/

Gelo a cair num buraco faz barulhos estranhos (e parece uma batalha de lasers)

1

Alguma vez pensou o que se ouve quando deixamos cair gelo num buraco gelado profundo? Já não precisamos de pensar mais – e já podemos ouvir.

O vídeo do pedaço de gelo a cair num buraco de 137 metros foi partilhado na rede social Twitter pelo geoquímico John Higgins. Pode parecer brincadeira, mas há uma boa razão para os sons estranhos – e uma excelente razão pela qual os cientistas estão a fazer buracos com centenas de metros de profundidade na Antártica.

Higgins, professor associado de geociências na Universidade de Princeton, e os colegas estavam na Antártida em busca de núcleos de gelo que podem ter milhares e até milhões de anos de idade. Estas amostras antigas podem fornecer uma riqueza de informações, desde climas até condições atmosféricas. Neste caso, procuravam bolhas de gás presas nos núcleos de gelo, que contêm amostras primitivas de dióxido de carbono, metano e outros gases que podem revelar as condições daquela época.

No ano passado, Higgins fazia parte de uma equipa que descobriu as bolhas de gás mais antigas depois de extrair núcleos de gelo de dois milhões de anos. Recentemente, voltaram a Allan Hills, uma região no final das montanhas transantárticas, famosa pela sua área de “gelo azul” e pela descoberta de meteoritos lunares e marcianos, para colher mais amostras.

Segundo Higgins, a ideia de atirar gelo para o buraco foi de Peter Neff, investigador da Universidade de Washington. De acordo com um comunicado, Neff também estava na Antártida a colher amostras de gelo para estudar o ar antigo e a forma como a atmosfera “se limpa”. Segundo ele, estudar bolhas presas em núcleos de gelo é como olhar para anéis de árvores, podemos construir registos de como era o clima no passado.

No entanto, “quando temos todos estes furos já estudados, já fez toda a Ciência”, disse Neff. “A coisa humana lógica a fazer é atirar um pouco de gelo para o buraco profundo para ver como soa”.

Foi quando lançaram o pedaço de gelo que perceberam que o som se assemelhava a um batalha de armas de laser – e o barulho parecia saído de um filme de ficção científica.

De acordo com o IFLScience, o som distorcido quando o gelo cai relaciona-se com o fenómeno conhecido como Efeito Doppler. Esta é a mudança na frequência e no comprimento de onda causada pela mudança na distância da fonte da onda e do que a observa. Um exemplo disso é a mudança de tom quando um veículo de emergência com uma sirene passa. As ondas sonoras são compactadas à medida que se aproximam e se estendem quando se afastam, diminuindo a frequência e o tom.

“Quando o gelo atinge o fundo do poço, o som não vem apenas para cima – as ondas sonoras começam a ricochetear nas laterais do buraco. É por isso que se ouve este som. Com um tipo de batimento cardíaco depois”, disse Neff.

  ZAP //

1 Comment

  1. “Alguma vez pensou o que se ouve quando deixamos cair gelo num buraco gelado profundo?”
    Realmente… eu nem conseguia dormir só de pensar nisso!…
    Ainda bem que está resolvida mais uma questão que tanto procupava a humanidade!…

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.