Encontrada a possível causa da “mãe de todas as extinções em massa”

O calor libertado por rochas incandescentes pode ser uma possível causa para a maior extinção mundial, que ocorreu há quase 252 milhões de anos, revela um estudo divulgado esta segunda-feira na revista “Nature”.

O estudo foi liderado por James Muirhead, do Departamento de Ciências da Universidade de Artes e Ciências da Universidade de Syracuse, e pelo geólogo Seth Burgess e o professor de Geologia do Instituto de Tecnologia de Massachusetts Samuel Bowring.

De acordo com as investigações, a formação de rochas incandescentes gerou uma série de eventos que provocaram a extinção Permo-Triássica, durante a Era Paleozóica, onde mais de 95% das espécies marinhas e 70% das terrestres foram extintas.

“Foram cinco grandes extinções desde o início da vida na Terra, há mais de 600 milhões de anos. A maior parte desses eventos foi atribuída a erupções vulcânicas e impactos de asteróides”, explicou Burgess.

“Ao voltar a examinar os tempos e as conexões entre o magmatismo – movimento de lava -, a mudança climática e a extinção, criamos um modelo que explica o que desencadeou a extinção em massa do final do período Permiano”, acrescentou.

No centro da investigação estão os chamados Trapps siberianos, ou “províncias magmáticas siberianas”, que formam uma grande região de rocha vulcânica, conhecida como Grande Região Ígnea, na Sibéria.

Esta região foi o centro de quase 1 milhão de anos de intensa atividade vulcânica, a qual espalhou volumes significativos de lava, cinzas e gás, ao mesmo tempo que libertou níveis perigosos de sulfureto, dióxido de carbono e metano para o meio ambiente.

Segundo Muirhead, a investigação sugere que “os fluxos de lava da superfície aconteceram muito rápido para provocar uma extinção em massa” e acrescenta que “em vez disso, houve um intervalo de magmatismo que desencadeou todos os eventos que provocaram a extinção em massa”.

“O calor libertado pelas rochas incandescentes e a expulsão de sedimentos ricos em gás, que entraram em contacto com o metamorfismo, libertaram enormes quantidades de gases de efeito estufa, necessários para provocar a extinção”, disse Muirhead.

Segundo o investigador, o seu modelo de estudo “relaciona o começo da extinção com o impulso inicial do local das rochas incandescentes” e representa “um momento crítico na evolução da vida na Terra “.

EFE ZAP // EFE

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

A linguagem de Benoit está a morrer. O senegalês quer salvá-la através da música

O senegalês Benoit Fader Keita está a usar o poder da música para salvar a sua linguagem, ménik, que tem apenas 3 mil falantes e está em risco de extinção. Benoit Fader Keita nasceu no Senegal …

Doença cerebral misteriosa intriga médicos no Canadá

 A doença misteriosa foi identificada, pela primeira vez, em 2015, num doente considerado um "caso isolado e atípico". Há quase dois anos, Roger Ellis desmaiou depois de ter tido uma convulsão durante o 40.º aniversário de …

Estudo sugere que há quatro tipos de Alzheimer

Uma equipa de investigadores sugere que há quatro tipos da doença de Alzheimer, que atacam diferentes zonas do cérebro e têm sintomas distintos. Um novo estudo sugere que o Alzheimer é uma doença bem mais complexa …

Jovens tentam salvar vidas na Índia através do Youtube. Plataforma elimina vídeos por serem "perigosos"

A Índia continua a debater-se com a grave crise sanitária desencadeada pela covid-19. Jovens indianos publicaram no Youtube vídeos a produzir oxigénio em casa, usando processos químicos ensinados nas escolas. A plataforma eliminou-os. De acordo com …

Shuvuuia era um dinossauro do tamanho de uma galinha, que caçava às escuras

Os investigadores descobriram que Shuvuuia, um pequeno dinossauro do tamanho de uma galinha, tinha uma excelente audição e visão noturna, que lhe permitiam caçar de noite. São poucas as aves que têm aquilo que é preciso …

Na China, é ilegal pedir comida em excesso nos restaurantes

A China aprovou uma lei anti-desperdício de alimentos que proíbe clientes de restaurantes de pedirem mais do que precisam, uma legislação abrangente pode prejudicar a experiência de comer fora de casa. A lei, que entrou em …

Sindicato de pilotos denuncia pedidos da TAP para voos em folga

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) denunciou pedidos da Transportadora Aérea Portuguesa (TAP) para que alguns trabalhadores efetuem voos em dias de folga, ao mesmo tempo que afirma ter pilotos em excesso. Num email …

Bayern Munique 'festeja' nono título consecutivo com goleada

O Bayern Munique coroou este sábado o seu nono título consecutivo na Liga alemã de futebol com uma goleada no triunfo diante do Borussia Moenchengladbach (6-0), num jogo com um hat-trick de Lewandowski. Antes de pisar …

A piscina infinita mais alta do mundo fica no Dubai

Haverá poucas coisas tão libertadoras como dar um mergulho numa piscina infinita com vista para o oceano. Agora, quem visitar o Dubai poderá fazê-lo numa piscina a quase 300 metros acima do nível do mar. Segundo …

"Polskie Babcie", as avós que lutam pela democracia na Polónia

Um grupo de idosas polacas organiza protestos, todas as semanas, para lutar pela democracia no país, governado pelo partido de direita nacional-conservador e democrata-cristão Lei e Justiça (PiS). É hora de ponta em Varsóvia, capital da …