Governo admite colocar bombeiros na prevenção de incêndios

O novo secretário de Estado das Florestas diz que é preciso “derrubar muros” entre a prevenção e o combate aos fogos e que, se for preciso, não vê problema em que os bombeiros façam o mesmo trabalho que os sapadores florestais.

Numa entrevista ao Público, o secretário de Estado das Florestas, Miguel Freitas, diz que nesta altura é preciso “olhar para a frente” e “quebrar este ciclo do fogo” e “deixarmos de ter este conceito separado de prevenção e combate e passar para um grande conceito da proteção da floresta”.

“Sinto que é evidente que é necessário quebrar alguns muros que existem ainda entre o que é o dispositivo de combate e o trabalho que desenvolve na prevenção”, destaca.

“Nós temos de trazer a lógica do combate para a prevenção. Só no momento em que conseguirmos que quem está no combate possa fazer prevenção é que conseguiremos vencer o desafio que temos pela frente”, continua.

(dr) presidencia.pt

Miguel Freitas, secretário de Estado das Florestas

Por isso, questionado se existe a possibilidade de os bombeiros virem a fazer o mesmo trabalho que os sapadores florestais, o secretário de Estado não rejeita a ideia.

“Temos de fazer avançar o sistema, o que significa pensar todas essas questões. O que digo é que não me repugna a ideia de que os bombeiros possam também ter intervenção em matéria de prevenção”, respondeu.

Na mesma entrevista, o governante garantiu que está a trabalhar “num horizonte de cinco anos” e que, no anterior Governo, “a floresta não foi uma prioridade”.

“No anterior programa comunitário, por responsabilidade do anterior governo, cerca de metade dos fundos das florestas foram transferidos para outros investimentos, para outras prioridades. A floresta não foi uma prioridade. Este ministro assumiu desde a primeira hora que não retiraria um tostão das medidas florestais“, declara.

Miguel Freitas, que chegou ao Governo poucos dias depois da tragédia em Pedrógão Grande, acredita ainda que “o país não é todo para florestar” e que “entre ter má floresta e não ter floresta, é preferível não ter”.

“Temos de fazer escolhas certas para não chegarmos ao verão e ver o país a arder”.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. “O que digo é que não me repugna a ideia de que os bombeiros possam também ter intervenção em matéria de prevenção”. “não me repugna”! Isso NÃO QUER DIZER “Governo admite colocar bombeiros na prevenção de incêndios”! Isso não quer dizer “não vê problema em que os bombeiros façam o mesmo trabalho que os sapadores florestais.”. Que mania esta da “imprensa” interpretar aquilo que não foi dito! Ao menos a ideia dos estudos para prevenção dos incêndios é clara, (e óbvia… e necessária) não deixando espaço para “interpretações” criativas. Façam o vosso trabalho (“imprensa”). Deixem de “ler” e “ver” aquilo que não foi escrito ou falado. O vosso dever é informar e não interpretar. Isso é trabalho (?) para os “comentadores”. Arre, que isso irrita!!!

RESPONDER

As montanhas geladas de Plutão são fruto de um processo único (e inverso ao da Terra)

As montanhas descobertas em Plutão durante o "flyby" da nave New Horizons pelo planeta anão em 2015 estão cobertas por um manto de metano gelado, criando depósitos brilhantes impressionantemente parecidos aos das cadeias de montanhas …

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …