“Pensam que somos apenas amigas”: as gémeas que nasceram com a cor da pele diferente

National Geographic / Hammond Robin

Quando as duas eram pequenas, as pessoas olhavam-nas com espanto. Gémeas bivitelinas e filhas de mãe inglesa e de pai com ascendência jamaicana, Marcia e Millie Biggs eram muito parecidas, exceto por um aspeto: a cor da pele. Uma era branca e loira e a outra negra.

As crianças, hoje com 11 anos, estampam a capa da edição de abril da National Geographic, dedicada a debater como a raça “nos define, nos separa e nos une”. A fotografia das gémeas é acompanhada pelas frases: “Essas irmãs gémeas fazem-nos repensar tudo o que sabemos sobre raça”.

As “meninas milagre“, como a mãe lhes chama, fazem parte de um grupo muito restrito de irmãos gémeos que têm cores de pele diferentes, segundo o Observador.



Ao nascerem, com as feições muito similares, a cor da pele era o que as distinguia. Com o cabelo loiro e pele clara, Marcia herdou os traços da mãe, e Millie, de cabelos castanhos e pele escura, foi buscar os seus traços ao pai.

Passados 11 anos, as diferenças entre as duas são mais visíveis, mas nem por isso são alvo de discriminação, antes, conta a mãe, são alvo de mentes curiosas. Com o passar do tempo, diz, “as pessoas começaram a ver a sua beleza“.

“Quando eram bebés, as pessoas olhavam para elas no carrinho e perguntavam: ‘Mas são gêmeas?'”, diz a mãe, Amanda Wanklin, à revista. Ao ouvir a resposta afirmativa, ela ouvia de volta: “Mas uma branca e outra é negra”. Ao que Wanklin respondia: “São os genes“.

“Quando as pessoas nos veem, pensam que somos apenas melhores amigas”, diz Marcia à publicação. “Quando descobrem que somos gémeas, ficam chocadas porque uma é negra e a outra branca.”

Numa gestação de gémeos bivitelinos, cada óvulo é fecundado por espermatozoides diferentes. Assim, os bebés podem herdar características genéticas distintas, como por exemplo a cor da pele.

A geneticista Alicia Martin diz à revista que não é tão raro que, quando um casal interracial tem gémeos bivitelinos, um se pareça mais com um dos pais do que o outro.

A especialista diz que cada traço herdado pelos gémeos depende de inúmeras variáveis, incluindo de onde são os antepassados dos pais e a complexa genética que define a cor da pele.

Na internet, há outras crianças gémeas de cor de pele diferente que fazem sucesso nas redes sociais. É o caso de Isabella e Gabriella, com mais de 50 mil seguidores na conta do Instagram da mãe, Clementina Shipley.

  // BBC

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

A humanidade sobreviveu a cinco apocalipses. E está preparada para mais

Nos últimos meses, a atenção mediática tem recaído sobre temas como pandemias, vulcões, sismos e outras catástrofes a que, não sendo novidades, a humanidade tem vindo a sobreviver de forma quase inexplicável. Pandemias, vulcões, sismos, cheias …

OE. Costa promete salário mínimo de 850 euros em 2025 e aumento de pensões em janeiro

O secretário-geral do PS, António Costa, afirmou esta sexta-feira que é intenção do Governo elevar o salário mínimo aos 850 euros em 2025 e aumentar o mínimo de existência no próximo ano, isentando de IRS …

Cientistas portugueses ajudam a descobrir novo mecanismo para regeneração muscular

O músculo é conhecido por se regenerar através de um processo complexo que envolve várias etapas e depende de células-tronco. Mas uma nova pesquisa apresenta um novo mecanismo. Um novo estudo liderado por investigadores do Instituto …

Investigadores de Harvard utilizam corantes para armazenar dados

Na era digital, quase tudo é possível. Uma equipa de químicos de Harvard desenvolveu um novo sistema que utiliza misturas de sete corantes fluorescentes disponíveis comercialmente para armazenar ficheiros de dados. É comum pensarmos no armazenamento …

Uma impressão artística de um impacto gigantesco no sistema estelar HD 17255

Dois planetas envolveram-se num choque tão violento que um deles perdeu a atmosfera

Uma equipa de astrónomos encontrou provas de uma gigantesca colisão entre dois planetas num sistema planetário jovem, localizado a 95 anos-luz da Terra. A poeira à volta da jovem estrela HD 172555, de 23 milhões de …

Rorhwerk, o maior instrumento musical do mundo

Rohrwerk, uma obra de arte efémera, é a maior "fábrica do som" do mundo

Uma espécie de "pavilhão do som". Alunos da Escola Politécnica de Lausanne (EPFL), na Suíça, criaram um novo instrumento musical, o maior alguma vez construído. Com 45 metros de altura, a obra de arte imponente …

Costa já pediu desculpas às confederações patronais. "Houve um lapso"

O primeiro-ministro afirmou, esta sexta-feira, que já apresentou um pedido de desculpas às confederações patronais por o Governo ter aprovado duas medidas na área do trabalho sem antes as ter apresentado em Concertação Social. À chegada …

Luxemburgo torna-se o primeiro país da Europa a legalizar o cultivo e consumo de canábis

O Governo luxemburguês anunciou, esta sexta-feira, que o país será a primeira nação do Velho Continente a legalizar o cultivo e o consumo de canábis. De acordo com a nova legislação, explica o jornal The …

Prisão preventiva para suspeitos da morte de jovem no metro das Laranjeiras

Os quatro suspeitos da morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa, ficaram em prisão preventiva, depois de presentes a primeiro interrogatório judicial. Os quatro arguidos, com idades entre os …

Cristiano vs. Salah: Klopp não queria comparar mas comparou

Treinador do Liverpool não acredita que vai encontrar um adversário debilitado: "Eles são capazes de fazer coisas incríveis". É o grande jogo de futebol no Reino Unido e um dos mais aguardados em todos os países: …