulados da luz descem mesmo 3,5% em janeiro

O preço da eletricidade no mercado regulado vai baixar a partir de 1 de janeiro de 2019. A ERSE aprovou uma redução das tarifas reguladas de eletricidade, que representa 1,58 euros numa fatura mensal de …

Enfermeiros dão trégua no Natal e reforçam equipas

Os sindicatos que convocaram "greve cirúrgica" recomendaram aos grevistas que se apresentem ao serviço na sexta-feira, dia 21, tendo em conta o fim de semana prolongado devido ao Natal e a tolerância de ponto dada …

Deputado do PS nega presença-fantasma no Parlamento, mas Facebook desmente-o

Há mais um caso de um deputado com uma presença-fantasma no Parlamento. Desta vez, é afectada a bancada do PS e o deputado Nuno Sá que nega não ter estado no plenário a 12 de …

Funcionários públicos passarão a ter inscrição automática na ADSE

A inscrição dos funcionários públicos na ADSE passará a ser feita de forma automática, em vez de partir da iniciativa dos trabalhadores. Segundo o Público, esta medida esteve em cima da mesa numa reunião entre o …

Os papagaios são os "seres humanos" do mundo dos pássaros (e a genética explica porquê)

O papagaio-comum está para as outras aves assim como o ser humano está para os demais primatas: vive mais e é mais inteligente. Isto pode ser evidente a "olho nu", mas até agora não se conhecia …

Greve dos bombeiros arranca esta terça-feira e dura até janeiro

Os bombeiros profissionais vão estar em greve de quarta-feira a 2 de janeiro, com os Sapadores de Lisboa a começar a paralisação já esta noite, contra as propostas do Governo sobre estatuto e aposentação. Em Lisboa …

José Mourinho despedido do Manchester United

O técnico português José Mourinho foi esta terça-feira despedido do comando técnico do Manchester United, informou o clube britânico. A demissão, anunciada através do Twitter oficial do clube, surge após a derrota (3-1) frente ao Liverpool …

Ghosn terá desviado dinheiro para comprar casas, férias e até batatas fritas

O franco-brasileiro Carlos Ghosn, ex-presidente da Renault-Nissan, terá usado verbas da empresas para fins pessoais, para pagar desde casas a férias, até pacotes de batatas fritas, concluiu uma nova investigação. Ghosn está detido e foi oficialmente …

Afinal, os tornados não se formam como os meteorologistas pensavam

Se imaginarmos um tornado a formar-se, pensamos numa nuvem em forma de funil a descer dos céus como se fosse um dedo malicioso a tocar na Terra. No entanto, este modelo "de cima para baixo" …