Debaixo do gelo da Antártida escondem-se restos de antigos continentes perdidos

De todos os continentes do planeta, sabe-se menos sobre a massa gelada da Antártida. Agora, cientistas usaram imagens de satélite para investigar a tectónica da Terra, revelando as estruturas ocultas do continente.

Devido à localização remota e abundância de gelo, mapear as características geológicas da Antártida é complicado, mas o satélite “Gravity Field and Steady State Ocean Circulation Explorer” (GOCE) conseguiu ver o que outros satélites não conseguiram – medindo com precisão a força da gravidade da Terra para mapear o terreno oculto.

De acordo com a investigação, publicada a 5 de novembro na Scientific Reports, o GOCE ficou inativo depois de ficar sem combustível em 2013, mas os especialistas ainda estão a estudar os dados recolhidos. Os investigadores dizem que os resultados fornecem uma nova visão sobre como a Antártida foi formada e sobre a forma como as placas tectónicas funcionam.

“Na região este da Antártida, vemos um mosaico empolgante de características geológicas que revelam semelhanças e diferenças fundamentais entre a crosta debaixo da Antártida e outros continentes até 160 milhões de anos atrás”, explicou Fausto Ferraccioli, da British Antarctic Survey.

A Antártida já fez parte do super-continente Gondwana, que começou a desintegrar-se há cerca de 130 milhões de anos. O vínculo entre a Antártida e a Austrália só desapareceu há 55 milhões de anos.



Ao combinar as leituras do satélite com dados sismológicos, os investigadores conseguiram criar mapas em 3D da litosfera da Terra, que inclui cadeias montanhosas, costas oceânicas e zonas rochosas – os restos de antigos continentes perdidos.

“Os dados da gravidade dos satélites podem ser combinados com dados sismológicos para produzir imagens mais consistentes da crosta e manto superior em 3D, o que é crucial para entender como a dinâmica das placas tectónicas e do manto profundo interagem”, disse Jörg Ebbing, da Universidade de Kiel, na Alemanha.

O satélite GOCE circulou pelo nosso planeta durante mais de quatro anos, desde março de 2009 a novembro de 2013. Durante este tempo, ficou excecionalmente próximo da Terra, a uma altitude de 225 quilómetros, para maximizar a precisão das suas medições.

Entre as conclusões do estudo está ainda a descoberta de uma crosta e litosfera mais fina sob a Antártida ocidental em comparação com a parte oriental.

Estes dados têm uma utilidade para além do mapeamento dos restos dos antigos continentes. As conclusões podem usar usadas ainda para descobrir como as camadas de gelo localizadas acima do terreno podem reagir às temperaturas mais altas.

Com tantas variáveis poderá ser um desafio para os investigadores prever como o degelo se vai processar na Antártida e qualquer ajuda é bem vinda – mesmo vinda de um satélite inativo como o GOCE.

“Estas imagens gravitacionais estão a revolucionar a nossa capacidade de estudar o continente menos compreendido na Terra: a Antártida”, rematou Ferraccioli.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Devido à posição geográfica, “os restos de antigos continentes ” poderão ser o que sobrou do afundamento de Lemúria, o célebre continente “MU”…
    Assinado: Maria da Maia

RESPONDER

O que esperar da noite eleitoral, com base nas sondagens

Para além do poder local, muito está em jogo nas próximas eleições autárquicas, com algumas direções nacionais a fazerem depender seu futuro do resultado alcançado no domingo. Enquanto os resultados oficiais não abrem, uma ronda …

Vulcão, La Palma

Vulcão nas Canárias com períodos mais explosivos já devastou 240 hectares

O vulcão Cumbre Vieja, na ilha de La Palma (Canárias) mantém-se ativo, apresentando períodos mais explosivos e tendo já devastado cerca de 240 hectares de terrenos num perímetro de cerca de 16 quilómetros. Dados também fornecidos …

IVAucher só poderá ser utilizado em 1% dos restaurantes e hotéis

A apenas uma semana do início da segunda fase do IVAucher, só 1.500 empresas de restauração, alojamento e cultura, de um total de 118 mil, estão inscritas no programa. Até ao fim de agosto, os consumidores …

"Ganhámos com a covid-19". Depois do "ridículo", Secretário de Estado explica-se

O Secretário de Estado da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias, entrou na campanha eleitoral pelos piores motivos. Tudo porque disse que "ganhámos com a covid". Uma frase que já veio explicar depois de ter sido arrasado, …

Fora dos planos de Jesus, Gabriel pode estar de saída para o Qatar

O Al-Gharafa quer Gabriel por empréstimo com duração de uma temporada. O negócio está perto de se concretizar e envolve uma opção de compra de 6 milhões de euros. O Benfica continua à procura de solução …

Ex-presidente da Catalunha detido em Itália (e pode vir aí mais uma derrota para Espanha)

Carles Puigdemont, o ex-presidente da Catalunha, foi detido em Itália, na Sardenha. O também eurodeputado era alvo de um mandado internacional e vai tentar, mais uma vez, escapar à extradição para Espanha. Fontes contactadas pela agência …

Detida boliviana investigada pelo acidente do avião que transportava o Chapecoense

A Polícia Federal do Brasil deteve na quinta-feira uma cidadã boliviana sob investigação pelo desastre aéreo ocorrido em 2016, no qual morreram 71 pessoas, incluindo futebolistas, treinadores e diretores do Chapecoense. Segundo a polícia de Corumbá, …

"Foi uma opção equilibrada". Especialista refere que nova fase de desconfinamento é essencial

A última fase de desconfinamento está prestes a chegar. O momento foi ansiado por muitos portugueses que agora vão podem ter mais liberdade no seu dia a dia. Especialista refere que este passo é essencial. Ao …

Tite tem os dias contados na canarinha. "Com esta forma de jogar, o Brasil vai ser atropelado"

O ex-internacional brasileiro Romário teceu duras críticas a Tite, sugerindo que o treinador deveria abandonar o comando técnico da seleção 'canarinha'. O antigo jogador do Barcelona disse que, a continuar a jogar assim, o Brasil será …

Para responder às acusações de eleitoralismo, Costa puxou do calendário. "Nada disto é novidade"

Proximidade do anúncio do fim das restrições para conter o avanço da pandemia às eleições autárquicas foi vista pelos partidos da oposição como uma manobra eleitoral para capitalizar os votos nos candidatos do PS. Após o …